Goiás

Polícia prende quadrilha que aterrorizava fazendeiros de Goiás

O caso, assim como os presos, será apresentado pela polícia na tarde de hoje.

Por Ton Paulo
08/01/2019, 11h54

A Polícia Civil de Goiás, através da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Rurais (DERCR), prendeu na manhã desta terça-feira (8/1) os membros de uma quadrilha que aterrorizavam fazendeiros de Goiás, roubando de cabeças de gado até ferramentas nas propriedades rurais de vários municípios goianos. O caso, assim como os presos, será apresentado pela polícia na tarde de hoje.

A ação da polícia, batizada de Operação Despedida, foi deflagrada nesta manhã pela DERCR e até o momento foram cumpridos oito mandados de prisão, restando ainda cinco para serem cumpridos.

De acordo com informações fornecidas pelo delegado responsável pela operação, Glaydson Carvalho, a quadrilha atuava no Estado desde setembro do ano passado. Conforme o delegado, no dia 19/9 os membros da quadrilha praticaram um roubo em uma fazenda em Trindade, de onde subtraíram, além de ferramentas e outros materiais, uma carreta reboque para transporte de gado.

No dia 01/10, na fazenda Novantino, município de Guapó, subtraíram 90 cabeças de gado, utilizando o reboque do roubo anterior. No dia 15/11, praticaram outro roubo, dessa vez em uma oficina mecânica de onde subtraíram um caminhão e uma retroescavadeira que estava em sua carroceria.

Quadrilha que aterrorizava fazendeiros de Goiás também roubou carga de bebidas em Goiânia

O delegado ainda conta que os membros da quadrilha em questão também foram os responsáveis pelo roubo de uma carga de bebidas no dia 20/10, em Goiânia. No decorrer das investigações, constatou-se que, na madrugada de ontem (7/1), essa mesma quadrilha praticou um roubo na fazenda EMA, no município de Bela Vista de Goiás, de onde subtraíram um caminhão carregado com defensivos agrícolas, além de materiais utilizados no dia a dia do trabalho na fazenda.

Todos os objetos referentes a essas ocorrências foram apreendidos e restituídos às vítimas. Até o momento, oito pessoas foram presas. Suas identidades ainda não foram divulgadas, e elas serão apresentadas nesta tarde.

Equipes da DERCR estão ainda em diligência para cumprimento cinco mandados que faltam. Mais informações a qualquer momento.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Mulher tenta fugir de assalto e leva golpe de facão, em Aparecida de Goiânia

Assalto teria acontecido por volta de 6h da manhã em ponto de ônibus, em Aparecida de Goiânia.
08/01/2019, 12h16

O Corpo de Bombeiros atendeu na manhã de hoje (8/1) uma mulher que ficou ferida depois de ser atingida por um golpe de facão na cabeça, em Aparecida de Goiânia.  De acordo com a Corporacão, ela foi socorrida e encaminhada para Unidade de Pronto-Atendimento Brasicon.

A vítima que não teve nome  e nem idade divulgados, já recebeu alta. Ela sofreu um corte na cabeça e fez sutura no ferimento. Conforme a equipe médica, o caso não tem gravidade,  e ela não corre riscos.

O caso ocorreu por volta das 6h, em um ponto de ônibus às margens da BR-153, no Setor Retiro do Bosque, no município. A mulher que é colaboradora de um centro de distribuição foi abordada por um casal em uma moto que teria anunciado um assalto. Assustada, a vítima  tentou correr e o assaltante que estava na garupa da motocicleta, desferiu um golpe de facão na cabeça da mulher.

Os suspeitos fugiram do local, logo em seguida.   Até o momento, nenhuma ocorrência foi registrada na Policia Civil e Militar.

Perito criminal à paisana impede assalto em Aparecida de Goiânia

Um perito da Polícia Técnico-Científica em seu momento de folga e descaracterizado impediu que um casal concretizasse um assalto a uma vítima no Setor dos Afonsos, em Aparecida de Goiânia, no início da noite de quinta-feira (3/12). O perito criminal à paisana percebeu a movimentação suspeita em uma rua do setor, e viu que se tratava de um assalto. Imediatamente, ele deu voz de prisão aos suspeitos. Um deles tinha um mandado de prisão em aberto e estava foragido da polícia.

