Economia

Aplicativo “Olho na Bomba” já registra 31 denúncias em Goiás

Mais de 40 mil downloads da ferramenta foram feitos até o momento.
28/09/2018, 17h33

Lançado na última terça-feira, 25 de setembro, o aplicativo “Olho na Bomba” já soma 31 denúncias por divergência de preços em postos de combustíveis de Goiás. As solicitações de fiscalização foram encaminhadas ao Ministério Público de Goiás (MP-GO) e ao Procon para as medidas cabíveis. Informações de quais postos apresentaram diferença dos valores mostrados no aplicativo não foram divulgadas.

Em três dias, já foram feitos 41 mil downloads nos sistemas Android e iOS, e de acordo com o MP-GO, o “Olho na Bomba” está entre os três aplicativos mais baixados na categoria navegação da Apple Store.

Ainda nesta sexta-feira (28/9) o coordenador do Centro de Apoio Operacional do Consumidor (CAO), Rômulo Corrêa de Paula, encaminhou ofício à superintendente do Procon Goiás, Darlene Araújo, com a relação de todos os postos ainda não cadastrados no sistema “Olho na Bomba” para aplicação de multa.

De acordo com a Lei Estadual nº 19.888/2017  “os postos revendedores de combustíveis são obrigados a informar ao Ministério Público de Goiás o valor cobrado pelo litro da gasolina, do etanol e do diesel”, sob pena de multa a ser aplicada mediante procedimento administrativo do Procon-Goiás (ou de Procon municipal a ele conveniado especificamente para esse fim). Em Goiás, existem 1.788 postos, destes, 195 ainda não se cadastraram no aplicativo.

Foi encaminhado ainda ao Procon a relação de 54 postos suspensos por não cumprirem os requisitos de cadastramento, como o “não encaminhamento do termo de declaração de veracidade com firma reconhecida por autenticidade.” A lista deve ser atualizada à medida que os estabelecimentos corrijam as pendências.

Aplicativo “Olho na Bomba”

O objetivo da ferramenta é efetuar o direito de informação do consumidor, e, simultaneamente, criar mercado com preços mais justos, e proporcionar, aos órgãos de fiscalização, uma ferramenta de combate às práticas abusivas. O download é gratuito e pode ser feito, a partir do dia 25 de setembro, nas lojas virtuais dos sistemas Android e iOS, Play Store e Apple Store respectivamente.

Com o aplicativo, os consumidores poderão se localizar em um mapa GPS e identificar os postos de combustíveis que estão ao seu redor e seus respectivos preços. Por meio do app, é possível também traçar rotas para qualquer destino de Goiás e receber informações sobre os postos existentes no caminho, com destaque aos preços mais baixos e mais altos. Os usuários poderão contar ainda com funcionalidades como escolha de postos favoritos e visualização de preços em forma de lista por cidades.

Via: MP-GO 
Imagens: Istoé 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia

Exposições de arte, peças teatrais, eventos de música e literatura: conheça lugares que abrem espaço para a cultura em Goiânia!
28/09/2018, 18h14

Embora seja um termo difícil de definir, o antropólogo Edward Burnett Tylor conceitua cultura como: “todo aquele complexo que inclui o conhecimento, as crenças, a arte, a moral, a lei, os costumes e todos os outros hábitos e capacidades adquiridos pelo homem como membro da sociedade“. Cada povo possui seus próprios costumes e a cultura em Goiânia não foge disso.

Teatros e museus na cidade são a prova de que nossa história permanece viva e precisa ser alimentada conforme o tempo passa. Por isso é tão importante participar de eventos culturais que promovem exposições artísticas e afins. Os centros culturais espalhados pela capital ajudam a fomentar a cultura e tornam a arte mais acessível para sua população. Confira alguns desses lugares e fique por dentro de suas programações!

Espaços fomentam a cultura em Goiânia

1 – Centro Municipal de Cultura Goiânia Ouro

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução

Quem nunca foi até o Goiânia Ouro? Um dos principais espaços que fomentam a cultura em Goiânia, é composto por cinema, teatro e bar, sem contar com o ambiente para apresentações e uma sala de leitura. Peças teatrais e shows acontecem de forma regular no lugar.

Telefone para contato: (62) 3524-2542

Endereço: Rua 3, 1016 – St. Central, Goiânia – GO, 74023-010

2 – Centro Cultural Oscar Niemeyer

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/ Diário Central

Fundado na capital goiana em 2006, o Centro Cultural Oscar Niemeyer, conhecido também como CCON, por si só já é uma verdadeira obra de arte. Com estilo arquitetônico modernista e projetado pelo próprio Oscar, é um complexo formado pela Esplanada da Cultura, contendo uma praça de 26 mil m², destinada às mais diversas expressões culturais.

