Goiás

Corpo é encontrado em córrego, em Aparecida de Goiânia

Vítima apresentava cortes no pescoço, rosto e cabeça.
11/01/2019, 19h10

O corpo de um homem, de 45 anos, foi encontrado nesta sexta-feira (11/1) às margens de um córrego, na Avenida W-1, por moradores do Jardim Bela Vista, em Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital.

As informações sobre o cadáver encontrado foram confirmadas pelo plantão do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Aparecida de Goiânia. Conforme o GIH, o Comando de Operações da Polícia Militar (Copom) recebeu uma denúncia anônima, e repassou para o GIH.

Em posse das informações, os agentes de Aparecida de Goiânia, estiveram no local e constataram a veracidade dos fatos. A polícia afirmou que o rapaz foi encontrado num barranco, em um matagal quase caindo no córrego e que foi preciso chamar o Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) para remover o corpo.

Corpo encontrada no córrego apresentava cortes no pescoço, rosto e cabeça

De acordo com a polícia, o rapaz apresentava cortes em várias partes do corpo como pescoço, rosto e cabeça. A vítima encontrada tinha uma estatura mediana, era magro, tinha os cabelos curtos e pretos, além de ter uma tatuagem no braço esquerdo com o nome Victorya e outras duas no braço direito com os nomes Victor e Enzo.

Segundo a perícia o corpo não estava em decomposição e o rapaz teria sido morto durante a madrugada desta sexta-feira, e jogado no córrego. Conforme as informações do GIH, a vítima não estava com os documentos pessoais e não foi identificada, no momento da ocorrência.

O corpo foi removido das margens do córrego pelo Instituto Médico Legal (IML) de Aparecida de Goiânia no início da tarde. O Portal Dia Online entrou em contato com o IML para verificar se o corpo estava na unidade e se alguém da família compareceu para reconhecer o corpo. O IML afirmou que o homem foi identificado como Luiz Lins Gonzaga Xavier, de 45 anos.

Conforme a polícia o local onde o corpo foi abandonado é afastado e a falta de câmeras de segurança e de uma testemunha complicam as investigações. Até o momento a motivação e autoria do crime são desconhecidas.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.