O caso aconteceu numa rua do bairro Setor dos Afonsos, por volta das 19h30, no município. O perito criminal Olegário Augusto, da Polícia Técnico-Científica (SPTC) da Secretaria da Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP-GO), que também é estudante de Física da Universidade Federal de Goiás (UFG) e ex-professor da rede estadual de Ensino, durante seu momento de folga, acabou se deparando com um assalto em andamento, praticado por um casal.

Os suspeitos eram Wesley Alvez Ferreira, de 19 anos, e uma menor de idade, de 16 anos. De acordo com a assessoria da Polícia Militar (PM), contra Wesley já havia um mandado de prisão em aberto, e o mesmo estava foragido da polícia.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Saneago alerta que diversos bairros podem ficar sem água, em Aparecida de Goiânia

Alerta da Saneago é para a população dos bairros que integram o reservatório Tiradentes, em Aparecida de Goiânia.
08/01/2019, 13h41

A Companhia de Saneamento de Goiás (Saneago) informou que pode faltar água em diversos bairros de Aparecida de Goiânia, hoje (8/1).  O abastecimento pode ser afetado, devido uma limpeza  no reservatório Tiradentes. Para a execução do serviço, o registro é fechado e o fornecimento de água é suspenso por algumas horas.

O fornecimento de água pode ser afetado nos seguintes bairros: Setor Ibirapuera; Jardins Tiradentes I e II; Jardim das Cascatas; Jardim Boa Esperança; Residencial Anhembi; Campos Elísios e Colonial Azul, que integram o reservatório Tiradentes. A normalização deve ocorrer ao longo da noite de hoje.

A Saneago explica que, a limpeza e desinfecção são feitas periodicamente e contribuem  para manter a qualidade da agua tratada distribuída à população. A empresa solicita  a compreensão da população e orienta para o consumo moderado de suas reservas nas caixas d´água.

Manutenção da Enel também afeta abastecimento em Santa Helena de Goiás

O fornecimento de água também é afetado em Santa Helena de Goiás, devido a uma interrupção no fornecimento de energia elétrica por parte da Enel Distribuição Goiás. Conforme a Saneago, o  abastecimento será restabelecido, gradualmente, após a conclusão da manutenção. A empresa também pede compreensão da população do município e alerta para o consumo moderado de água.

Em Hidrolândia, o abastecimento também foi comprometido no Setor de Oloana, ontem (7/1), devido à substituição de bomba. Segundo a empresa, técnicos trabalharam na recuperação do sistema e o fornecimento foi normalizado até o final da noite.

Outro alerta da Saneago sobre falta d´água em Aparecida foi realizado antes do feriado de Finados

Alguns bairros de Goiânia, Trindade, Aparecida de Goiânia e Goianira podem ficar sem água nesta sexta-feira (2/11), feriado de Finados. Segundo a Saneago, a falta de abastecimento ocorre devido a uma manutenção emergencial na Estação Elevatória de Água Tratada do Sistema Meia Ponte. A previsão é que o serviço seja normalizado até a madrugada de sábado, 3 de novembro.

Técnicos da companhia já estão trabalhando no reparo na Estação. A Saneago pede a compreensão da população e alerta para o consumo moderado das reservas domiciliares de água tratada.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

PM e bombeiros de Goiás ameaçam paralisar caso não recebam até dia 10 de janeiro

Presidente de associação de PM e bombeiros de Goiás diz que "policiais e bombeiros não vão pagar o preço de situação financeira herdada".

