Economia

Chegadas de voos internacionais no Brasil crescem 8% em 2018, estima Embratur

27/12/2018, 17h52

O Brasil registrou quase 64 mil voos internacionais ao longo de 2018, o que corresponde um aumento de 8% em relação ao observado no ano passado, segundo dados levantados pela Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) a partir de informações fornecidas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e companhias aéreas.

Entre as cidades que mais receberam voos internacionais, Curitiba (PR) aparece em primeiro lugar da lista, com aumento de 61% em relação a 2017.

Já nos últimos oito anos, a Embratur calcula que a quantidade de voos internacionais tenha crescido 29%, de 49.557 em 2010 para 63.788 de 2018.

Na avaliação da presidente da estatal, Teté Bezerra, as medidas adotadas pelo governo brasileiro no setor aéreo, como a liberação de até 100% de participação estrangeira nas empresas aéreas nacionais, representam um avanço para o turismo e, principalmente, para o desenvolvimento econômico brasileiro.

“O aumento expressivo da conectividade aérea é um dos principais fatores de crescimento no número de turistas internacionais no Brasil. Com mais opções de voos e criação de novas rotas mais estrangeiros virão ao País movimentar nossa economia e, consequentemente, geração de emprego e renda”, diz.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Réveillon em Pirenópolis tem festas para todos os gostos

Vai passar o Réveillon em Pirenópolis mas ainda está por fora das festas que vão rolar na cidade? Confira a listinha que preparamos e escolha a atração que mais combina com você!
27/12/2018, 18h29

Ao longo do ano, Pirenópolis é uma das cidades turísticas mais procuradas de Goiás e não poderia ser diferente durante as festas de fim de ano. Se você já está ansioso para a virada e pretende passar o Réveillon em Pirenópolis, mas ainda não sabe exatamente o que fazer por lá, nós aqui do Portal Dia Online podemos te dar uma ajudinha!

Preparamos uma listinha com as principais festas que acontecerão em Piri, apresentando opções para todos os gostos. Se você prefere ficar longe do tumulto e quer apenas ter bons momentos em família, a cidade conta com opções bem mais tranquilas e que mesmo assim proporcionarão momentos únicos. No entanto, se você realmente gosta do agito e está procurando por bons shows, também é possível sair satisfeito! Dá uma olhada!

Opções para o Réveillon em Pirenópolis:

1 – Réveillon dos Amores

Réveillon em Pirenópolis tem festas para todos os gostos
Foto: Reprodução/ Blima

Para quem vai passar o Réveillon em Pirenópolis, uma das melhores opções é participar do Réveillon dos Amores. Programado para acontecer no Casarão Villa do Ouro, serão 4 dias de pura festa (28 a 31 de dezembro) e o público poderá contar com um line-up recheado de boas atrações.

Maluê, Giovanni Alcântara, Baile do Mário e Matheus Hartmann são apenas alguns dos artistas confirmados, sendo que a festa receberá 13 atrações ao todo e o foco é na música eletrônica! Esta será a primeira edição do evento e já promete ser um verdadeiro sucesso! Os ingressos custam a partir de R$ 300.

Para conferir mais detalhes, basta acessar o site oficial do evento clicando aqui.

2 – Lá em Casa Réveillon

Réveillon em Pirenópolis tem festas para todos os gostos
Foto Ilustrativa: Reprodução/ Metrópoles

Para quem pretende passar o Réveillon pela Rua do Lazer, nada melhor que aproveitar a festa preparada pelo restaurante Lá em Casa. O local contará com um cardápio todo especial durante a noite da virada, oferecendo deliciosos petiscos e boa variedade de entradas e saladas.

Vale destacar que a casa ainda preparará uma ceia principal! Para animar a galera, haverá um DJ comandando o som do local e ainda serão disponibilizadas opções de open bar. Para obter mais informações e conferir os valores, basta entrar em contato pelo número: (62) 9 9266-1605.

3 – Réveillon Haikai

Réveillon em Pirenópolis tem festas para todos os gostos
Foto: Reprodução

Se você vai passar o Réveillon em Pirenópolis mas pretende fugir dos maiores agitos, ir para o restaurante Haikai pode ser uma das melhores escolhas. A casa oferecerá uma ceia completa e contemporânea, acompanhada de espumantes e boa música ao vivo, sob o comando da banda Céu de Mercúrio.

