Trânsito

Marginal Botafogo será totalmente liberada em dezembro, diz secretário de Infraestrutura

Trechos da via recebem reparos desde as fortes chuvas de 2017 e do início deste ano.
30/10/2018, 17h05

A Marginal Botafogo, em recuperação desde o ano passado, será totalmente liberada até o dia 5 dezembro, afirmou o secretário municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Dolzonan Mattos. O comunicado foi feito nesta terça-feira (30/10), durante sessão da Câmara Municipal de Goiânia, realizada para discutir sobre o andamento das obras na capital.

Segundo o secretário, três frentes de trabalho atuam nos seis quilômetros da via e 60% das obras já estão concluídas. O outros 40% são referentes a trabalhos mais simples e devem ser concluídos até o dia 5 de dezembro de 2018. “Não há mais risco de problemas no canal, nem de inundação. A última chuva foi de 150 milímetros e o nível não subiu nem um metro”, explica Dolzonan.

Na ocasião, Dolzonan também detalhou aos vereadores a operação tapa buracos, que, segundo ele, já percorreu 20 bairros e tapando 3 mil buracos por dia. Ainda de acordo com o secretário, o programa Asfaltamento nos Bairros está em andamento, com expectativa de asfaltar todas as ruas habitadas da capital até o fim do mandato do prefeito Iris Rezende (MDB).

Obras na Marginal Botafogo

Em novembro de 2017, parte da Marginal Botafogo desmourou devido as fortes chuvas. Desde então, vários trechos da via foram interditados para obras emergenciais realizadas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Seinfra).

Marginal Botafogo será totalmente liberada em dezembro, diz secretário de Infraestrutura
Foto: Reprodução

Em março deste ano, o promotor de Justiça Marcelo Fernandes de Melo, titular da 81ª Promotoria de Goiânia, expediu recomendação ao secretário municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade, Fernando Santana, para que fossem adotadas as providências administrativas necessárias e eficazes para interditar, “de maneira efetiva”, a Marginal Botafogo para trânsito de veículos pesados ao longo de toda a via.

Por um tempo, com a fragilidade do asfalto na avenida, ônibus, carretas e caminhões que passavam pela avenida tiveram que procurar vias alternativas para trafegar.

Ainda em março, a Prefeitura de Goiânia conseguiu junto ao Ministério da Integração Nacional a liberação de R$ 7 milhões para os reparos emergenciais de 17 pontos de risco detectados na Marginal Botafogo. O recurso veio após a entrega do relatório que apontou a necessidade dos trabalhos no local.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.