Saúde

Com dívida de meio bilhão na Saúde em Goiás, secretário libera R$ 37 milhões

O valor representa 5% da dívida total do Estado com a Saúde, que já chega a R$ 700 milhões de reais.

Por Ton Paulo
16/01/2019, 14h37

O secretário de Estado da Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, anunciou nesta quarta-feira (16/1) o primeiro repasse do ano à Saúde do Estado. A verba, no valor de R$ 37 milhões de reais, foi destinada às Organizações Sociais (OSs) que administram 19 unidades hospitalares em Goiás. Os recursos, liberados na tarde da última terça-feira (15/1) para a Saúde em Goiás, foram divididos proporcionalmente às especificidades de cada contrato, e representa 5% da dívida total do Estado com a Saúde, que já chega a R$ 700 milhões de reais.

O secretário anunciou ainda, à imprensa, que mais R$ 12,5 milhões de reais serão liberados até o fim da semana. “Com esse primeiro repasse, demonstramos o trato que teremos em nossa gestão com as OSs, que será de total transparência e exigência de excelência no atendimento”, explicou. Os outros R$ 12,5 milhões serão pagos a fornecedores de medicamentos.

De acordo com Ismael Alexandrino, a pasta da Saúde herdou uma dívida de cerca de R$ 700 milhões de reais. Ele disse ainda que os hospitais serão prioridade. “Nossas prioridades serão organizar muito bem os hospitais existentes, para atendimento qualificado e de fácil acesso”, adiantou.

A regulação de vagas do Sistema Único de Saúde (SUS) e a regionalização também são outros pontos que, segundo o secretário, serão prioridade em sua gestão. “Com a regulação de vagas, vamos atender aos princípios da equidade e universalidade”, explicou.

Enorme dívida na Saúde em Goiás é apenas um dos problemas das contas públicas do Estado

Caiado agora terá que pensar em uma outra forma de reequilibrar as contas públicas do Estado, isso porque seu principal plano de recuperação econômica, que era a entrada de Goiás no Regime de Recuperação Fiscal (RRF), dependia da aprovação de uma comissão técnica do Tesouro Nacional que veio para Goiás justamente para avaliar as contas públicas do Estado e dar o aval, e que concluiu que o Estado não é elegível para o regime. A comissão do Governo Federal está em Goiânia desde a última segunda-feira (14/1).

A conclusão foi anunciada em um relatório publicado pelos técnicos do Tesouro Nacional intitulado ‘Guia para o Governador’. De acordo com o relatório, para ser elegível ao RRF, o Estado deve ter Dívida Consolidada maior do que a Receita Corrente Líquida (RCL), gastos correntes obrigatórios (pessoal e serviço de dívida) acima de 70% da RCL e obrigações contratadas superiores às disponibilidades de caixa de recursos não vinculados, requisitos nos quais Goiás não se enquadra, tornando-o, assim, inelegível ao regime.

10

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Economia

Sefaz diz que dados publicados pelo Tesouro Nacional sobre Goiás estão incompletos

"Sem o diagnóstico completo, com os números do balanço, não há como eles darem seu parecer”, afirma secretária.
16/01/2019, 15h06

Após a publicação do material do Guia do Governador pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN), onde os técnicos afirmam que “Goiás não está elegível para entre no Regime de Recuperação Fiscal (RRF)”, a Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás (Sefaz) emitiu nota onde afirma que a missão do STN que se encontra em Goiás, desde a última segunda-feira (14/1) ainda não emitiu parecer sobre o Goiás ser inserido do Regime de Recuperação Fiscal (RRF).

Na nota divulgada pela Sefaz, na manhã desta quarta-feira (16/1), a secretaria afirmou que os membros do Tesourou Nacional ainda estão levantando os dados do Estado, para depois emitir um parecer sobre a situação financeira de Goiás e indicar se o Estado pode aderir ao RRF.

O Dia Online publicou, anteriormente, o teor do relatório divulgado ontem (15/1) pelo Tesouro Nacional, onde era afirmada a inelegibilidade de Goiás para o RRF.

Dados divulgados pelo Tesouro Nacional são de 2017

A Sefaz afirmou também que os dados apresentados no site da STN, no Guia para os Governadores, são de 2017 e que o mesmo é um informativo para orientar os novos governadores como proceder durante o mandato.

A secretária Cristiane Schmidt afirmou também que o guia foi entregue ao governador Ronaldo Caiado (DEM) na reunião da última segunda-feira (14/1), e que o mesmo não diz respeito sobre os critérios  para aderir ao Regime de Recuperação Fiscal.

Cristiane Schmidt completa ao afirmar que “Sem o diagnóstico completo, com os números do balanço, não há como eles darem seu parecer”.

