Goiás

Carregamento de rodas de caminhão roubado em Santa Catarina é recuperado

Cerca de 500 unidades foram roubadas em Santa Catarina na semana passada.
19/01/2018, 11h51

Uma equipe da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar/PCGO) recuperou nesta sexta-feira (19/1) um carregamento de rodas de caminhão que foi roubado na semana passa em Santa Catarina.

Os ladrões foram levados para a delegacia para a realização dos procedimentos cabíveis.

Aproximadamente 500 unidades foram recuperadas. O carregamento está avaliado em 300 mil reais.

Foto: Divulgação

A operação contou com a integração entre as polícias civis de Goiás, São Paulo e Santa Catarina.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Educação

Mais de 100 mil alunos de Goiânia iniciam ano letivo na segunda-feira

Abertura oficial será às 8h, na Escola Municipal Paulo Teixeira de Mendonça.
19/01/2018, 12h05

Nesta próxima segunda-feira (22/1), mais de 100 mil alunos iniciam o ano letivo nas escolas, centros municipais de Educação Infantil e unidades conveniadas de Goiânia.

A abertura oficial será às 8h, na Escola Municipal Paulo Teixeira de Mendonça, no Setor Negrão de Lima, com as boas-vindas do secretário municipal de Educação e Esporte, Marcelo Costa.

Crianças, adolescentes, jovens e adultos matriculados na Educação Infantil e Fundamental, com idade a partir de seis meses, iniciam as atividades educacionais, com atendimentos que vão desde o período parcial ao integral, garantia de alimentação conforme a modalidade de ensino, participação em programas e projetos desenvolvidos pela Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME), além de atenção específica de acordo com as necessidades dos educandos.

Calendário

O Calendário Escolar para 2018 garante o cumprimento da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN) que determina 200 dias letivos e 800 horas de efetivo trabalho escolar. Até 21 de dezembro, as atividades pedagógicas serão desenvolvidas nas 362 unidades educacionais da Capital.

Serviço:

Assunto: Abertura do Ano Letivo 2018

Data: 22/1 (segunda-feira)

Horário: 8h

Local: Escola Municipal Paulo Teixeira de Mendonça (Rua Três Marias, qd. 36, lt. 1, Setor Negrão de Lima)

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Trânsito

Secretaria de Trânsito de Goiânia realiza campanha 'Volta às Aulas'

O lançamento da ação será na próxima segunda-feira (22/1), às 6 horas.
19/01/2018, 12h27

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT), inicia na próxima segunda-feira (22/1), às 6 horas, a campanha educativa “Volta às Aulas” em unidades educacionais da capital.

O objetivo da ação, de acordo com o titular pasta, Fernando Santana, é orientar pais, alunos e condutores de transporte escolar sobre um trânsito seguro para crianças e adolescentes.

Durante duas semanas, agentes de trânsito promoverão intervenções em vias, fiscalização em faixas de pedestres, orientação sobre temas como travessia segura, situações de embarque e desembarque de passageiros, uso do cinto de segurança e fila dupla.

“A campanha tem como finalidade a conscientização da comunidade escolar e sociedade sobre a importância da prudência ao deixar os filhos nas unidades educacionais ”, afirma Santana.

A diretoria de Educação para o Trânsito da SMT estará com equipes nos cruzamentos coibindo condutores que insistem em parar os veículos em lugares proibidos.

“Quem insistir no erro será autuado. Muitos sabem o que precisa ser feito, mas por má conduta ou teimosia tumultuam e colocam os filhos e terceiros em perigo”, destaca o gerente do departamento Horácio Ferreira.

A SMT, segundo Santana, realiza o trabalho de orientação nas escolas que recebem grande fluxo de veículos, mas caso o gestor precise de ajuda em sua unidade, deve ligar no departamento de Educação para o Trânsito, no telefone 3524-1220, e agendar uma visita.

“A ação ocorre pela manhã e na saída dos alunos, ao meio dia. Equipes estarão monitorando a região das escolas durante o intervalo de entrada e saída para retirar veículos estacionados em lugares indevidos”, destaca.

O secretário pede que os pais se programem para que o retorno do calendário estudantil ocorra em paz. “O problema não é causado pelo trânsito da via, mas por alguns motoristas que param em qualquer lugar. Orientamos que saiam de casa um pouco mais cedo para deixar a criança e, assim, seguir para os demais compromissos”, alerta Santana, que acrescenta que o correto é estacionar o carro em local adequado para depois deixar o aluno na porta da escola.

Santana disse ainda que dezenas de unidades serão atendidas em vários pontos da capital. As unidades foram monitoradas e catalogadas pela SMT no segundo semestre de 2017 para aferir o fluxo e, então, receber a campanha educativa.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Brasil

Nove pessoas seguem internadas após atropelamento de Copacabana

O motorista estava com a sua CNH suspensa desde maio de 2014. Ele acumula 62 pontos por infrações e 14 multas nos últimos 5 anos.
19/01/2018, 13h54

Nove pessoas permanecem internadas após o motorista Antonio de Almeida Anaquim, de 41 anos, atropelar 17 pessoas na orla de Copacabana no Rio de Janeiro, na noite desta última quinta-feira (19/1), segundo informa a Secretaria Municipal de Saúde.

