Goiás

Casag e ESA lançam anuidade bumerangue e beneficiam advocacia goiana

A anuidade bumerangue nasceu de uma parceria entre Casag e ESA, e restitui em forma de benefício os valores pagos por advogados em anuidade à Ordem.
04/10/2018, 15h20

Em fevereiro deste ano teve início um projeto que vem chamando atenção e beneficiando a advocacia goiana. Anualmente, a classe paga à Ordem um valor predeterminado, que em Goiás corresponde a R$ 992,00. Visando devolver tal recurso em forma de benefício para o profissional, a Caixa de Assistência dos Advogados de Goiás (CASAGlançou o programa de anuidade bumerangue, oficialmente conhecido como “Bumerangue – Anuidade Vai e Volta“.

O projeto nasceu como uma parceria entre a Casag e a Escola Superior da Advocacia (ESA-GO), e tem pleno apoio da OAB -GO. A iniciativa é pioneira em Goiás e tem o objetivo de tornar tangível a contrapartida da taxa paga pela classe.

De acordo com Rodolfo Otávio Mota, presidente da Casag: “Nós desenvolvemos este projeto como forma de dar aos advogados a oportunidade de administrar o investimento feito por eles na advocacia. Agora os colegas terão de volta todo o valor pago na anuidade em serviços diversos que são de seu próprio uso“.

Como funciona a anuidade bumerangue?

Casag e ESA lançam anuidade bumerangue e beneficiam advocacia goiana
Foto: Reprodução/ Casag

Com novidades, também surgem algumas dúvidas. Para ter acesso ao programa não é necessário fazer nenhum tipo de inscrição, basta o advogado estar em dia com todas as suas obrigações junto à OAB-GO. O crédito será disponibilizado para o profissional de acordo com a forma de pagamento escolhida para a anuidade.

Por exemplo, se foi em parcela única, o valor total será creditado de imediato. No entanto, se for dividido em mais parcelas, a cada mês o advogado receberá o crédito referente ao valor pago.

A partir daí, a restituição do valor poderá ser feita em forma de serviços, cursos e ademais benefícios oferecidos tanto pela Casag, quanto pela ESA-GO. Entretanto, é válido mencionar que o crédito é dividido entre serviços das duas instituições. Portanto, 50% da anuidade (R$496,00) poderá ser utilizada em qualquer serviço oferecido pela Casag, e a outra metade em qualquer serviço oferecido pela ESA.

Casag e ESA lançam anuidade bumerangue e beneficiam advocacia goiana
Foto: Reprodução

Para se ter ideia, na Casag os profissionais podem ter acesso a engraxataria, manicure, design de sobrancelhas, cursos profissionalizantes e ainda podem locar salas de reunião com o crédito que lhes for disponibilizado pela anuidade bumerangue.

A esmalteria foi criada há pouco mais de três meses e já soma mais de R$ 10 mil de serviços prestados em pedicure, manicure e outras atividades. A engraxataria, serviço disponível de segunda a sexta na Galeria de Serviços da Casag, foi incluída no programa em agosto e já registra recordes de atendimento.

A anuidade bumerangue ainda beneficia aqueles que quiserem aproveitar o CEL da OAB, seja como forma de pagamento para a entrada em eventos, ou para locações.

Segundo Rafael Lara Martins, presidente da ESA: “O mercado ainda está ávido por profissionais com qualificação. Com o programa ‘Anuidade Vai e Volta’, conseguimos estimular a busca por conhecimento e elevar o nível de qualificação dos nossos colegas advogados e advogados goianos“. Os advogados podem utilizar a anuidade bumerangue para participar de palestras, cursos, seminários e congressos na ESA.

Questões em geral

Vale lembrar que:

  • Estagiários também podem utilizar o programa e ter benefícios a partir do valor pago;
  • Não é possível somar créditos com os de outros colegas;
  • Não é possível utilizar o valor integral caso a anuidade esteja parcelada, a não ser que haja o acúmulo de crédito (4 parcelas pagas com o valor de R$100,00, equivalem ao crédito de R$ 400,00);
  • O crédito não é cumulativo e vence no dia 31 de dezembro.

Quais os serviços disponíveis na CASAG?

  • Impressões
  • Cópias
  • Digitalização de documentos
  • Aluguel de Salas Compartilhadas
  • Aluguel do Espaço Cultural Amália Hermano Teixeira
  • Uso das unidades de trabalho
  • Estacionamento (ME e Fórum Cível)

Quais os serviços disponíveis no CEL?

