Goiás

Vídeo mostra momento que clientes de uma clínica são assaltados, em Bela Vista de Goiás

Até o momento nenhum suspeito foi preso, polícia vai usar as imagens de segurança para identificar os assaltantes.
10/01/2019, 16h00

Dois homens fizeram o limpa durante um assalto a uma clínica de exames médicos, no setor Central, da cidade de Bela Vista de Goiás, a 45 quilômetros de Goiânia, na tarde da última quarta-feira (9/1). O arrastão dentro da unidade foi registrado pelas imagens de segurança da empresa.

O vídeo, gravado pela câmera de segurança da clínica, mostra o momento em que os dois suspeitos entram na unidade e anunciam o assalto. As imagens mostram que um dos assaltantes está de camisa branca e uma calça bege e com um revólver em mão, enquanto o segundo com camisa cinza e calça jeans tira o capacete e começa a pegar bolsa de cliente por cliente.

Enquanto o segundo suspeito aborda cada um dos clientes na clínica, o primeiro que está armado, aborda a atendente. Um homem e uma outra funcionária são abordados, a segunda atendente fica de fora e só depois percebe que a empresa esta sendo assaltada e o cliente volta para dentro da sala que havia acabado de deixar. Após o assalto, os dois suspeitos deixam a clínica levando os produtos do roubo.

Veja o vídeo do arrastão:

Até o momento, nenhum dos suspeitos do roubo à clinica foi preso

Após a fuga dos suspeitos, as atendentes da clínica chamaram a Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) que compareceu a unidade para pegar as informações sobre o roubo. Segundo a polícia, os dois indivíduos adentraram unidade por volta das 14h e deram voz de assalto.

Conforme o Relatório de Atendimento Integrado (RAI) os suspeitos levaram da clínica o equivalente a R$ 1.250 reais, o celular e documentos de um cliente, além de R$ 400 reais de uma outra mulher que estava na clínica no momento do assalto.

De acordo com RAI da PM, depois do roubo os dois suspeitos fugiram em uma moto prata e até o momento ninguém foi preso. A polícia vai usar as imagens das câmeras de segurança para identificar os suspeitos e efetuar as prisões.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.