Confira a nota

“A Secretaria da Fazenda esclarece que o trabalho da missão do Ministério da Economia, que está em Goiânia desde segunda-feira (14/1), não terminou, prossegue conforme previsto e a equipe técnica da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) ainda não emitiu parecer até porque ainda se encontra na Sefaz.

O próprio órgão federal afirmou em seu site que “os dados referentes ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF) apresentados nos Guias são de 2017” e que “os Guias para os Governadores não devem ser considerados como pareceres do Tesouro Nacional. Trata-se de documento informativo direcionado aos novos administradores dos Estados”.

O que a reportagem de O Popular mostrou são dados que estão no “Guia para o Governador” entregue ao Governador Ronaldo Caiado, com base em dados obtidos antes das reuniões. O Guia foi entregue no evento de abertura na última segunda-feira (14/01). Ele não tem relação com a relatório que a missão ainda vai preparar e entregar”, afirma a secretária Cristiane Alkmin Junqueira Schmidt. Ela diz ainda que, embora o Guia tenha sido preparado em janeiro pelo Ministério da Economia para ser entregue a todos os governadores, este não diz respeito aos critérios para entrada no PRF com os dados fechados, o que está sendo feito neste momento. No último mês do ano foram realizadas várias despesas, pagamentos e efetuados empenhos. Assim, os dados estão incompletos. São considerados, portanto, preliminares e serão alterados em breve.

A secretária diz que nem o Ministério da Economia nem a missão técnica emitiram parecer sobre a adesão de Goiás ao Regime de Recuperação Fiscal (RFF) como consta da reportagem. “Sem o diagnóstico completo, com os números do balanço, não há como eles darem seu parecer”, acrescenta.

Comunicação – Sefaz”

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Dia Gourmet

12 melhores lugares para tomar chopp em Goiânia

É possível encontrar bares e restaurantes que oferecem excelentes opções de cervejas e chopp em Goiânia.
16/01/2019, 15h07

Quem é que não gosta de um bom happy hour com os amigos? Nada melhor que sair do expediente e encontrar a galera para bater um papo e apreciar boas cervejas ou um bom chopp em Goiânia, não é mesmo? Sair da rotina de vez em quando faz bem! Pode parecer algo óbvio para os apreciadores de longo prazo, mas já que falaremos sobre o chopp, é importante diferenciá-lo da cerveja.

Por ser armazenado sob pressão e servido direto do barril, o chopp ainda conta com as leveduras e outras substâncias criadas ainda no processo da fermentação, o que lhe garante uma notória diferença no sabor. Enquanto isso, o processo de pasteurização pelo qual a cerveja normalmente passa, acaba matando as leveduras e outros componentes que se desprendem da bebida com o aquecimento.

Em todo caso, é sempre possível encontrar lugares que comercializam rótulos produzidos artesanalmente. Aquela velha história de que cervejas e chopps sempre possuem o mesmo sabor já ficou para trás. Portanto, se você realmente gosta dessas bebidas, preparamos uma listinha com os melhores lugares da cidade para você conhecer e experimentar! Confere aí!

Lugares para tomar cervejas e chopp em Goiânia:

1 – Glória Bar

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Se você é do tipo que prefere um ambiente mais simples e descontraído para tomar um bom chopp em Goiânia, então certamente ficará bastante satisfeito com o Glória Bar. Botequim musical, é bastante conhecido na cidade por ser ambientado como os mais tradicionais bares cariocas.

E na cozinha, a gastronomia do Rio também está presente, em uma boa mistura com o que há de melhor da comida goiana. Sempre recebendo atrações com muita música ao vivo, é perfeito para saborear seu petisco preferido acompanhado de uma cervejinha gelada. Confira o cardápio do local clicando aqui.

Horário de funcionamento: terça a sexta, das 17h30 à 1h / sábado e domingo, das 11h30 à 1h

Telefone: (62) 3224-9033

Endereço: R. 101, 435 – St. Sul, Goiânia – GO, 74080-150

2 – Identidade Bar

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Com um climinha bem descontraído e alto astral, o Identidade Bar é um dos melhores destinos para quem pretende tomar um chopp em Goiânia de qualidade e por preços justos. Barzinho alternativo, é ponto de encontro para aqueles que adoram um bom rock, MPB ou jazz. O ambiente é bastante acolhedor e confortável, ideal para bater longos papos enquanto você e seus amigos saboreiam boas comidinhas e aproveitam seus drinques preferidos.

