Dia Gourmet

Fome na madrugada? Conheça os lugares com atendimento 24 horas em Goiânia

Sabe quando a fome bate justo na madrugada e você não tem nada pronto para comer? Muita calma nessa hora! Existem lugares que funcionam 24 horas em Goiânia e podem te salvar!
10/10/2018, 17h58

Quem é que nunca ficou com fome durante a madrugada? Acontece com todo mundo de vez em quando. Mas o pior é quando você não tem nada pronto em casa e fica com aquela preguiça de preparar alguma coisa. Felizmente, existem alguns lugares que funcionam 24 horas em Goiânia e podem te livrar de ter que tentar dormir para esquecer a fome.

Então, se quiser já estar prevenido para a próxima vez que acontecer, salve esta listinha que preparamos com todo o cuidado para você. É possível encontrar lugares que vendem jantas, lanches, sorvetes, sanduíches, caldos e até café! Dá uma olhada!

Lugares que funcionam 24 horas em Goiânia

1 – Simbora Restaurante

Fome na madrugada? Veja x lugares com atendimento 24 horas em Goiânia
Foto: Reprodução/ Simbora

Sabe quando você vira a noite na festa, sai de lá morrendo de fome mas não encontra nenhum lugar aberto? Nesses casos, o Simbora Restaurante pode acabar te salvando.

Um dos poucos com atendimento 24 horas em Goiânia, conta com um ambiente casual e seu cardápio possui variedade de pratos. O destaque vai para as carnes, que podem ser acompanhadas de salada, fritas e o tradicional arroz e feijão. Não fazem serviço de entrega. Vale a pena fazer uma visita!

Telefone: (62) 3088-3131 / (62) 3210-9090

Endereço: unidade Jardim América – Av. C-4, 896 – Jardim America, Goiânia – GO, 74255-060

unidade St. Urias Magalhães – Av. Rio Branco, 62 – St. Urias Magalhães, Goiânia – GO, 74565-070

2 – Sorveteria Beijo Frio

Fome na madrugada? Veja x lugares com atendimento 24 horas em Goiânia
Foto: Reprodução/ Folha Z

Presente no mercado desde 1968, a sorveteria nasceu da paixão pelo sorvete aliada à vontade de produzir algo com amor e muita qualidade. Com diversas opções de sorvetes artesanais, incluindo sem lactose, ainda é possível pedir lanches e saborosos sanduíches, que conta com serviços delivery. Sem dúvida, uma das melhores alternativas 24 horas em Goiânia.

Telefone: (62) 3281-0809

Endereço: R. 84, 604 – St. Sul, Goiânia – GO, 74080-410

3 – Bar do Gaúcho

Fome na madrugada? Veja x lugares com atendimento 24 horas em Goiânia
Foto: Reprodução

Quer sair com os amigos mas não quer ir para baladinhas? Então o Bar do Gaúcho é uma boa opção. Também aberto 24 horas em Goiânia, conta com excelente atendimento, ambiente agradável, cerveja gelada e comidas deliciosas. As porções são grandes e satisfazem até as maiores fomes.

Telefone: (62) 3541-3530

Endereço: Av. 85, 2643 – St. Marista, Goiânia – GO, 74160-010

4 – Fran’s Café

Fome na madrugada? Veja x lugares com atendimento 24 horas em Goiânia
Foto: Reprodução/ Sua Franquia

O Fran’s Café nasceu da paixão pelo café misturada ao sentimento de criar um espaço onde as mulheres pudessem se sentir livres, em um momento onde eram socialmente oprimidas. A ideia deu tão certo que a empresa cresceu e ganhou franquias por todo o país.

Uma das principais características de algumas de suas unidades é o atendimento 24 horas. No Setor Oeste, por exemplo, é possível encontrar um Fran’s que nunca fecha, servindo os mais deliciosos cafés e lanches. Vale a pena conferir!

Telefone: (62) 3215-1590

Endereço: R. João de Abreu, 184 – 49 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74120-110

5 – Subway

Fome na madrugada? Veja x lugares com atendimento 24 horas em Goiânia
Foto: Reprodução/ Exame

E para quem adora os sanduíches naturais da Subway, existem pelo menos duas lojas que funcionam com atendimento 24 horas em Goiânia: no Parque Amazônia e no Jardim Goiás.