Por ali passam exposições, apresentações artísticas, e eventos que trazem palestras. Também já foi palco de importantes festivais de música da região, a exemplo do Bananada. Vale lembrar que no mesmo ambiente se encontra o MAC – Museu de Arte Contemporânea.

Telefone para contato: (62) 3201-4932

Endereço: Avenida Deputado Jamel Cecílio, Lote 01, Quadra Gleba, 4490 – Setor Fazenda Gameleira, Goiânia – GO, 74884-801

3 – Centro Cultural Martim Cererê

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/Portal do Servidor

Localizado no Setor Sul, é mais um dos ambientes que prestigiam a cultura em Goiânia. Bastante conhecido pela galera que é fã da cena independente do rock goianiense, é composto por dois teatros pequenos (“Ygua” e “Pygua”), um Teatro Arena, um espaço aberto e um bar.

Os teatros eram antigas caixas d’água, que segundo a história local, foram usados no período da Ditadura Militar como espaços de tortura. Felizmente, a história mudou e deu uma nova oportunidade ao ambiente, que agora se transformou em ponto de encontro para diversos eventos de música alternativa.

Telefone para contato: (62) 3201-4688

Endereço: Tv. Bezerra de Menezes, s/n – St. Sul, Goiânia – GO, 74080-300

4 – Vila Cultural Cora Coralina

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/ Mais Goiás

Ao lado do Teatro Goiânia, a Vila Cultural Cora Coralina funciona também como um espaço de convivência. Inaugurada em outubro de 2013, recebe diversos eventos que contemplam a arte, a exemplo de exposições fotográficas, oficinas, mostras de filmes promovidas por cineclubes, palestras, workshops, feiras de artesanato, dentre tantas outras atividades. Mensalmente uma nova atração entra em cartaz.

Telefone para contato: (62) 3201-9863

Endereço: Rua 3, s/n – St. Central, Goiânia – GO, 74015-005

5 – Centro Cultural Octo Marques

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/ A Redação

O espaço foi fundado como uma homenagem ao artista plástico goiano Octo Marques. Localizado no Edifício Parthenon Center, na Rua 4, é lá que se encontram as Galerias de Arte Frei Confaloni e Sebastião dos Reis.

Telefone para contato: (62) 3225-4606

Endereço: Rua 4, 515 – St. Central, Goiânia – GO, 74020-045

6 – Centro Cultural UFG

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/ Facebook CCUFG

Vinculado ao setor da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UFG, o CCUFG foi inaugurado em 2010 e seu projeto arquitetônico possui autoria de Fernando Simon, com traços minimalistas e sofisticados.

O espaço possui uma programação cultural intensa, incluindo exposições de arte, peças teatrais, oficinas e palestras, sempre visando proporcionar a melhor experiência para seus visitantes.

Telefone para contato: (62) 3209-6251

Endereço: Av. Universitária, 1533 – Setor Leste Universitário, Goiânia – GO, 74605-220

7 – Centro Cultural SESI

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/ UOL

O Teatro SESI representa um dos mais importantes espaços para fomentar a cultura em Goiânia. Surgiu com o propósito de tornar as artes mais acessíveis aos trabalhadores industriários, bem como para seus familiares, ainda, incentivando a comunidade como um todo a manter práticas culturais.

Além de apresentações teatrais, o espaço ainda fornece estrutura para exposições de artes plásticas, lançamento de obras literárias e recepções.

Telefone para contato: (62) 3269-0810

Endereço: Av. João Leite, 1013 – Santa Genoveva, Goiânia – GO, 74670-040

8 –  Centro Cultural Jesco Puttkamer/Museu

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/ Goiânia

O centro possui um espaço destinado para a preservação, conservação e divulgação do patrimônio cultural de nossos povos pré-coloniais e indígenas. Dentre os visitantes que frequentam o lugar de forma mais assídua, estão pesquisadores, turistas, comunidades indígenas e, em especial, professores e turmas de alunos, sejam do ensino fundamental, médio ou superior.

Telefone para contato: (62) 3251-0721

Endereço: Av. T-3, 1732 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74210-240

9 – Oficina Cultural Geppetto

Conheça ambientes que fortalecem a cultura em Goiânia
Foto: Reprodução/ Apoia.se

Embora não seja um dos espaços culturais mais populares de Goiânia, é sem dúvida, um dos mais bonitos e acolhedores. O espaço possui uma estrutura arquitetônica incrível e representa um excelente lugar para conhecer gente nova e bons artistas.

Abre espaço para os mais variados tipos de arte, que vão desde apresentações musicais até exposições de arte e fotografia. Se você ainda não conhece, saiba que é um lugar plural e que não irá se arrepender de fazer uma visita.