  • Locação dos campos de futebol
  • Uso de brinquedos como mini boggye, skate elétrico e patins
  • Locação da Capela
  • Locação do Píer
  • Locação do Salão de Eventos

Quais os serviços disponíveis na ESA?

  • Cursos Presenciais
  • Cursos on-line
  • Palestras
  • Locação do Auditório
Imagens: CASAG 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

8 ideias para te ajudar a se refrescar do calor em Goiânia

Embora ainda tenhamos o privilégio de contemplar dias mais frios, o calor em Goiânia é algo que sempre nos acompanha e é preciso saber lidar com ele.
04/10/2018, 16h39

Com máxima prevista de até 37 ºC para os próximos dias, o calor em Goiânia parece não dar trégua. Embora ainda caia uma chuvinha aqui e outra ali, as altas temperaturas podem ser sentidas na pele, para o desespero de alguns.

No entanto, a capital goiana oferece boas alternativas para quem pretende amenizar o calorão. Se você não está sabendo lidar e precisa de uma solução urgente, nós aqui do Portal Dia Online preparamos algumas sugestões que podem te ajudar! Dá uma olhada!

Alternativas para amenizar o calor em Goiânia:

1 – Curtir as fontes luminosas na Praça Cívica

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ O Popular

E para dar uma boa refrescada nos dias de calor em Goiânia, nada melhor do que ir até um de nossos patrimônios históricos: a Praça Cívica. Por ali é possível encontrar as fontes luminosas que são uma opção bem interessante para quem quer apenas olhar, e até mesmo para quem pretende se molhar um pouquinho. E claro, quem faz mesmo a festa são as crianças! Entretanto, esperamos que você tenha sorte, uma vez que não dá para saber ao certo quando elas estarão funcionando.

 2 – Dar um pulinho em nossos parques

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ Curta Mais

Felizmente, o que não falta são parques e bosques bem arborizados para refrescar o calor em Goiânia. Que tal fazer aquela visitinha no que estiver mais próximo de você? Com lagos, espaços de convivência e muito ar fresco, com certeza são uma boa escolha, principalmente durante os fins de semana na capital.

3 – Você também pode ir ao cinema!

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ Cine Ritz

Ar condicionado, filminho e pipoca… Nada melhor para fazer qualquer um esquecer o calor que faz lá fora! Portanto, se ir ao cinema é um de seus programas favoritos, durante o calor fica ainda melhor! E que tal dar uma oportunidade aos cinemas de rua? Bem ali no centro você encontra o Cine Ritz, com aquele climinha retrô que tanto merece ser lembrado!

4 – Aproveitar um shopping também é uma boa!

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ G1

Se você definitivamente não gosta do calor e não pretende ir ao cinema, então nada melhor do que ir até um shopping, mesmo que seja só para passar o tempo. Por natureza eles possuem ar condicionado por todos os lados e não precisa de mais nada… Logo você nem sentirá calor mais!

5 – Tomar sorvete!

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ Pexels

Qual o primeiro pensamento de quem está morrendo de calor? “Ahh, como seria bom tomar um sorvete!”. Pois é, se você tiver um tempinho, corre para a sorveteria que estiver mais próxima de você! Inclusive, nós aqui do Dia já fizemos uma listinha com as melhores de Goiânia! Aproveita e dá conferida clicando aqui!

6 – Tomar açaí também é válido!

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ Guru da Cidade

Se você é fã de um bom açaí, também é uma boa opção para quem pretende dar uma amenizada no calor em Goiânia! Com sabor natural e a opção entre diversos acompanhamentos e adicionais, as açaiterias estão espalhadas pela cidade e certamente há uma mais próxima de você!

7 – Passar o dia em um clube

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ Curta Mais

Nada melhor para refrescar o calor em Goiânia do que muita sombra e água fresca! Os clubes da cidade são prova disso! Com diversas atrações que vão além das piscinas, ainda representam um ótimo lugar para quem pretende fazer um lanchinho enquanto aproveita o frescor do local, e para quem quer apenas tirar um tempinho para ficar com os amigos. São uma ótima pedida para os fins de semana.

