Economia

Baixa do petróleo é uma oportunidade para acabar com subsídio do diesel, diz ANP

A decisão deve partir da alta esfera do governo que fechou acordo com os caminhoneiros.
23/11/2018, 14h19

Para o diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone, a baixa do preço do petróleo no mercado internacional traz uma oportunidade ao governo para antecipar o fim do subsídio do óleo diesel. Pelo acordo firmado com os caminhoneiros para acabar com a greve de maio, o governo se comprometeu a manter os preços internos, ainda que no exterior estivessem subindo.

O subsídio foi limitado em R$ 0,30 até 31 de dezembro. Mas, neste mês, os preços interno e externo estão similares nas regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste. As exceções são o Norte e o Nordeste, onde ainda há diferença de R$ 0,05 e R$ 0,03, respectivamente.

“O fim do subsídio é uma decisão política. No fim do mês, dependendo de como estiverem os preços, a decisão deve ser tomada”, disse Oddone, após participar do Prêmio ANP de Inovação Tecnológica 2018.

A decisão deve partir da alta esfera do governo que fechou acordo com os caminhoneiros, segundo o diretor-geral da ANP. Mas, de acordo com o Ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, “essa é uma atribuição da ANP e Fazenda”.

Também presente ao evento, o ministro ainda afirmou que nunca ouviu falar em “mudança de regime” de partilha para concessão nos leilões do pré-sal. Ele negou discussão com equipe de transição do governo.

Já Oddone defendeu a adoção da concessão no pré-sal desde que discussões no Congresso não atrapalhem o cronograma de leilões.

Imagens: O Sul 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

'Fraude estava instalada dentro da Petros', diz procuradora da Lava Jato

Isabel Groba definiu o esquema como "gigantesco".
23/11/2018, 14h43

A Operação Sem Fundos, 56ª fase da Lava Jato aberta nesta sexta-feira, 23, investiga ex-presidentes e um ex-diretor do Fundo Petrobras de Seguridade Social (Petros) por suspeita de envolvimento no esquema de corrupção ligado à construção da Torre Pituba, a sede da Petrobras em Salvador. Newton Carneiro, Luís Carlos Fernandes Afonso e Carlos Fernando Costa são alvo da mandados de prisão preventiva. Wagner Pinheiro teve sua residência vasculhada pela Polícia Federal.

Criado em 1970, a Petros é o segundo maior fundo de pensão da América Latina. Administra 39 planos de Previdência complementar de diversas empresas, entidades e associações que o tornam o maior fundo de pensão multipatrocinado do País em patrimônio administrado, totalizando R$ 81 bilhões.

Luís Carlos Fernandes Afonso e Carlos Fernando Costa presidiram a Petros e foram também diretores de Investimento do fundo. Newton Carneiro da Cunha ocupou as diretorias administrativa e de investimentos. Wagner Pinheiro foi presidente da Petros entre 2002 e 2010.

As ordens de prisão e buscas foram expedidas pela juíza Gabriela Hardt, que herdou os processos da Lava Jato do ex-juiz Sérgio Moro. Na decisão, a magistrada afirmou que Newton Carneiro, Luís Carlos Fernandes Afonso e Carlos Fernando Costa desempenharam papeis relevantes e fundamentais “em todo o esquema de gestão fraudulenta, corrupção e lavagem de dinheiro” e provocaram “prejuízos de elevada monta às duas entidades lesadas (Petrobras e Petros) no enredo criminoso”.

Além de investigados na Lava Jato, Newton Carneiro, Luís Carlos Fernandes Afonso e Carlos Fernando Costa foram denunciados em maio de 2016 na Operação Recomeço por crime de gestão fraudulenta no âmbito da Petros. São acusados ainda na Operação Greenfield por atos temerários e investimentos lesivos aos cofres do fundo de pensão.

Os investigadores da Lava Jato afirmam que as empreiteiras OAS e a Odebrecht distribuíram propina de R$ 68.295.866,00 ao PT e a ex-dirigentes da Petrobras e da Petros. O Ministério Público Federal, no Paraná, aponta que os “valores históricos” representam quase 10% do valor da obra.

