Dia Online
11/05/2018, 17h05

Mulher morre queimada em igreja da Assembleia de Deus

Neta de 13 anos conseguiu escapar com intoxicação por inalação de fumaça.

Uma mulher de 56 anos morreu durante um incêndio em uma igreja da Assembleia de Deus, na Chácara 159, Monte Sião, na Ponte Alta do Gama. O incêndio ocorreu por volta das 1h30 desta sexta-feira (11/5).

Doralice Campos da Silva e a neta, de 13 anos, se encontravam na parte superior da igreja quando o local foi atingido pelas chamas. A mulher estava em um quarto e a menina, em uma sala. Ao perceber que a situação estava fora de controle, Doralice se trancou no banheiro e a garota conseguiu sair, pedindo ajuda aos vizinhos.

Segundo informações do CBMDF, a corporação foi acionada e quando as equipes chegaram ao local, a edificação já estava tomada pelo fogo. A parte superior ficou totalmente destruída. O combate foi iniciado priorizando a busca pela pessoa que ainda estaria dentro da casa. Ela foi encontrada no banheiro com ausência de sinais vitais e partes do corpo carbonizadas.

A neta foi atendida e transportada ao Hospital Regional do Gama (HRG) com intoxicação por inalação de fumaça, apresentando dificuldade respiratória, tontura e dor de cabeça, mas consciente, orientada e estável.

Toda a operação durou cerca de 50 minutos. Foram empregadas quatro viaturas e 13 militares. A perícia do CBMDF vai apurar as causas do incêndio e a Polícia Civil do DF foi acionada para perícia criminal e retirada do corpo. Há também a suspeita de que as duas viviam no local.