8 – Ir até um café

7 lugares para se refrescar do calor em Goiânia
Foto: Reprodução/ Ludovica

“Espera… Mas café é uma bebida quente, então como isso vai me ajudar a amenizar o calor?”. Talvez você esteja se perguntando isso, mas a grande questão é que as cafeterias também oferecem boas opções de bebidas geladas, desde o próprio café, até shakes e deliciosos frappés. Vale a pena!

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Vídeo mostra grande quantia de dinheiro para compra de votos no interior de Goiás

Ministério Público Eleitoral faz operação para combater compra de votos após receber denúncias.
04/10/2018, 17h01

O Ministério Público Eleitoral deflagrou na manhã desta quinta-feira (4/10) uma operação para apurar denúncia de compra de votos na cidade de Acreúna e no distrito de Arantina, na região Sudoeste de Goiás. A ação é comandada pelo promotor eleitoral Sandro Halfeld Barros, que também é titular da 1ª Promotoria de Justiça de Acreúna.

A operação foi deflagrada após o Ministério Público ter recebido denúncias por parte de uma vereadora de Acreúna noticiando que, pessoas ligadas à campanhas de um candidato a deputado estadual e também a um candidato a deputado federal, estariam comprando votos dos eleitores.

De acordo com a denúncia, um vereador da cidade de Acreúna, ao lado de partidários que atuavam em ambas localidades, compravam votos em benefício dos dois candidatos à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal. Eles estariam indo de casa em casa, oferecendo R$ 150,00 por voto, com a promessa de adição de mais R$ 50,00 após as eleições deste domingo.

O Ministério Público cumpre sete mandados de busca e apreensão autorizados pela Justiça Eleitoral na casa dos suspeitos. Três equipes atuam na operação que conta com o auxílio do delegado Daniel Gustavo Gonçalves de Moura e de agentes da Polícia Civil de Goiás.

Materiais confirmam suspeita de compra de votos

Em duas residências, o promotor encontrou materiais que comprovam a suspeita de compra de votos. Na casa de um dos suspeitos, em Acreúna, uma das equipes encontrou uma agenda com diversas anotações suspeitas que indicam claramente contabilidade de compra de votos.

Em outra residência, as equipes do MPE e Polícia Civil encontraram praticamente um comitê eleitoral montado, com diversos materiais de campanha dos dois candidatos, tais como santinhos e cartazes. No local também foi encontrado um bolo de dinheiro no valor de R$ 4 mil em espécie, todos em notas de R$ 50.

Durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão, os policiais encontraram munições na casa de um dos suspeitos. O homem foi preso em flagrante por não ter autorização para possuir o material.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Saúde

Crianças com anemia falciforme estão sem remédio há mais de 40 dias em Goiânia e Senador Canedo

A PEN-VE-ORAL, usada diariamente para combater infecção, é distribuída exclusivamente pelo Ministério da Saúde.
04/10/2018, 17h01

Há mais de 40 dias, crianças de Goiânia e Senador Canedo que lutam contra a anemia falciforme estão sem o medicamento PEN-VE-ORAL (fenoximetilpenicilina potássica), usado para combater infecções. Pacientes de até cinco anos precisam fazer o uso diário do remédio, distribuído exclusivamente pelo Ministério da Saúde (MS).

No começo de setembro, o Dia Online publicou uma reportagem com a denúncia de pais de crianças portadoras da doença, que pediam pela regularização da entrega do medicamento. Hoje, 4 de outubro, 27 dias após a primeira denúncia, o Ministério da Saúde ainda não fez o repasse da PEN-VE-ORAL às Secretarias de Saúde dos municípios.

Os moradores de Senador Canedo que precisam do medicamento para os filhos buscam a PEN-VE-ORAL na Secretaria de Saúde da cidade. Já os de Goiânia, recebem o remédio por meio do Hospital das Clínicas (HC). Ambos os lugares estão desabastecidos.

Por que falta remédio contra a anemia falciforme?

O Dia Online foi em busca de respostas, mas as notícias ainda não são animadoras. De acordo com a assessoria do HC, não há previsão de chegada do medicamento. O repasse é feito apenas pelo Ministério da Saúde e enquanto isso não for feito, a unidade não tem condições de distribuir a fenoximetilpenicilina potássica aos pacientes.

Na Secretaria de Saúde de Senador Canedo é da mesma forma. A unidade apenas distribuí o remédio, e depende do repasse feito pelo MS.