Segundo a procuradora regional da República Isabel Groba Vieira, as fraudes se prolongaram na Petros de 2008 até 2016, período em que o fundo esteve sob presidência de três executivos que “participaram de alguma forma, em algum momento (das fraudes)”.

“A fraude estava instalada dentro da Petros”, disse. “O prejuízo é de enorme monta, a higidez do fundo fica comprometida.”

Isabel Groba afirma que “os mandados de prisão foram requeridos em relação aos dirigentes da Petros que atuaram desde o nascedouro, inclusive na fase da celebração dos contratos em relação aos quais há elementos reunidos”. A procuradora definiu o esquema como “gigantesco”.

“A ousadia nesse esquema é sempre chocante porque pagamento de propina feito inclusive em 2015 e 2016, ou seja, prosseguiu mesmo depois do avançar da Lava Jato”, declarou.

Ao mandar prender os três ex-dirigentes da Petros, a juíza Gabriela Hardt destacou que os procedimentos de contratação das obras da Torre Pituba “foram direcionados para viabilizar o pagamento de vantagens indevidas para agentes públicos da Petrobras, o Partido dos Trabalhadores e dirigentes da Petros”.

Defesas

A reportagem fez contato com a Petros, mas não havia recebido resposta do fundo até a publicação desta matéria. Também está tentando entrar em contato com todos os citados. O espaço está aberto para as manifestações.

Imagens: Massa News 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Dia Gourmet

Comida saudável em Goiânia: 14 lugares para comer sem culpa

Procurando por boas opções de comida saudável em Goiânia? Separamos uma lista com os melhores restaurantes e fast foods da capital no segmento. Confira!
23/11/2018, 14h51

A alimentação é uma experiência que envolve diversas sensações e emoções, em uma busca por ingredientes que satisfaçam necessidades que vão muito além da fome. Embora seja realmente bom comer hambúrgueres e outros tipos de alimentos mais pesados de vez em quando, é válido considerar que nossa alimentação base deve ser rica em nutrientes, não apenas para manter o corpo em dia mas também em um ato em benefício da própria saúde. Portanto, se você procura opções de comida saudável em Goiânia, podemos te ajudar!

Quem disse que o saudável não pode ser gostoso? Com a receita e preparo certos, até a verdura que você menos gosta pode se transformar em um prato saboroso e nutritivo. Separamos abaixo alguns restaurantes e fast foods que trabalham com o segmento de comida natural e você precisa conhecê-los! Não há mais aquela desculpa de não ter tempo de se alimentar bem! Confere aí!

Opções de comida saudável em Goiânia:

1 – República da Saúde

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Para quem pretende desfrutar da melhor comida saudável de Goiânia, nada melhor que ir até a República da Saúde! A ideia do lugar nasceu em 2008 e desde então foi se adaptando para melhor atender seu público. Atualmente, o propósito do restaurante é difundir um estilo de vida saudável baseado em uma alimentação natural.

Considerado por muitos como um verdadeiro complexo gastronômico, possui o conceito de health shopping (shopping da saúde) e trabalha com fartos buffets, pães, café da manhã e vinhos. Vale a pena fazer uma visita e experimentar os pratos.

Horário de atendimento: segunda, das 8h às 20h / terça a domingo, das 8h às 21h

Telefone: (62) 3942-5576

Endereço: Rua 89, 655 – St. Sul, Goiânia – GO, 74093-140

2 – Rosas Cozinha e Sentimento

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

O restaurante surgiu a partir da ideia de levar para as pessoas opções gostosas e saudáveis de se alimentar. Partindo daí, o estabelecimento faz questão de sempre inovar no que há de mais moderno no segmento, oferecendo para seus clientes diversidade de pratos e refeições.