Por Ton Paulo
08/01/2019, 14h15

A PM e bombeiros de Goiás não estão nada satisfeitos com a possibilidade de não receberam do Estado. A Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiro Militar do Estado de Goiás (ACS) publicou um comunicado, na noite da última segunda-feira (7/1), em que avisa que os militares podem se mobilizar e fazer uma paralisação caso não recebam o salário referente ao mês de dezembro até o dia 10/1. Presidente da Associação diz, no comunicado, que “policiais e bombeiros não vão pagar o preço de situação financeira herdada por quem assumiu o cargo [Governo de Goiás]”.

No texto divulgado pela ACS, o Sargento Gilberto Cândido de Lima, que preside a entidade de policiais e bombeiros militares de Goiás, salienta que a associação é “frontalmente contra a intenção do governador Ronaldo Caiado que propôs parcelar, em até oito vezes, o salário do mês de dezembro das duas corporações”.  O sargento ainda lembrou que “uma das principais promessas de campanha do recém-empossado Governador era a manutenção do pagamento da folha em dia”, e o mesmo já sinaliza que isso pode não ocorrer.

“Ele mal assumiu e já quer descumprir uma de suas principais propostas de campanha”, protesta o sargento, no texto publicado no site oficial da ACS.

Ainda de acordo com o comunicado, Gilberto Cândido, que representa mais de seis mil associados, entre ativos e inativos, diz que vai aguardar até o dia dez deste mês pela quitação integral dos salários, caso contrário vai mobilizar a tropa para forçar o Governo a cumprir com sua obrigação. “Há mais de vinte anos nossos salários são pagos em dia, dentro do mês trabalhado. Nossos policiais e bombeiros não vão pagar o preço de situação financeira herdada por quem assumiu o cargo. Trabalhamos honestamente e precisamos receber”.

O presidente da ACS ainda critica o fato de outras categorias do serviço público estadual ter recebido ou terem garantia de que vão receber até dia dez e os policiais e bombeiros ficarem de fora. “Outros servidores vão receber o salário de uma vez, como os da Assembleia Legislativa e do Poder Judiciário, e os policiais e bombeiros vão ficar de fora. Não aceitamos isso. Se até o dia dez não nos pagar vamos convocar uma assembleia geral e vamos paralisar nossas atividades”, afirma.

O sargento e presidente da ACS finaliza alertando que “a Associação dos Cabos e Soldados não vai aceitar que seus associados e os demais policiais e bombeiros fiquem sem receber”. “Se houver necessidade de fazer uma paralisação, vou convocar uma assembleia geral e vamos estar todos juntos. Tenho certeza que terei apoio de todas as Praças. A responsabilidade pelo atraso no pagamento não é nossa, mas vamos cobrar com todas as forças o cumprimento dessa obrigação”, finalizou.

Sobre ameaça de paralisação da PM e bombeiros de Goiás, Sefaz diz que ainda não tem posicionamento do Governo

A reportagem do Dia Online entrou em contato com a Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás (Sefaz), que disse, por meio de sua assessoria, que ainda não tem um posicionamento sobre o pagamento dos salários.

A assessoria disse, ainda, que a secretaria, Cristiane Schmidt , estava em Brasília em reunião com pessoal do Tesouro Nacional, e prometeu, em breve, uma nota com respostas às demandas.

Entretanto, em entrevista depois da cerimônia de posse, ocorrida no dia 1/1, o vice-governador de Goiás, Lincoln Tejota (Pros) falou sobre a situação das contas do Estado e do impasse do pagamento dos servidores estaduais relativo ao mês de dezembro. De acordo com Tejota, o governo anterior deixou “um rombo” nas contas públicas, e que o atual governo, de Ronaldo Caiado, pagará o funcionalismo público “no momento oportuno, quando tiver caixa”.

Sindicatos se reuniram com governador Ronaldo Caiado para falar sobre a situação

Representantes de vários sindicatos de servidores públicos estaduais se reuniram na tarde da última quinta-feira (3/12) com o governador do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), e a secretária de Economia, Cristiane Alkmin Junqueira Schmidt e deputados estaduais para discutir a questão do pagamento dos salários referentes ao mês de dezembro de 2018. Na reunião, que ocorreu no Palácio Pedro Ludovico, foi proposto aos líderes dos sindicatos um parcelamento para para pagamentos dos atrasados, proposta essa rejeitada por eles.

