Economia

Mansueto diz que este 'é um ótimo momento para investir no Brasil'

14/11/2018, 18h28

O Secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, afirmou que com as perspectivas que o País possui para os próximos anos, sobretudo com aprovações de reformas fiscais, com destaque para a relativa à Previdência Social, e privatizações de estatais, bem como de avanço de projetos de infraestrutura, “agora é um ótimo momento para investir no Brasil”.

Segundo o Secretário do Tesouro, a Petrobras, Eletrobras e bancos estatais apresentam atualmente condições de governança corporativa bem melhores do que há 3 anos, que inclusive não permitem gastos que não sejam aprovados pelo conselho administrativo destas instituições, o que reduz muito as chances de acontecerem despesas motivadas por fatores políticos.

Almeida acredita que a aprovação pelo Congresso do projeto que tornará o Banco Central independente será “um passo importante” para o fortalecimento das instituições públicas no Brasil. “Contudo, hoje o BC já tem total independência e dispõe de uma direção excelente.”

Ele afirmou que tem contatos constantes com o presidente da autarquia, Ilan Goldfajn. “Eu não manifesto nada sobre política monetária e ele também não expressa nada sobre os trabalhos do Tesouro.” Ele fez os comentários ao participar de evento do Bradesco BBI para investidores internacionais em Nova York.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Preso no interior de Goiás grupo que fabricava e vendia remédios irregulares para emagrecer

Quadrilha vendia os medicamentos, para todo o país, por meio de sites e perfis em redes sociais.
14/11/2018, 18h38

Foi preso na manhã desta quarta-feira (14/11) no interior de Goiás, um grupo criminoso especializado na fabricação de remédios irregulares para emagrecimento, de acordo com informações da Polícia Civil. A ação integra a Operação Dieta de Risco, deflagrada pela Delegacia de Jandaia, com apoio de investigadores dos municípios de Edéia, Indiara, Quirinópolis, Santa Helena, Rio Verde e Acreúna.

Ao todo, foram cumpridos sete mandados de prisão preventiva em Jandaia e Acreúna. Além das prisões, as equipes de policiais civis também desativaram um laboratório clandestino na cidade de Rio Verde, onde foram apreendidas milhares de cápsulas e insumos, além de aparelhos para encapsulamento.

Na ação, os policiais apreenderam também mais de R$ 30 mil em espécie.

Grupo do interior de Goiás vendia remédios irregulares pela internet

De acordo com as investigações, a quadrilha vendia os remédios irregulares para emagrecimento por meio de sites e perfis em redes sociais. A comercialização era feita por todo o país.

“Há indícios de uso até mesmo de anfetaminas na composição dos medicamentos, que colocavam em risco a saúde dos usuários dos produtos fabricados pela quadrilha”, ressaltou Taísa Antonelo, delegada chefe da 8ª Delegacia Regional de Polícia.

Os sete envolvidos foram indiciados por falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais, além de responder também pelos crimes de associação criminosa. As penas, somadas, variam de 13 a 18 anos de prisão.

Segundo o delegado Daniel Moura, um oitavo integrante do grupo criminoso, que já tem passagens pelos mesmos crimes, está foragido. As investigações continuam.

Remédios irregulares para emagrecimento

Este ano, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já proibiu a comercialização de dois medicamentos para emagrecimento no Brasil. Um deles, conhecido como o Chá da Vida, era vendido sem registro junto à Anvisa e e era fabricado de maneira clandestina. Já o outo remédio, Garcínia Cambogia, foi proibido por falta de registro e notificação.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Mulher é suspeita de matar marido na porta de casa e fugir com filhos, em Aparecida de Goiânia

Crime ocorreu na noite desta quarta-feira (14/11), no Jardim Cristal.
15/11/2018, 09h05

Mulher é suspeita de matar o marido com um golpe de faca na frente dos filhos, no Jardim Cristal, em Aparecida de Goiânia, Região Metropolitana da capital. O crime ocorreu na noite desta quarta-feira (14/11) e logo após o ocorrido ela deixou o local com as crianças; a suspeita continua foragida. De acordo com informações preliminares, o casal tinha discussões constantes porque o homem costumava chegar bêbado em casa.

Segundo informações da Polícia Civil (PCGO), Carlos da Silva Alves, de 35 anos, foi atingido com uma facada no pescoço, e o crime, que ocorreu na porta da casa da família, foi presenciado pelos filhos do casal. Depois de matar o homem, a mulher fugiu com as crianças, tendo uma delas de apenas 1 ano de idade.

Uma equipe da Polícia Técnico-Científica encaminhou o corpo de Carlos ao Instituto Médico Legal (IML) do município, que foi liberado na madrugada desta quinta-feira (15/11).

Em atualização.

Imagens: DOL 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

Home office para servidores da Assembleia Legislativa de Goiás é aprovado

Projeto, que ainda será regulamentado, só passará a valer na próxima Legislatura.
15/11/2018, 09h42

Foi aprovado em votação definitiva, nesta quarta-feira (14/11), o projeto de lei nº 4947/18 que permite home office para servidores da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), ou seja, eles podem trabalhar de casa quando necessário. Por se tratar de matéria relativa à Casa,o projeto não precisa da sanção do Governo do Estado, sendo promulgado pela Casa de Leis.