É uma excelente escolha de comida saudável em Goiânia!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 11h30 às 14h30 / sábado, das 11h30 às 15h

Telefone: (62) 3223-5676

Endereço: Rua 2, 488 – Quadra F1, Lote 43 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74110-130

3 – Bapi

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Empresa tradicionalmente goianiense e há mais de 40 anos no mercado, o Bapi é uma ideia saudável! A rede de fast-foods evoluiu de uma simples linha de produção de sucos para uma ampla oferta de alimentos saudáveis.

Os ingredientes são sempre frescos e contam com o mais alto padrão de qualidade. O cardápio é variado e conta com sanduíches naturais, tapiocas, saladas, massas, omeletes e pratos fitness. Sem contar que ainda é possível pedir deliciosos sucos e açaí.

Horário de atendimento: todos os dias, das 11h30 às 23h (os horários podem variar de acordo com cada unidade)

Telefone: 

  • (62) 3095-6569
  • (62) 3093-3096
  • (62) 3942-6365
  • (62) 3546-2000

Endereço:

  • R Mil Cento E Quarenta E Cinco, 1 – St. Marista, Goiânia – GO, 74180-050
  • Av. T-10, 1300 – St. Bueno, Goiânia (Goiânia Shopping) – GO, 74230-100
  • Av. T-63, 1210 – Quadra 144 Lote 11 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74230-100
  • Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – Loja 236 – Jardim Goiás, Goiânia (Flamboyant Shopping) – GO, 74810-907

4 – Boali

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Pioneiros no mercado de comida saudável saudável em Goiânia, Boali é uma rede de franquias que nasceu em São Paulo e à medida que o tempo foi passando, apenas cresceu, fazendo com que hoje tenha mais de 30 unidades espalhadas por todo o Brasil.

Além de oferecerem uma alimentação mais gostosa e saudável, ainda possuem o propósito de ter um papel mais atuante e transformador na sociedade e também na natureza.

Hoje, trabalham com saladas, grelhados, wraps, crepes, bebidas e sobremesas. Vale a pena conhecer!

Horário de atendimento: todos os dias, das 10h às 22h30

Telefone: (62) 3281-0562

Endereço: Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – Loja 227 – Jardim Goiás, Goiânia (Flamboyant Shopping) – GO, 74810-907

5 – Slim Gastronomia Saudável

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Localizado no Setor Oeste, o restaurante nasceu  com a intenção de proporcionar qualidade de vida para seus clientes, atraindo um público interessado em manter o bem estar.

Dessa forma, a Slim Gastronomia Saudável busca levar ao maior número possível de pessoas a oportunidade de comer bem, pois acreditam que essa é a melhor forma de prevenir doenças e manter uma vida equilibrada.

No cardápio é possível escolher saladas, sendo que você ainda pode montar a sua, pratos e sobremesas, incluindo versões veganas, sucos e shakes, açaí slim, dentre outras opções.

Horário de atendimento: todos os dias, das 11h30 às 21h45

Telefone: (62) 3095-2220

Endereço: Av. República do Líbano, 2360 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74115-030

6 – Ateliê da Salada

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

No mercado desde 2014, a empresa nasceu a partir da percepção de que nem sempre as pessoas possuem o tempo de montar um prato saudável, seja pela correria do dia a dia ou simplesmente pela falta de tempo que decorre de algum outro fator. Isso faz com que muita gente opte por alimentos rápidos que em nada enriquecem a alimentação.

Assim, a empresa visa atender de forma rápida, saindo como alternativa para aqueles que não abrem mão de comer bem. O cardápio conta com wraps, sanduíches, crepiocas, tapiocas, omeletes, panquecas, açaí, bebidas, entre outros.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 11h às 21h

Telefone: (62) 3996-1233

Endereço: Av. D, 650 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74140-160

7 – Go Box Food

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Com um conceito totalmente inovador, a Go Box é um Fresh Fast Food. Com o intuito de trazer a comida saudável em Goiânia, o objetivo é incentivar seus clientes a introduzirem hábitos saudáveis em sua rotina, começando pelas práticas alimentares.