Uma nova reunião foi marcada para o dia 17 deste mês. Segundo Caiado, Zé Eliton, ex-governador do Estado, deixou dívida de 3,4 bilhões de reais e 11 milhões em caixa, o que estaria dificultando o pagamento da folha dos servidores.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Artesanato em Goiânia: 9 lugares que você precisa conhecer

Está em busca de acessórios para artesanato em Goiânia ou de produtos prontos para decorar sua casa? A capital oferece variedade e é possível encontrar artigos para todos os gostos.
08/01/2019, 14h26

O artesanato é uma antiga técnica de produção manual, utilizada com o objetivo de criar objetos a partir de matéria-prima natural. Já foi bastante utilizado por todas as partes do mundo, mas acabou sendo esquecido a partir da Revolução Industrial, já que surgiram métodos mais eficazes de fabricação. No entanto, já faz algum tempo que a técnica voltou com tudo, sendo ainda mais valorizada por todo o cuidado e delicadeza que o processo envolve. Portanto, se você é um dos vários adeptos e está procurando por artesanato em Goiânia, seja para alimentar um hobbie, fazer uma renda extra, ou simplesmente porque pretende decorar sua casa, podemos te ajudar.

Nós aqui do Portal Dia Online preparamos uma listinha com lojas e ateliês na cidade, onde é possível encontrar desde produtos já prontos, até matéria-prima para que você possa produzir suas peças, ou cursos para aqueles que se interessam em aprender as técnicas do artesanato. Vale a pena conferir! Dá uma olhada!

Opções de artesanato em Goiânia:

1 – Feira do Cerrado

artesanato em Goiânia
Foto: Reprodução

Para quem pretende comprar artesanato em Goiânia, uma das melhores opções fica por conta da Feira do Cerrado, que atua justamente nesse segmento. O lugar é excelente e fica próximo ao Estádio Serra Dourada.

As peças de artesanato são feitas sempre com muito cuidado por artesãos locais. Existem coisas que não encontramos em nenhum outro lugar! Vale muito a pena conhecer, principalmente devido ao custo benefício, já que é possível encontrar artigos bonitos e baratos, de qualidade inquestionável.

A feira também conta com um espaço destinado a alimentação, onde é possível encontrar bancas que servem deliciosos cafés da manhã e outros lanches.

Horário de funcionamento: quinta, atendimento 24 h / domingo, das 9h às 13h

Endereço: Parque da Criança – R. 72, s/n – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-360

2 – Andrea Artesanato

artesanato em Goiânia
Foto: Reprodução

Para quem está em busca de artesanato em Goiânia, esta também é uma excelente opção! O ambiente conta sempre com bom atendimento e variedade de produtos, desenvolvidos com os mais diversos materiais.

Um diferencial da loja é que também trabalham oferecendo cursos para quem pretende aprender um pouquinho mais sobre artesanato. É possível participar de aulas presenciais, que costumam ser ministradas no mesmo ponto comercial, mas o site também oferece videoaulas gratuitas sobre diversos temas. Vale muito a pena conhecer e se inspirar! Para conferir, basta clicar aqui!

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 8h às 13h

Telefone: (62) 3294-2737

Endereço: Av. Honestino Guimarães, 633 – St. Campinas, Goiânia – GO, 74510-020

3 – Vitória Artesanatos

Artesanato em Goiânia: 9 lugares que você precisa conhecer
Foto: Reprodução

A lojinha conta com excelente variedade de produtos para decoração, todos produzidos artesanalmente. Para quem pretende decorar o quarto do bebê, por exemplo, é uma boa escolha já que oferece diversos artigos voltados para o público infantil. Também é recomendado para quem busca por materiais para produzir suas próprias peças.