Telefone: (62) 3092-9055 (62) 3093-4491

Endereço: unidade Parque Amazônia – Praça Sen. José Rodrigues de Morais Filho, 65 – Parque Amazonia, Goiânia – GO, 74835-520

unidade Jd. Goiás – Av. Fued José Sebba, 1679 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74805-100

Bônus

6 – Sanduicheria Rato de Praça

Fome na madrugada? Veja x lugares com atendimento 24 horas em Goiânia
Foto: Reprodução

E se o que você quer mesmo é comer em um bom e tradicional pit dog, então o Rato de Praça é uma boa opção. Apesar de não atender exatamente 24 horas em Goiânia, funciona das 18h às 8h da manhã, e também pode ajudar a matar aquela fome que bate na madrugada. Fica próximo ao Terminal Praça da Bíblia, oferecendo diversidade em seu cardápio de sanduíches e bebidas.

Telefone: (62) 3202-5641

Funcionamento: todos os dias, das 18h às 8h

Endereço: Avenida Anhanguera, 2635 – St. Leste Vila Nova, Goiânia – GO, 74643-010

7 – Caldos 24 horas

Fome na madrugada? Veja x lugares com atendimento 24 horas em Goiânia
Foto: Reprodução/ Casal Gourmet

Também não funciona 24 horas por dia, mas ficam abertos das 18h às 6h da manhã, todos os dias. Com os melhores caldos da cidade, é possível escolher entre variadas e saborosas opções. Vale lembrar que durante as quartas ainda rola rodízio de caldo, das 18h às 22h.

Telefone: (62) 3259-8118

Funcionamento: todos os dias, das 18h às 6h

Endereço: Av. T-63, 2940 – Jardim America, Goiânia – GO, 74250-320

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Prisão de Marconi Perillo é por tempo indeterminado

Ainda hoje, um perito do IML deve ir à sede da Polícia Federal, onde Marconi está desde o início da tarde de hoje, para realizar o exame de corpo de delito.
10/10/2018, 18h58

Marconi Perillo (PSDB), ex-governador de Goiás, pode ficar preso por tempo indeterminado. De acordo com nota da Polícia Federal, o mandado cumprido contra Marconi é de prisão preventiva. No pedido, o Ministério Público Federal (MPF) informou que a Operação Cash Delivery mostra que a organização criminosa liderada pelo ex-governador “tem uma atuação muito mais ampla e atual do que se imaginava inicialmente” e “não se limita ao esquema Odebrecht”.

O pedido de prisão preventiva de Marconi foi protocolado na última segunda-feira (8/10) e decretada hoje pelo juiz federal Rafael Ângelo Slomp, enquanto o ex-governador prestava depoimento na sede da Polícia Federal, em Goiânia. Até ontem (9/10), a defesa de Marconi não acreditava na possibilidade de prisão.

Após ser preso, algumas pessoas se reuniram na porta da sede da PF, localizada no setor Pedro Ludovico, em Goiânia. Eles comemoravam a prisão de Marconi. Veja o momento:

Ainda hoje um perito do Instituto Médico Legal (IML) deve à sede da Polícia Federal, onde Marconi está desde o início da tarde de hoje, para realizar o exame de corpo de delito.

Marconi Perillo investigado

Segundo nota do MPF, “quando ainda era senador e, depois, também como governador, Marconi Perillo solicitou e recebeu propina no valor de, em 2010, R$ 2 milhões e, em 2014, R$ 10 milhões, em troca de favorecer interesses da empreiteira relacionados a contratos e obras no Estado de Goiás.”

Ainda de acordo com a nota, o caso foi remetido à primeira instância a partir da renúncia de Marconi Perillo ao mandato de governador de Goiás e a consequente perda de foro privilegiado. O caso foi então assumido pelo Núcleo de Combate à Corrupção do MPF em Goiás e pela Polícia Federal. A investigações começaram em junho de 2017.

Operação Cash Delivery

O ex-governador, que concorria a uma vaga no Senado, mas que recebeu apenas 7,55% dos votos válidos, é investigado na Operação Cash Delivery, deflagrada pela Polícia Federal (PF) e Ministério Público Federal (MPF), no dia 28 de setembro. Antes da operação, Perillo seguia firme nas pesquisas, mas no dia 2, depois de ser citado, uma pesquisa do Instituto Grupom apontou queda do ex-governador para 4º lugar, com 23,2%, na disputa pelo Senado.