O cardápio conta com diversos pratos ricos em proteínas, saladas, sanduíches naturais e opções vegetarianas.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 10h30 às 20h / sábado, das 10h30 às 15h

Telefone: (62) 3241-9345

Endereço: Rua 1129 Qd 237 Lt 22 N 46 – St. Marista, Goiânia – GO, 74175-140

8 – Natural Alimentos

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Se você busca por comida saudável em Goiânia, a Natural Alimentos é uma boa escolha. Diferente dos itens anteriores, que se tratavam de restaurantes ou lanchonetes, esta é uma lojinha de produtos naturais que possui produtos não encontrados de forma tão fácil em outros mercados.

O lugar pode ser considerado o paraíso para quem pretende manter a boa alimentação ou para aqueles que estão de dieta. Vale a pena conhecer!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 8h às 18h30 / sábado, das 8h às 13h30

Telefone: (62) 3089-0999

Endereço: Av. Tocantins, 683 – St. Central, Goiânia – GO, 74043-020

9 – Cerrado Alimentos Orgânicos

comida saudável em Goiânia

O restaurante trabalha com self-service de comida brasileira, com foco em produtos naturais. Vale lembrar que eles ainda possuem uma feirinha orgânica maravilhosa para quem pretende comprar seus produtos e fazer sua comida em casa mesmo.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 8h às 16h

Telefone: (62) 3213-4388

Endereço: Quadra F 14 – Lote 60, Rua 10, 342 – St. Sul, Goiânia – GO, 74083-120

10 – Pitanga Sabor e Equilíbrio

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Este é um dos mais aconchegantes ambientes em Goiânia para quem busca por comida saudável. Servindo os mais diversos pratos da cozinha brasileira, mas com foco em alimentos naturais, a cozinha é bastante criativa e sofisticada.

Conta com ambientes lounge joviais e sofás de pallets com rede no quintal. É lindo!

Horário de atendimento: segunda e terça, das 11h30 às 15h / quarta a sexta, das 11h30 às 22h / sábado, das 12h às 22h / domingo, das 12h às 20h30

Telefone: (62) 3093-1555

Endereço: R. 70, 401 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-350

11 – Mr Fit

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Esta é mais uma boa opção para quem procura comida saudável em Goiânia. O lugar é um fast food e as saladas são o carro chefe da casa.

Horário de atendimento: todos os dias, das 10h45 às 21h

Telefone: (62) 3639-6764

Endereço: Avenida Araguaia, Quadra 36, Lote 51, 381 – Sala 9 – St. Central, Goiânia – GO, 74015-090

12 – Fruta e Raiz

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

Casa de alimentação consciente e vegana, possui refeições completas e livres de qualquer ingrediente que possua origem animal. Dentre seus principais pratos estão as saladas, tapiocas, sanduíches naturais, coxinhas, sobremesas, entre outros.

Destaque também para os sucos, que são o ponto forte da casa.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 9h às 19h / sábado, das 10h às 18h

Telefone: (62) 3926-1221

Endereço: Rua 22, Qd. 61, Lt. 20 – Vila Santa Helena, Goiânia – GO, 74555-340

13 – Zoe Restaurante

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

No mercado desde 2015, o restaurante nasceu da ideia de trazer para Goiânia um novo conceito em alimentação saudável e saborosa.

Com diversidade no cardápio, é possível encontrar um prato para cada gosto.

Horário de atendimento: terça a sexta, das 12h às 15h30 e das 19h30 às 23h30 / sábado, das 12h às 16h e das 19h30 às 00h / domingo, das 12h às 16h

Telefone: (62) 3636-4152

Endereço: Av. T-13, 711 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74230-050

14 – Casa Benedita

comida saudável em Goiânia
Foto: Reprodução

A Casa Benedita serve almoços em self-service com sete tipos de pratos quentes e outros cinco tipos de saladas. Esta é uma parte do cardápio que muda diariamente. O ambiente é sofisticado e um dos mais bonitos de Goiânia, prezando por um decoração natural com um jardim vertical no salão.

