Goiás

Homem é morto a tiros, em Goiânia

Vítima era conhecida como Tiririca e tinha uma ficha criminal extensa.
07/01/2019, 15h33

Um homem, de 35 anos, foi morto a tiros no início da tarde desta segunda-feira (7/1) no cruzamento entre as Avenidas Piratininga e Consolação, no setor Nossa Senhora de Fátima, em Goiânia. A vítima foi identificada pelo primeiro nome Ulisses, mais conhecido como Tiririca.

O caso foi confirmado ao Portal Dia Online pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), e o delegado Dannilo Proto esteve no local do crime. A primeira a chegar ao local foi a Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO), que isolou a área.

“A informação que nós temos é que ele foi alvejado por vários disparos de duas pistolas calibre 9 milímetros”, conta o delegado. Conforme as informações fornecidas pela polícia, a vítima tinha uma ficha criminal extensa. Segundo o delegado, ainda não foi definida uma linha de investigação sobre o assassinato do homem.

O delegado afirmou também que até o momento ninguém foi preso e que a autoria e motivação do crime são desconhecidos.

Homem é morto em troca de tiros com a polícia

Amarildo Rosa de Oliveira, de 54 anos, morreu na noite do último sábado (5/1) em uma troca de tiros com a Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO), no Jardim Pampulha, em Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital.

Amarildo era suspeito de uma tentativa de feminicídio, na madrugada de sábado, contra a ex-esposa. Segundo o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Aparecida de Goiânia, o suspeito pulou o muro da casa da ex e efetuou vários disparos, no entanto não acertou nenhum dos tiros na mulher.

A PM esteve no local e após ouvir os relatos iniciou as buscas pelo suspeito. Amarildo foi encontrado pela equipe policial e durante a abordagem atirou contra os policiais, que revidaram e alvejaram o suspeito. Amarildo chegou a ser socorrido e foi levado para o Cais do Jardim Nova Era para receber atendimento médico, no entanto ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.