Durante a operação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em endereços do ex-governador de Goiás. Ao todo, foram cumpridos 14 mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária, expedidos pela 11ª Vara da Justiça Federal de Goiás, nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Pirenópolis e Aruanã, Campinas e São Paulo. A PF apreendeu mais de R$ 1 milhão.

Jayme Rincón, o empresário Carlos Alberto Pacheco Júnior e Rodrigo Godoi Rincón, filho de Jayme Rincón, conseguiram habeas corpus e já foram liberados. Já o motorista de Jayme e policial, Márcio Garcia de Moura, continua preso preventivamente.

Via: O Popular G1 
Imagens: Estadão 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Polícia intercepta quadrilha especializada em explosões de Caixas Eletrônicos em Professor Jamil

Rotam abordou veículos nas rodovias Estaduais e Federais que cortam o Estado após denúncias.
11/10/2018, 08h55

Depois de receber uma denúncia sobre uma quadrilha especializada em explosões de Caixas Eletrônicos, que planejava agir na madrugada desta quinta-feira (11/10) através do Rotam denúncia, as equipes das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) se deslocaram para cidades do sul do Estado para abordar os suspeitos.

Durante a ação os policiais da Rotam abordaram vários veículos em rodovias Estaduais e Federais que cortam o Estado. A Rotam informou ao Portal Dia Online que na BR-153 próximo a cidade de Professor Jamil, um carro do modelo Hyndai HB 20 de cor preta, com três ocupantes que seguida rumo a cidade de Itumbiara foi acompanhado pelos policiais.

Quadrilha especializada em explosões de caixas eletrônicos é morta em troca de tiros com a Rotam

Rotam intercepta quadrilha especializada em explosões de Caixas Eletrônicos em Professor Jamil
Foto: Divulgação/ ROTAM

Ainda conforme as informações repassadas, as equipes emitiram sinais pedindo para que os suspeitos parassem o carro, no entanto os indivíduos não atenderam as solicitações dos policiais e tentaram fugir.

De acordo com a Rotam, no momento em que os ocupantes do carro tentaram fugir o motorista perdeu o controle do veículo, forçando uma tentativa de fuga a pé. Os três começaram a disparar contra as equipes que perseguiam o carro, que revidaram e conseguiram alvejar os suspeitos.

Ainda conforme a Rotam os três suspeitos foram socorridos e encaminhados para o Pronto Socorro da cidade de Hdirolândia, mas não resistiram aos ferimentos e morreram na unidade de saúde. As equipes que participaram da ação aprenderam o carro usado pelos suspeitos, que também era roubado, três armas de fogo, dois artefatos explosivos, luvas e equipamentos que seriam usados para outras ações criminosas.

A Rotam informou também que o esquadrão antibombas do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) foi acionado para desativar os explosivos. Ainda segundo as informações repassadas todo material apreendido foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Pirancajuba.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Trânsito

Operação Nossa Senhora Aparecida começa nesta quinta-feira

A fiscalização vai até domingo nas estradas de todo o país.
11/10/2018, 09h44

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou nesta quinta feira (11/10), na BR 060, km 132, na Unidade Operacional da PRF no Parque Ecológico, a Operação “Nossa Senhora Aparecida”. A ação ocorrerá até domingo meia noite (14/10), visando intensificar as ações de fiscalização nas estradas federais de todo o Estado de Goiás.

De acordo com a PRF, o feriado irá refletir no aumento do fluxo de veículos e de passageiros nas rodovias federais. Além da preocupação em garantir aos usuários segurança, conforto e fluidez do trânsito, a PRF está empenhada em reduzir 50% do número de mortos e de feridos em decorrência de acidentes de trânsito.

Ainda segundo a PRF, o excesso de velocidade, a ultrapassagem em local proibido e o não uso do cinto de segurança estão entre as principais infrações flagradas pelos policiais rodoviários federais. O mau estado de conservação do veículo, e a falta de documento obrigatório ou documentação vencida também são infrações recorrentes em períodos de feriados prolongados.

A PRF alerta os pais que pegarão a estrada com crianças e bebês, para o  uso do dispositivo de segurança adequado para cada idade. Bebês de até um ano devem ser transportados no banco traseiro, acomodados no bebê conforto. De 1 a 4 anos deve ser feito o uso da cadeirinha. Para crianças de 4 a 7 anos, é obrigatório o uso do assento de elevação.