Para aqueles que realmente não dispensam o chopp, tem promoção nas terças e quartas, onde é possível comprar 3 por R$ 10. No restante da semana, o preço é de 2 por R$ 8. Vale ainda falar sobre o cardápio, que conta com opções para todos os gostos, incluindo pratos veganos e vegetarianos. Vale a pena conhecer!

Horário de funcionamento: terça a quinta, das 18h à 1h / sexta e sábado, das 18h à 1h30 / domingo, das 17h às 23h

Telefone: (62) 3988-2750

Endereço: R. R-14, qd. 54 lote 11 – Vila Itatiaia, Goiânia – GO, 74690-390

3 – Cantinho Frio

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Cantinho Frio já é um dos mais tradicionais restaurantes de Goiânia, sempre lembrado por servir carnes nobres, pratos à la carte, panelinhas e deliciosos caldos. Mas não para por aí.

Em um ambiente com climinha bem intimista e atendimento sempre cordial, durante a noite o lugar funciona como bar e é simplesmente um dos melhores lugares para quem adora tomar uma cervejinha gelada ou degustar um bom chopp com os amigos. Vale a pena!

Horário de funcionamento: todos os dias, das 11h à 1h

Telefone: (62) 3202-4831

Endereço: R. 228, 53 – Setor Leste Universitário, Goiânia – GO, 74610-140

4 – Paim Grill

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Em um ambiente com decoração mais rústica e climinha amigável, o Paim Grill é um dos restaurantes mais conhecidos de Goiânia pela galera que preza por comida boa e preços justos. O cardápio é bem variado e atende a todos os gostos, com comidas de qualidade e sabores únicos.

Também é um excelente lugar para levar os amigos e passar horas conversando e bebendo uma cerveja gelada. O chopp também é pedida certa na casa!

Horário de funcionamento: segunda a quinta, das 17h às 2h / sexta a domingo, das 11h às 2h

Telefone: (62) 3241-3166

Endereço: Alameda Ricardo Paranhos, 250 – St. Marista, Goiânia – GO, 74175-020

5 – Rio Bahia Restaurante Bar

12 melhores lugares para tomar chopp em Goiânia
Foto: Reprodução

Localizado no Setor Marista, o restaurante é um dos mais requisitados da região. Como o próprio nome já sugere, no cardápio é possível encontrar deliciosas misturas entre a gastronomia carioca e baiana, que rendem pratos e petiscos incríveis.

Em um ambiente mais sofisticado, é possível encontrar um lindo trabalho de iluminação e paisagismo interno, garantindo decoração encantadora.

E é claro que também é possível encontrar diversos tipos de bebidas, agradando aos mais variados gostos. É ideal para quem pretende tomar um bom chopp em Goiânia!

Horário de funcionamento: terça a quinta, das 11h30 às 15h e das 17h às 00h / sexta, das 11h30 às 15h e das 17h à 1h / sábado, das 11h0 à 1h / domingo, das 11h30 às 17h30

Telefone: (62) 3092-4342

Endereço: R. 15, nº 712 – St. Marista, Goiânia – GO, 74150-020

6 – Roça Brew Shop & Pub

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Ainda procurando os melhores lugares para tomar uma boa cerveja ou chopp em Goiânia? Que tal conhecer o Roça Brew? Com um ambiente aconchegante, descontraído e sempre com boa música, é possível encontrar os melhores chopps e cervejas artesanais no lugar. Como se não bastasse, a casa ainda funciona como loja de insumos para cervejeiros caseiros.

Dá para aproveitar o pátio do lugar para sentar e bater um bom papo, onde é possível ainda se deliciar com hambúrgueres e petiscos deliciosos. Vale a pena experimentar!

Horário de funcionamento: quarta a sábado, das 18h à 1h

Telefone: (62) 3642-3974

Endereço: Rua 1128, qd 238, lt 31 – St. Marista, Goiânia – GO, 74175-130

7 – Outback

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

E para quem prefere um ambiente mais requintado, seja para beber ou para se esbaldar com deliciosos pratos, o Outback também é uma das melhores escolhas. Considerado como o maior steakhouse do país, é conhecido pela excelência em seus produtos e serviços.

Portanto, é sempre possível pedir seu chopp e esperar que ele chegue geladinho na mesa. Enquanto isso, você e seus amigos podem pedir petiscos para acompanhar e jogar uma boa conversa fora.

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 12h às 15h e das 17h às 23h / sábado, das 12h às 23h / domingo, das 12h às 22h (os horários podem ser diferentes de acordo com cada unidade)

Telefones: 

  • (62) 3293-3070
  • (62) 3093-5544
  • (62) 3605-8324

Endereços: 

  • Goiânia Shopping – Av. T-10, 1300 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74223-060
  • Flamboyant Shopping – Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – 1 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-907
  • Passeio das Águas Shopping – Av. Perimetral Norte, 8303 – Jardim Diamantina, Goiânia – GO, 74573-260

8 – Hops Cervejas Artesanais

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Com um ambiente alternativo e acolhedor, o local conta com diversos rótulos de cervejas em seu cardápio, sempre com uma opção para cada gosto. Também é possível encontrar diversidade em petiscos e hambúrgueres enormes. Perfeito para levar um pequeno grupo de amigos!