O projeto ainda deve ser regulamentado antes de entrar em vigor, e, apesar de aprovado, só passará a valer na próxima Legislatura, com início em fevereiro de 2019. No período de regulamentação serão definidos critérios e mecanismos de controle para se certificar que funcionários em home office cumpram, de fato, carga horária e tarefas estabelecidas.

A matéria, que já é adotada pelo Governo de Goiás e por órgãos da administração pública, como Tribunal Superior do Trabalho (TST), Procuradoria-Geral da República (PGR) e Ministério Público Federal (MPF), tem como objetivo aumentar a produtividade, diminuir custos e melhorar a qualidade de vida dos funcionários.

De acordo com Helio de Sousa (PSDB), deputado autor do projeto, “apenas procuradores e alguns profissionais de comunicação se enquadrariam”, o que corresponde a cerca de 0,5% dos servidores.

Concurso da Assembleia Legislativa de Goiás

Em outubro deste ano, a Alego, por meio da comissão integrada por procuradores da Casa, definiu o Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) como banca responsável pelo concurso que será aberto para preenchimento de 80 vagas no quadro efetivo do órgão legislativo. A contratação do instituto foi feita com dispensa de licitação. A empresa escolhida passou pelo crivo de três procuradores da Comissão de Licitações e do presidente da Alego, José Vitti.

A contratação do IADES foi feita sem licitação, por meio de dispensa do documento. De acordo com um dos membros da comissão responsável pela escolha da empresa, que falou à reportagem do Dia Online, esse módulo de contratação ocorre dentro dos trâmites legais. “Esse [a dispensa de licitação] é um procedimento legal, que está previsto na Lei Estadual. Ela passou por toda a assessoria da casa antes de ser aprovada”, explica.

Imagens: Gran Cursos Online 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Confira a programação completa do Caldas Country Show; evento começa hoje!

Opção para o feriado prolongado.
15/11/2018, 12h15

Começa nesta quinta-feira (15/11)  a 13ª edição do Caldas Country Show, em Caldas Novas, no sul goiano. O evento promete 40 horas de shows, divididas em três dias, com a apresentação de mais de 20 artistas de diferentes gêneros musicais. É a opção perfeita para os fãs de sertanejo, axé e música eletrônica. O festival segue até o próximo sábado, 17 de novembro.

Este ano, pela primeira vez, o evento conta com o show da sertaneja Marília Mendonça. Se apresentam ainda: Chitãozinho e Xororó, Humberto e Ronaldo, Bruno e Marrone, Gusttavo Lima, Zé Neto & Cristiano, George Henrique e Rodrigo e Matheus e Kauan.

Também prometem animar o público atrações como Alok, Vintage Culture, Bell Marques e Durval Lelys. Os portões serão abertos às 21h. A locução fica por conta de Cuiabano Lima.

Os ingressos, que custam a partir de R$ 70, ainda estão a venda pelo site www.realista.com.br e nos pontos de venda em Goiás, Minas Gerais e Distrito Federal. Veja abaixo os pontos de venda no estado:

  • Goiânia: Shopping Centro Oeste – 2º piso / Telefone: (62) 98469-3031
  • Goiânia: Tibo do Açaí – R. 36, nº: 366 – St. Marista / Telefone: (62) 3226-0100
  • Anápolis: Nobel Eventos – Av. Goiás, nº: 475 – Centro / Telefone: (62) 3098-7666
  • Catalão: Disque Bebidas – Av. Raulina F Paschoal – Centro / Telefone: (64) 3441 4144
  • Caldas Novas: Farmácia Bem Estar – Praça Mestre Orlando / Telefone: (64) 3453 1888

Programação do Caldas Country Show

A programação do evento conta, em todos os dias, com shows a partir das 23h até às 6h. Confira e aproveite!

Quinta-feira, 15/11:

  • 23h55 – Matheus & Kauan
  • 1h25 – Jorge & Mateus
  • 3h05 – Gabriel & Rafael
  • 3h45 – Alok
  • 5h20 – Jefferson Morais
  • 6h20 – Humberto & Ronaldo

Sexta-feira, 16/11:

  • 22h – George Henrique & Rodrigo
  • 23h – Leo Canhoto & Robertinho
  • 23h40 – Bruno & Marrone
  • 1h10 – Marília Mendonça
  • 2h50 – Kleo Dibah
  • 4h – Zé Neto & Cristiano
  • 5h45 – Diego & Victor Hugo
  • 6h15 – Bell Marques
  • Vintage Culture

Sábado, 17/11:

  • 22h30 – Chitãozinho & Xororó
  • 23h55 – Gabriel Diniz
  • 1h10 – Wesley Safadão
  • 2h45 – Aviões
  • 4h10 – Thiago Brava
  • 5h15 – Gusttavo Lima
  • 6h35 – Durval Lelys
Imagens: Temporada Livre 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.