Entre elas estão três crianças de 2, 7 e 10 anos e um turista australiano de 68 anos que não teve a identidade revelada. Ele está em estado grave e respirando por aparelho. Por causa do acidente, um bebê de oito meses que estava no local morreu.

Conforme a Secretaria Municipal de Saúde, das 16 vítimas, nove pessoas com ferimentos mais graves foram levadas para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, Zonal Sul da cidade. Destas, quatro receberam alta de ontem para hoje.

Os outros sete feridos foram socorridos no Hospital Municipal de Souza Aguiar, todos com ferimentos mais leves, incluindo a mãe do bebê que não resistiu aos ferimentos e morreu na UPA de Siqueira Campos para onde foi levado.

No caso dessas vítimas, três receberam alta enquanto outros dois, pai e o filho de dois anos, foram transferidos para ficarem juntos dos outros dois filhos internados no Miguel Couto.

De acordo com testemunhas, Anaquim teria perdido o controle do carro por volta das 20h30 na altura da Rua Figueiredo de Magalhães atropelando 17 pessoas. Antonio afirmou a polícia que teve um ataque epilético e não conseguiu mais controlar o veículo. Um exame do Instituto Médico Legal (IML) constatou que ele não havia ingerido bebidas alcoólicas antes de dirigir. A perícia encontrou remédios para epilepsia em seu carro.

O escultor de areia Euclides Bittencourt que estava no local na hora do acidente e foi um dos primeiros a chegar ao carro conta o acontecido. “Tirei as chaves para que o motorista não pudesse fugir e entreguei ao policial. O homem parecia desacordado, estava meio tonto. Tinha muita gente machucada em volta, porque o carro entrou direto no calçadão, como se fosse parte da pista. Foi uma das coisas mais horríveis que vi na vida”, contou a testemunha.

A comerciante Jurema Brilhantino, dona de uma barraca na praia de Copacabana há 30 anos, também estava presente no momento do acidente e viu o ex marido ser atropelado. “Fiquei louca quando vi o pai da minha filha ensanguentado no chão. Passei alguns minutos em estado de choque, não acredito que estou viva. Toda a nossa família achou que tivéssemos morrido, pois vários camelôs foram atingidos e todo mundo se conhece”, relatou. O ex marido de Jurema, Juan Carlos Álvarez, de 60 anos, foi encaminhado para o Hospital Souza Aguiar com a maioria das vítimas.

Nesta sexta-feira (19/1) o Departamento de Trânsito do Estado do Rio De Janeiro (Detran-RJ) informou que o motorista estava com a sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa desde maio de 2014. Ele acumula 62 pontos por infrações e 14 multas nos últimos 5 anos. Como ele não fugiu do local responderá em liberdade por homicídio culposo – quando não há intenção de matar.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Esportes

Goiás começa a vender ingressos para clássico contra Vila Nova

O clássico terá torcida única no Estádio Olímpico.
19/01/2018, 14h06

A diretoria do Goiás anunciou os valores e o inicio da venda de ingressos para o primeiro clássico do ano. Após vencer a Aparecidense, fora de casa, na estreia do Campeonato Goiano, o clube esmeraldino enfrenta o Vila Nova no próximo domingo (21/1).

A partida será disputada às 17h no Estádio Olímpico e terá como torcida única, a do Goiás, por determinação do Ministério Público. Os ingressos custam R$ 40 (R$ 20 meia) em setor único da praça esportiva. Além da carteirinha de estudante, o torcedor que apresentar, no ato da compra, um bilhete da Timemania*, tendo apostado no Goiás como time do coração, tem direito a meia-entrada.

INGRESSOS ONLINE

Para adquirir os ingressos online através do site Meu Bilhete, clique aqui.

HORÁRIO DE VENDAS

  • EMPÓRIO GOIÁS

Quinta-feira: 8h às 18h

Sexta-feira: 8h às 18h

Sábado: 8h às 14h

Domingo: 8h às 11h

  • LOJAS FLÁVIOS

Os bilhetes serão vendidos em horário comercial.

– Rua 24, Campinas- Rua 4, Centro- Buriti Shopping- Shopping Flamboyant- Portal Shopping

  • ESTÁDIO OLÍMPICO

A venda de ingressos acontece a partir das 14h, somente no domingo.

ENTRADA DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES 

De acordo com a Portaria 039/2015 – Juizado da Infância e Juventude:

– Menores de 16 anos de idade só podem entrar nos estádios, para eventos noturnos ou diurnos, acompanhados de responsável legal, acompanhante ou terceiro autorizado;

– Maiores de 16 anos de idade e menores de 18 anos só podem entrar desacompanhados nos estádios em jogos diurnos, e, desde que apresentem autorização escrita do responsável legal. De forma alguma poderão entrar sozinhos em jogos noturnos.

GRATUIDADE E CREDENCIAIS**

  • Menores de 12 anos (somente acompanhados)
  • Idosos de 65 anos ou mais
  • PNE’s
  • Índios
  • Polícias Militar e Civil
  • Juiz e Promotor
  • Credenciados AGAP e FGF

**Os ingressos de gratuidade são limitados a até 10% do total de ingressos disponibilizados para venda.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.