Já o Ministério da Saúde, por meio de comunicado, informou que a empresa fornecedora do medicamento assumiu o compromisso de recolhimento e substituição dos frascos que viessem a vencer nos estoques do Ministério da Saúde, mas há atraso no cumprimento desse compromisso, o que prejudica no abastecimento.

O MS esclarece que no momento, não dispõe da fenoximetilpenicilina potássica para distribuição, mas que “medidas administrativas vêm sendo adotadas para aquisição emergencial” com o objetivo de regularizar, o mais rápido possível, a distribuição do medicamento aos estados e Distrito Federal.

Glorinha e a anemia falciforme

Desde maio, o Dia Online acompanha a história de Glória Stefany Batista Prado, de quatro anos, que desde o nascimento luta contra a anemia falciforme. A mãe de Glorinha, como é carinhosamente chamada pela família e amigos, protagonizou um dos momentos mais emocionantes da Pecuária de Goiânia 2018, quando subiu ao palco e ganhou, durante o show do sertanejo Gusttavo Lima, um tratamento avaliado em R$ 50 mil que pode salvar a vida da filha.

Reveja o momento transmitido com exclusividade pelo Dia Online:

Stefania Batista do Nascimento, passa hoje por um dos períodos mais difíceis da luta contra a doença da filha, descoberta através do teste do pezinho. Glorinha, que também precisa com rigor da PEN-VE-ORAL, em falta na Secretaria de Saúde de Senador Canedo, onde moram, está internada há quase um mês no Hospital da Criança, em Goiânia.

A menina recebe acompanhamento na unidade desde bebê. Glorinha, esta semana, foi diagnosticada com um derrame no quadril, e aguarda um avaliação médica para um possível cirurgia de urgência. Ela necessita de pelo menos mais 40 dias de internação.

Stefania também espera pela disponibilização do remédio distribuído pelo Ministério da Saúde. “As autoridades não olham para os pacientes com anemia falciforme. É muito sofrido. É muito difícil ficar tanto tempo em hospital. As crianças estão perecendo”, diz a mãe que quase sem forças clama pela saúde da filha e de outras crianças com a mesma doença. “É só Deus na vida na minha filha agora. Não está fácil. Ela está sofrendo demais”, desabafa.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Presidiário mandou matar mulher baleada com bebê no colo, em Aparecida

Paulo Jorge é o ex-marido de Maiani e encomendou o crime de dentro da prisão no Pará, onde está preso por Tráfico de Drogas.
04/10/2018, 18h06

A Polícia Civil concluiu o inquérito sobre a tentativa de assassinato contra Maiani Silva Souza, de 21 anos, em que aponta o ex-marido dele como mandante do crime.

O processo sobre a tentativa de feminicídio foi entregue à Justiça na última quarta-feira (3/10). Maiani foi baleada em uma calçada do Jardim Hélvecia, em Aparecida de Goiânia, no mês passado, enquanto ela caminhava com o filho de dois anos no colo no momento em que um homem se aproximou e efetuou os disparos.

A Delegada do caso, Ana Paula Machado, afirmou ao Portal Dia Online que o ex-marido de Maiani, Paulo Jorge foi indiciado como mandante da tentativa de feminicídio contra a ex. Segundo as informações da delegada, os depoimentos colhidos com os familiares revelam que Paulo não aceitava o fim do relacionamento.

Ana Paula colocou ainda que além de não aceitar o fim do relacionamento, Paulo suspeitava de uma traição da companheira e por isso teria encomendado o crime. A delegada informou também que o autor dos disparos não foi identificado até o momento.

Ex-marido de Maiani foi indiciado como mandante

De acordo com Ana Paula, o ex-marido de Maiani está preso em um presídio do Estado do Pará, no Norte do Brasil, por tráfico de drogas.

Segundo a delegada, o celular da vítima, que tinha sido levado pelo atirador, foi recuperado e encaminhado à perícia. A delegada explica ainda que as investigações continuam abertas, para identificar o autor dos disparos.

Maiani Silva está internada no Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo). O filho dela foi levado pelo avô para o Pará, depois de ficar sob proteção do Conselho Tutelar de Aparecida de Goiânia.

O Portal Dia Online entrou contato com a assessoria do Hugo e informou que o estado de saúde da paciente é estável, ainda de acordo com as informações do hospital, Maiani está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e respira com o auxílio de aparelhos.

Imagens: G1 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.