Telefone para contato: (62) 3241-8447

Endereço: Rua 1013, Quadra 39, Lote 11, 467 – St. Pedro Ludovico, Goiânia – GO, 74820-260

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Esportes

Vila Nova encara Guarani em confronto direto pelo G-4

Equipes fazem confronto direto nesta sexta-feira de olho nas primeiras posições.
28/09/2018, 18h16

O Serra Dourada será palco de um confronto direto pelo acesso nesta sexta-feira (28), às 21h30. O Vila Nova joga sua sorte na série B contra o Guarani, adversário desta noite, visando uma reabilitação após a derrota sofrida para o líder Fortaleza, e também de olho em uma vaga no G-4. A equipe colorada tem 43 pontos e ocupa a sétima colocação, dois pontos a menos que o Avaí, primeiro time na zona de acesso.

Faltam 10 rodadas para o fim da competição e o Tigre começa a fazer contas para alcançar o tão sonhado acesso à elite do futebol brasileiro. Desses 10 jogos, serão cinco com mando de campo, o que pode ser um trunfo para os colorados, entretanto, será necessário melhorar o aproveitamento jogando em Goiânia. Foram 13 partidas disputadas em casa nesta série B, com cinco vitórias, 12 empates e apenas uma derrota, com um aproveitamento de 69,2%.

Com uma defesa sólida – a menos vazada da competição, o Vila precisa melhorar a pontaria nas finalizações, são apenas 26 gols em 28 jogos, menos de um gol por partida. Para se ter uma ideia do rendimento do ataque colorado, o Paysandu, 17ª colocado na competição, balançou a rede 27 vezes. Contra o Guarani, adversário desta noite, o ataque vilanovense precisará vazar uma defesa que não sofreu gol nas duas últimas partidas se quiser continuar sonhando com a vaga na série A. Já o Bugre, que ainda não esteve entre os quatro primeiros, pode dormir na segunda posição caso o Goiás seja derrotado. A vitória é importantíssima para as pretensões da equipe na competição.

Histórico favorável ao Vila Nova

O Vila Nova não poderá contar com Gastón e Helder, ambos por suspensão, e Maguinho, lesionado. Em contrapartida, conta com o retorno do capitão Wesley Matos, que desfalcou a equipe diante do Fortaleza na última rodada. O histórico entre as equipes em Goiânia é favorável ao Tigre, que não perde em casa para o rival há 27 anos. A torcida colorada também tem boas lembranças de um confronto entre os times em 2007. Após caírem juntos para a terceira divisão no ano anterior, Vila Nova e Guarani disputavam vaga para retornar à série B no Serra Dourada e o time de Campinas estava se classificando para a fase seguinte, quando, no fim da partida, Túlio Maravilha marcou o gol da vitória colorada eliminando o Guarani.

Esta noite as equipes protagonizam outro jogo decisivo em terras goianas. A partida será realizada no Estádio Serra Dourada, às 21h30.

Escalação provável

Time: Mateus Pasinato; Moacir, Wesley Matos, Naylhor e Diego Giaretta; Geovane, Washington (Wellington Reis), Mateus Anderson, Alan Mineiro e Lucas Braga; Alex Henrique (Rafael Silva).

Imagens: em tempo cn 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Investigados na Operação Cash Delivery continuam presos

Juiz decidiu adiar, durante audiência de custódia, a decisão de revogar ou não as prisões até receber um parecer da delegada responsável pelo caso.
28/09/2018, 18h47

Os presos pela Operação Cash Delivery na manhã desta sexta-feira (28/9), sendo dois em São Paulo e três em Goiânia, passaram por audiência de custódia na tarde de hoje e foram mantidos presos temporariamente. O juiz federal Alderico Rocha Santos decidiu adiar a decisão de revogar ou não as prisões até receber um parecer da delegada responsável pelo caso.

Durante a operação, deflagrada pela Polícia Federal e Ministério Público federal (MPF), foi apreendido mais de R$ 1 milhão. Foram presos na ação o ex-presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), Jayme Rincón, também coordenador de campanha de José Eliton (PSDB); Rodrigo Rincón, filho de Jayme; o policial militar Márcio Garcia de Moura; o ex-policial militar e advogado Pablo Rogério de Oliveira e o empresário Carlos Alberto Pacheco Júnior.

Foram cumpridos ainda mandados de busca e apreensão em endereços do ex-governador de Goiás e candidato ao Senado Federal, Marconi Perillo (PSDB). A Polícia Federal não pediu a prisão de Marconi porque está em período eleitoral. De acordo com o Código Eleitoral, instituído pela Lei Federal nº 4.737/1965, desde sábado (22/9), 15 dias antes do primeiro turno das eleições de 2018, nenhum candidato deve ser preso, a não ser que seja em flagrante.

Operação Cash Delivery

A Operação Cash Delivery foi desencadeada a partir de investigação depois de delação de executivos da Odebrecht, que alcança empresários, agentes públicos e doleiros pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

Ao todo, são cumpridos 14 mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária, expedidos pela 11ª Vara da Justiça Federal de Goiás, nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Pirenópolis e Aruanã, Campinas e São Paulo.