Para obter mais informações, conferir os valores e fazer reservas, entre em contato pelo número: (62) 98535-1020

4 – Ceia de Réveillon Casamatta

Réveillon em Pirenópolis tem festas para todos os gostos
Foto Ilustrativa: Reprodução/ Tudo Gostoso

Mais uma boa opção para quem pretende passar um tranquilo Réveillon em Pirenópolis. O Hostel Casamatta oferecerá uma deliciosa ceia, onde os principais destaques do cardápio são o lombo suíno assado ao molho de maracujá, drumet de frango com batatinhas e algumas opções vegetarianas. Ideal para passar a virada com os amigos ou com a família! O telefone do local é: (62) 3331-2483.

5 – Réveillon Aravinda

Réveillon em Pirenópolis tem festas para todos os gostos
Foto: Reprodução/ Agita Pirenópolis

O Réveillon Aravinda já é tradição em Pirenópolis, sempre atraindo grandes públicos para a cidade. O evento contará com muita música boa, bebidas e comidas variadas. Apenas para que você tenha ideia, a festa contará com serviços de open bar e buffet de comidas goianas e internacionais.

Entre as bebidas disponíveis estarão refrigerantes, energéticos, água, vodkas e cervejas. Vale lembrar ainda que cada mesa receberá uma garrafa de espumante para o brinde da virada! Vai ser ótimo!

Para saber mais sobre os valores e comprar seus ingressos, basta entrar em contato por um dos números: (62) 3331-1678 / (62) 99310-6096 / (62) 99489-5312.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

Prefeito de Goiânia diz que BRT deve ser concluído até 2020

Em 2019, Iris Rezende afirma que asfalto chegará em todos os bairros da capital que ainda faltam.
27/12/2018, 19h03

O atual prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB), disse que as obras do BRT na capital devem ser concluídas até 2020. Além dessa previsão, o prefeito também planeja entregar, em 2019, asfalto em todos os bairros de Goiânia que ainda não são pavimentados. Os próximos passos e o balanço da atual gestão municipal foram divulgados nesta quinta-feira (27/12), durante coletiva de imprensa no Paço Municipal.

Iris Rezende (MDB) destacou ainda que foram feitos ajustes e esforços para quitar dívidas do município, além de buscar mais eficiência nos serviços oferecidos à população. “Definimos prioridades e reorganizamos as finanças da Prefeitura. Fiz um compromisso com o povo da cidade e tenho convicção de que será cumprido, e Goiânia voltará a ser motivo de orgulho para seus moradores”, reforçou.

O prefeito destacou que no próximo ano a Prefeitura de Goiânia dará continuidade em obras como o BRT e Maternidade Oeste, além da pavimentação de mais de 30 bairros. “Vamos asfaltar todos os bairros que ainda faltam em Goiânia. O BRT deve ser concluído até 2020 e a Maternidade Oeste ainda no ano que vem. Já resolvemos problemas antigos da cidade, como a Marginal Botafogo, reativamos a nossa usina de asfalto e vamos iniciar em janeiro o recapeamento de 600 ruas e avenidas na Capital”, ressaltou.

Iris Rezende, prefeito de Goiânia, anuncia que atual mandato é o último de sua carreira

Atuante na política goiana desde o final da década de 1950, o prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB), anunciou, em outubro deste ano, que o atual mandato que cumpre como gestor da capital é também o último.

O emedebista, conhecido pelos goianos como um dos políticos mais tradicionais e longevos na atividade pública no Estado de Goiás, disse ao jornal que só foi candidato em 2016 “por causa de uma situação vexatória em que a Prefeitura estava”.

De acordo com ele, se a situação fosse boa, ele não teria sido candidato, e completa atribuindo à sua idade o motivo de sua aposentadoria. “A Prefeitura estando consertada, não justifica eu, que já vou completar 85 anos daqui a dois meses, ainda estar envolvido com a administração”, declara.

Em julho de 2016, Iris Rezende anunciou sua aposentadoria na política, mas voltou atrás algumas semanas depois e decidiu lançar sua candidatura, sendo eleito prefeito de Goiânia pela quarta vez.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Governo de Goiás afirma que vai pagar salários de dezembro

Resposta veio após o governador eleito, Ronaldo Caiado (DEM), dizer, durante entrevista coletiva, que tenta resolver suposto calote de Zé Eliton, atual governador, no funcionalismo público.
27/12/2018, 19h40

Por meio de nota, o Governo de Goiás afirmou que vai pagar os salários de dezembro dos servidores do estado. A resposta veio após o governador eleito, Ronaldo Caiado (DEM), dizer, durante entrevista coletiva, que tenta resolver suposto calote de Zé Eliton, atual governador, no funcionalismo público.

No comunicado, o governo estadual esclarece ainda que Goiás apresenta um cenário  diferente de muitos outros estados brasileiros, pois somente neste ano pagou 13 folhas salariais, incluindo o 13º salário dos servidores estaduais, conforme a legislação.