Telefone: (62) 3924-7971

Endereço: R. S-2, 806 – St. Bela Vista, Goiânia – GO, 74823-430

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Unidade do Vapt Vupt é fechada por não renovar o aluguel de prédio, em Goiás

Dono do imóvel não teve interesse em renovar o contrato de locação.
23/11/2018, 14h52

O Vapt Vupt de Novo Gama, no Entorno do Distrito Federal, fechou as portas nesta sexta-feira (23/11). A Superintendência de Gestão do órgão, da Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan), informou que o fechamento da unidade foi o interesse do dono em não renovar o contrato de aluguel do imóvel.

Em nota, a Prefeitura de Novo Gama informou que não depende apenas dela para que a unidade permaneça na cidade e que a mesma é de competência do Estado, tendo em vista que a agência é um órgão estadual. A prefeita da cidade, Sônia Chaves (PSDB) lamentou o fechamento do Vapt Vupt no município, responsável por atender milhares de famílias na cidade e que aguardar uma solução positiva para a manutenção da agência em Novo Gama.

Prefeita lamentou fechamento do Vapt Vupt na cidade

“Sabemos que com o novo governo diversas mudanças acontecerão e a minha expectativa é de que o governador eleito analise a situação e encontre uma forma de retornar estes serviços à comunidade que tanto necessita”, disse Sônia.

De acordo com a Segplan uma equipe de trabalho vai ficar em Novo Gama, para dar orientar e dar informações aos usuários dos serviços prestados pelo Vapt Vupt. Os funcionário da unidade vão fazer as entregas de documentos como Registro Geral (RG), Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e a carteira de trabalho (CTPS).

Em nota a superintendência de Gestão do Vapt Vupt, informou ao Portal Dia Online que o fechamento da unidade foi pela falta de interesse do locatário em renovar o contrato de aluguel. Conforme a nota divulgada, o órgão procura outro imóvle que atenda às necessidades da unidade.

Confira a nota

“A Superintendência de Gestão do Vapt Vupt informa que o fechamento da unidade do Vapt Vupt de Nova Gama ocorreu devido ao desinteresse do locatário do imóvel em prorrogar o contrato do aluguel. O órgão está procurando outro imóvel que atenda às necessidades do Vapt Vupt, enquanto isso os servidores serão transferidos para as unidades mais próximas, como Valparaíso de Goiás e Luziânia.”

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Economia

Nas primeiras horas, Black Friday fatura quase metade do evento de 2017

Considerando as vendas feitas na quinta-feira, 22, e nas primeiras sete horas de sexta, 23, o faturamento do comércio eletrônico com o evento já atingiu 44% do que havia sido vendido nos dois dias inteiros do ano passado.
23/11/2018, 15h02

As vendas de Black Friday deste ano começaram em ritmo acelerado, segundo levantamento da Ebit Nielsen. Até o começo da manhã desta sexta-feira, o faturamento já havia atingido quase metade do total faturado no ano passado.

Segundo o levantamento, considerando as vendas feitas na quinta-feira, 22, e nas primeiras sete horas de sexta, 23, o faturamento do comércio eletrônico com o evento já atingiu 44% do que havia sido vendido nos dois dias inteiros de 2017. O faturamento acumulado até o início desta sexta já era equivalente de R$ 992,4 milhões ante um total de R$ 2,1 bilhões registrados em toda a Black Friday de 2017.

No dia 22, quinta-feira, a Ebit Nielsen calcula que as vendas cresceram 42% em relação à véspera da Black Friday de 2017. Apenas entre às 19h e 20h de quinta, o e-commerce já havia faturado R$ 435,4 milhões, número maior que as 24 horas da quinta-feira de 2017, quando a venda chegou a R$ 428,5 milhões. O tíquete médio desta quinta-feira cresceu 6%, chegando a R$ 515.

Já nas primeiras sete horas desta sexta, o tíquete médio se manteve acima de R$ 770. Nas compras mobile, o pico de vendas foi registrado entre 6h e 7h.

Imagens: Veja 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.