Durante a ação, foram apreendidos R$ 940.260 na casa de Márcio Garcia de Moura, policial militar e motorista de Jayme Rincón. Outros R$ 79 mil foram apreendidos na casa de Jayme, além de 2,4 mil euros, 80 libras esterlinas, 101 dólares e 15 pesos argentinos.

Defesa de Marconi Perillo

Por meio de nota, o advogado de Marconi Perillo, Antônio Carlos de Almeida Castro, repudiou a ação. Confira abaixo a nota na íntegra.

A Defesa do ex-governador Marconi Perillo vem a público explicitar o mais veemente repúdio à ação deflagrada hoje em Goiás. 

O ex-governador foi citado na delação da Odebrecht por fatos ocorridos em 2010 e 2014. É evidente que os fatos devem ser apurados e a Defesa não tem nenhuma preocupação com a investigação.

A palavra do delator é isolada e não há, sequer en passant, qualquer fiapo de indício contra o Marconi Perillo. A busca e apreensão na residência do ex-governador, a 9 dias da eleição, assume um caráter claramente eleitoreiro e demonstra um abuso por parte do Ministério Público e do Poder Judiciário.

É, sem dúvida, uma clara interferência, indevida e perigosa, contra a a estabilidade democrática. Os fatos citados pelo delator, sem provas, se referem a questões antigas. A falta de contemporaneidade, já decidiu varias vezes o Supremo Tribunal,é impeditivo de prisões e qualquer outra medida constritiva contra qualquer cidadão. 

Importante esclarecer que NÃO é verdade que o ex-governador teve mandado de prisão decretado, mas teve  busca e apreensão e esta medida, neste momento, já é uma grave agressão. Uma violência inexplicável ao estado democrático de direito.

A Defesa vem denunciando, há tempos, à espetaculização do direito penal e a criminalização da política.

Imagens: O Popular 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

PF conclui que agressor de Bolsonaro agiu sozinho e por motivação política

Um segundo inquérito foi instaurado para dar continuidade nas investigações.
28/09/2018, 19h52

A Polícia Federal concluiu nesta sexta-feira (28/9) o inquérito sobre o ataque contra Jair Bolsonaro ocorrido no dia 6 de setembro em Juiz Fora, Minas Gerais. De acordo com o inquérito, obtido pela  TV Globo, o agressor de Bolsonaro agiu sozinho e por motivação política. Foi aberto um segundo inquérito para dar continuidade nas investigações.

“No que tange à participação ou coautoria no local do evento, a partir de evidência colhidas, descarta-se o envolvimento de terceiros”, diz o documento.

O ataque ocorreu no dia 6 de setembro durante uma carretada em Juiz de Fora, Minas Gerais. O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro era carregado por apoiadores no momento da agressão. Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos, esfaqueou Bolsonaro na barriga.

Reveja o momento:

O homem foi preso em flagrante após sofrer uma tentativa de linchamento dos apoiadores do presidenciável, que presenciaram o atentado.

Investigação: ataque contra Bolsonaro

A Polícia Federal teve acesso a conteúdos de celulares e notebook de Adélio, onde foram encontrados “arquivos relacionados a contatos de pessoas, partidos e organizações afinadas com a ideologia de esquerda”. Mensagens e e-mails continuarão sendo analisados no segundo inquérito instaurado.

Foi constatado ainda que, antes de agredir Bolsonaro, o suspeito fotografou locais em que o candidato estaria em Juiz de Fora. De acordo com a PF, com base nessas e outras imagens, “restou evidenciado que esteve acompanhando o presidenciável Jair Messias Bolsonaro durante todo o dia, tendo tido, inclusive, acesso a ao hotel em que estava programado um almoço com empresários”.

Dois dias após o crime, Adélio foi transferido para um presídio federal de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, onde continua preso.

Estado de saúde de Bolsonaro

O candidato à Presidência da República segue internado, desde o último dia 7, no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. De acordo com boletim médico, Bolsonaro deve receber alta médica neste fim de semana. Confira a nota na íntegra:

“O candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, apresentou um episódio isolado de elevação da temperatura (37,8 C°), sem outros sintomas de infecção.

Foram coletados exames laboratoriais, de culturas no sangue e na urina, e realizados exames de imagem. Houve crescimento de uma bactéria de baixa virulência no sangue, sem focos de infecção no abdome. Está recebendo desde então antibioticoterapia.

O paciente mantém-se sem picos febris, sem alterações nos exames de imagem e com boa evolução clínica. Persiste com alimentação por via oral e, mantidas as condições clínicas atuais, há programação de alta para este final de semana.”

Via: G1 Sputnik News 
Imagens: Exame.com 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.