Veja a nota na íntegra:

“O Governo de Goiás esclarece que quitou na sua integralidade a folha de novembro dos servidores estaduais e informa que os repasses referentes aos empréstimos consignados estão absolutamente em dia, bem como os pagamentos para o Ipasgo, de modo que o instituto continuará usando recurso próprio para quitar a folha de pagamento de seus servidores, devendo inclusive quitar até segunda-feira a de dezembro com esse caixa.

Conforme a Lei 20.1230, de junho de 2018, as consignações devem ser recolhidas em favor das respectivas instituições financeiras até 30 dias úteis após o vencimento da folha de pagamento mensal. Portanto, não há de se falar em atrasos.

Já em relação ao pagamento da folha dos trabalhadores estaduais, a Sefaz lembra que, desde 2015, todos os salários são pagos até o décimo dia do mês subsequente ao trabalhado, conforme estabelecido pela Constituição Estadual.

Sobre o empenho da folha de dezembro, considerando que o seu pagamento pode ser feito até o 10º dia do mês subsequente ao trabalhado, o Governo do Estado poderá fazer o empenho, liquidar e pagar a folha a qualquer momento, conforme disposto na legislação.

O atual Governo deixará significativo saldo em caixa no Tesouro Estadual no dia 31, após a arrecadação dos dias 28 a 30, cumprirá as suas vinculações constitucionais no encerramento do exercício fiscal. Somente neste ano pagou 13 folhas salariais, incluindo o 13º salário dos servidores estaduais, que estão rigorosamente em dia de acordo com a legislação, num cenário diferente de muitos outros Estados brasileiros.”

Suposto calote do atual governo de Goiás no funcionalismo público

O governador eleito Ronaldo Caiado (DEM)  afirmou na última quarta-feira (26/12), em entrevista coletiva, que vai tentar solucionar o suposto calote dado pelo governador Zé Eliton (PSDB) na folha de pagamento do funcionalismo público do mês de dezembro. Segundo Caiado, não há previsão para o pagamento dos servidores estaduais no mês 12, uma vez que a folha nem foi empenhada, e que ele, Caiado, “tomará todas as medidas cabíveis para buscar resolver a questão”.

De acordo com o governador eleito, a gestão do governador Zé Eliton (PSDB) não promoveu o empenho (fase em que a administração pública se compromete a reservar o valor para cobrir determinadas despesas) e, dessa forma, ainda não é possível fazer uma previsão da data em que o próximo governo depositará os salários do funcionalismo no próximo mês. O prazo legal seria o dia 10 de janeiro (referente ao mês de dezembro).

Imagens: Alan Ribeiro 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

João de Deus tem prisão por posse ilegal de arma de fogo suspensa

Mesmo com a decisão, médium continua preso suspeito de violação sexual.
27/12/2018, 20h15

O médium João de Deus teve a prisão por posse ilegal de arma de fogo suspensa, em caráter liminar, pelo Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO). Sob condição de pagamento de fiança de R$ 1 milhão, uso de monitoramento eletrônico e “se por outro motivo não estiver preso”, ele pode responder o processo em prisão domiciliar. A decisão foi do juiz plantonista Wilson Safatle Faiad.

Mesmo com a decisão, João de Deus continua preso preventivamente no Núcleo de Custódia, em Aparecida de Goiânia, suspeito de violação sexual. Ele é investigado por centenas de crimes sexuais, ocorridos, segundo as denunciantes, na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia.

Habeas corpus de João de Deus será julgado pelo STF

A defesa de João de Deus entrou com pedido de habeas corpus junto ao Supremo Tribunal Federal (STF). O recurso está nas mãos do ministro Dias Toffoli desde o dia 20 de dezembro e ainda não foi julgado. Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, advogado do ex-governador Marconi Perillo (PSDB), atuará nesse processo. A estratégia da defesa é reforçar que a prisão é desnecessária devido a idade e condições de saúde do religioso.

João Teixeira de Farias, de 76 anos, o conhecido João de Deus, preso desde o dia 16 de dezembro, após se entregar à polícia em Abadiânia. Ele é investigado por crimes sexuais, denunciados por centenas de mulheres do Brasil e algumas do exterior.

O médium já foi foi indiciado pela Polícia Civil de Goiás por violação sexual mediante fraude. De acordo com o inquérito, concluído e apresentado ao Poder Judiciário, o crime, registrado em outubro deste ano, foi cometido contra uma fiel na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia.

Ele prestou um segundo depoimento aos promotores da força-tarefa do Ministério Público de Goiás (MP-GO), na manhã de ontem (26/12), em Goiânia. João de Deus negou todas as acusações e disse que não abusou das mulheres que relatam os casos.

Imagens: AmazonasAtual 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.