O telefone de emergência da PRF é o 191. Já o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) atende pelo número 192 e o Corpo de Bombeiros pelo 193. Os dados da operação serão divulgados na segunda-feira (15/10).

Restrições de tráfego

Os veículos que necessitam de Autorização Especial de Trânsito (AET), como caminhões bi-trens, cegonhas também terão restrições nesse feriado. A medida é para aumentar a segurança de veículos menores. O caminhoneiro que descumprir a restrição será multado em R$ 130,16 (infração Média), receberá 04 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o veículo ficará retido. A restrição vale apenas para trechos de pista simples.

Confira os dias e horários da Operação Nossa Senhora Aparecida

Dia 11 das 16h às 22h

Dia 12 das 06h às 12h

Dia 14 das 16h as 22h

Imagens: Metrópoles - DF 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Sem dinheiro, governo de Goiás parcela salários de servidores

A Sefaz, pasta responsável pelo pagamento dos vencimentos, alegou que "a medida se fez necessária devido à necessidade de quitação nesta semana de uma dívida do Estado com agentes financeiros".

Por Ton Paulo
11/10/2018, 09h46

Servidores do Estado de Goiás do Tribunal de Contas do Estado (TCE), dos Municípios (TCM), do Tribunal da Justiça (TJ) e da Secretaria da Fazenda (Sefaz) que esperavam receber seus salários na última quarta-feira, como previsto, tiveram uma surpresa: alegando ter tido que pagar uma dívida com agentes financeiros, o governo estadual não pagou os vencimentos e informou aos servidores que eles receberão seus salários deste mês parcelados: 40% do valor será pago hoje (11/10) e os outros 60%, na próxima semana. A previsão é de que o pagamento seja efetuado até a próxima quinta-feira (18/10), mas a pasta não precisou a data.

Em nota, a Sefaz alega que os vencimentos até R$ 3.500 reais foram pagos aos servidores no dia 28 de setembro, o que representa 70% do total do Estado.

Ainda de acordo com a pasta, o não pagamento da dívida do Estado que provocou o atraso e parcelamento dos salários dos servidores poderia implicar no bloqueio de recursos do Tesouro Estadual.

Nesta semana, após sua primeira reunião com o secretariado pós-eleição, o governador Zé Eliton (PSDB) informou à imprensa que a sua prioridade, nos três últimos meses do mandato, será honrar as obrigações constitucionais do Estado.

O governador declarou que a reunião teve o objetivo claro de orientar todos os auxiliares de governo para atender a um calendário que vigente, “não só do ponto de vista fiscal, mas também de transição de governo e fechamento de contas”.

TJ-GO informou que trabalha para a adequação ao novo percentual de pagamento do governo de Goiás

A Sefaz informou diretamente ao Tribunal de Justiça que o Estado não tem finanças para efetuar o pagamento integral das folhas de pagamento do TJGO, TCE, TCM e da própria Sefaz.

Informada sobre a necessidade do parcelamento, a Diretoria de Recursos Humanos e a Diretoria Financeira do TJGO estão trabalhando para adequação ao novo percentual. Na reunião com o secretário da Fazenda, participaram os desembargadores que integram o Órgão Especial e o presidente da Asmego, juiz Wilton Müller.

Confira a nota da Sefaz na íntegra:

“Estado quita mais de 90% da folha

A Secretaria da Fazenda de Goiás quita até hoje (11/10) mais 90% da folha de setembro dos servidores do Estado. Em 28 de setembro foram pagos os vencimentos dos servidores que ganham até R$ 3,5 mil, que representam 70% do total do Estado, portanto, ainda dentro do mês trabalhado. Nesta semana, foram liberadas as folhas salariais das Secretarias da Saúde e Educação, da Assembleia Legislativa e do Ministério Público. Os vencimentos dos demais órgãos, autarquias e fundações do Poder Executivo serão liberados hoje, ao longo do dia. Os servidores da Sefaz, dos Tribunais de Contas do Estado (TCE) e do Município (TCM), e do Tribunal de Justiça (TJ) receberão parcela dos vencimentos hoje (11/10) e o restante na próxima semana. A medida se fez necessária devido à necessidade de quitação nesta semana de uma dívida do Estado com agentes financeiros, cujo atraso poderia implicar em bloqueio de recursos do Tesouro estadual.​”

Via: O Popular TJ-GO 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.