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 8h às 13h

Telefone: (62) 3291-7244

Endereço: Av. Honestino Guimarães, 528 – St. Campinas, Goiânia – GO, 74510-020

4 – Fio e Arte

artesanato em Goiânia
Imagem ilustrativa. Foto: Reprodução/ Fio e Arte

Fio e Arte é uma lojinha de materiais para artesanato em Goiânia. Por ali é possível encontrar de tudo um pouco, no entanto, sua especialidade fica por conta de aviamentos. É possível encontrar opções diversificadas, principalmente para quem trabalha ou adora fazer bordados.

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 8h às 13h

Telefone: (62) 3229-2226

Endereço: Rua 4, 945 – St. Central, Goiânia – GO, 74020-060

5 – Tupinambas Artesanato

artesanato em Goiânia
Foto: Reprodução

A loja é uma das melhores do segmento na cidade, oferecendo sempre para seus clientes um excelente atendimento e produtos de qualidade, produzidos em materiais variados que agradam a todos os gostos e expectativas. Vale mencionar também o custo benefício do ambiente, que é um de seus pontos mais atrativos.

Para quem prefere a comodidade de poder comprar sem sair de casa, a loja também conta com um site onde é possível comprar alguns de seus principais produtos. Ainda é possível aproveitar um curso online de decoração. Vale a pena conhecer! Para conferir o site, clique aqui.

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 8h às 21h / sábado e domingo, das 8h às 17h

Telefone: (62) 3242-1057

Endereço: Av. Dep. Jamel Cecílio, 1738 – St. Pedro Ludovico, Goiânia – GO, 74085-580

6 – Menina dos Brincos – Acessórios e Artesanatos

artesanato em Goiânia
Foto: Reprodução

No lugar é possível encontrar de tudo um pouco. As peças de artesanato são produzidas sempre com a mais alta qualidade, requinte e bom gosto, servindo como lindos presentes ou lembrancinhas para aniversários, casamentos, chá de panelas e eventos em geral.

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 8h às 12h

Telefone: (62) 98304-8711

Endereço: Rua 17 Quadra 43 Lote 12 – Jardim Santo Antônio, Goiânia – GO, 74853-300

7 – AM Artesanato Marabá

artesanato em Goiânia
Foto: Reprodução

Para quem busca por peças de decoração e mobiliário em Goiânia produzidos artesanalmente, esta também é um excelente opção. Todos os produtos são de alta qualidade, planejados para satisfazer seus clientes. As peças são lindas e ajudam a dar um ar sofisticado para os ambientes de sua casa. Vale a pena conhecer!

Horário de funcionamento: segunda a sábado, das 8h às 18h

Telefone: (62) 3241-6481

Endereço: Quadra F43A, Lote 206, Rua 115, 1620 – St. Sul, Goiânia – GO, 74085-328

8 – Ateliê Jujulinha

artesanato em Goiânia
Foto: Reprodução

O artesanato em Goiânia também pode ser bem aproveitado no Ateliê Jujulinha. Isso porque além de lindas peças, o ambiente ainda oferece cursos para todos os que se interessarem em aprender um pouquinho mais sobre a arte de produzir artigos artesanalmente. É ideal para quem gosta de Patchwork e Quilt.

Ainda é possível encontrar uma lojinha virtual e um blog recheado de informações sobre esse universo. Para saber mais e conferir os detalhes, basta clicar aqui.

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 8h às 13h

Telefone: (62) 98174-2210

Endereço: Rua 4, 731 – 4 – St. Central, Goiânia – GO, 74025-020

9 – Kacique Aviamento e Artesanato

artesanato em Goiânia
Foto: Reprodução

Este é um bom lugar para a compra de acessórios para artesanato em Goiânia. Além de encontrar variedade de materiais relacionados, ainda conta com boas opções em linhas, fitas, colas e outros tipos de aviamentos.

Além disso ainda é possível encontrar produtos prontos, de alta qualidade e que se destacam pelo encanto e cuidado com que foram produzidos. O custo benefício é excelente quando comparado a outros lugares da capital.

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 8h às 18h / sábado, das 8h às 12h

Telefone: (62) 3233-5820

Endereço: Av. São Paulo, 496 – St. Campinas, Goiânia – GO, 74510-030

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.