Horário de funcionamento: terça a quinta, das 17h às 00h / sexta, das 17h às 2h / sábado, das 11h às 00h

Telefone: (62) 3215-8162

Endereço: Rua 3, 995 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74115-050

9 – Cerrado Cervejaria

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Para os apreciadores de boas cervejas e de um bom chopp em Goiânia, a Cerrado Cervejaria também é uma das melhores opções. É possível encontrar diversos rótulos na casa, sem contar que ainda é possível pedir drinques deliciosos e contar com um cardápio recheado de comidas de boteco para você escolher.

Boa parte das mesas se encontra no ambiente externo, mas ainda é possível escolher mesa no espaço interno. Frequentemente bandas de rock e samba se apresentam na casa. Vale a pena conhecer!

Horário de funcionamento: quarta e quinta, das 18h à 1h / sexta, das 17h às 2h / sábado, das 12h às 00h / domingo, das 17h às 00h

Telefone: (62) 3274-4615

Endereço: Av. T-3, 2456 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74310-310

10 – Café Nice

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

O Café Nice é um restaurante e bar, perfeito para quem adora a união entre boa música e cervejas ou chopp gelado. Com um ambiente descontraído e excelente atendimento, os clientes sempre podem contar com apresentações de bandas de estilos populares, sem contar que o cardápio ainda abre espaço para a gastronomia mexicana e árabe, com notas brasileiras.

Horário de funcionamento: segunda e terça, das 11h às 14h / quarta, das 11h às 14h e das 18h às 00h / quinta, das 11h às 14h e das 18h à 1h / sexta e sábado, das 11h às 14h e das 18h às 3h / domingo, das 18h à 1h

Telefone: (62) 3541-4690

Endereço: Avenida T-11, Quadra 112, Lote 03, 110 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74223-070

11 – Belga Pub

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia_cervejas
Foto: Reprodução

Esta é uma das casas especializadas em cervejas e chopp em Goiânia, tudo produzido artesanalmente. Em um ambiente com decoração temática, é capaz de “transportar” seus clientes para os mais tradicionais pubs belgas, já que conta com artigos e rótulos de inspirações diretas.

Além das bebidas, ainda é possível encontrar um cardápio cheio de petiscos deliciosos e variados, sempre agradando até o mais exigente dos paladares. Vale a pena conhecer!

Horário de funcionamento: terça a domingo, das 18h às 2h

Telefone: (62) 3941-2442

Endereço: Nº 3975 – Av. T-9 – Jardim Planalto, Goiânia – GO, 74333-010

12 – Parada 21 Bebidas

melhores lugares para tomar chopp em Goiânia
Foto: Reprodução

Com boa estrutura e ambiente acolhedor, é ideal para tomar cervejas e chopp em Goiânia, principalmente para quem busca variedade de rótulos. O cardápio também conta com excelentes petiscos, sem contar que tudo é de extrema qualidade e sai a um preço justíssimo. Vale a pena conhecer o lugar!

Horário de funcionamento: terça a domingo, das 18h às 2h

Telefone: (62) 3954-7803

Endereço: Av. C-182, 609 – Quadra 366 – Lote 13 – Jardim America, Goiânia – GO, 74275-020

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Mulher é presa após esfaquear o marido, em Caiapônia

Rapaz esfaqueado afirmou que não larga da esposa, pois gosta dela.
16/01/2019, 15h13

É comum noticiar que um homem matou ou tentou matar a esposa ou a ex, mas nesta quarta-feira (16/1) a situação foi inversa. Em Caiapônia, a 318 quilômetros de Goiânia, uma mulher foi presa após tentar matar o marido esfaqueado dentro da residência do casal. Segundo a polícia, essa não foi a primeira agressão da mulher contra o cônjuge.

O delegado titular de Caiapônia, Marlon Luz, contou ao Portal Dia Online que a tentativa de homicídio foi registrada nesta madrugada. Segundo o delegado, a vítima foi identificada como Luciano da Silva Antoniazzy, de 27 anos e a esposa dele que desferiu os golpes como Flaviane Bárbara Miranda, de 26.

“Os dois estavam reunidos com alguns familiares na residência e bebendo cerveja, os parentes foram embora e os dois ficaram só em casa, momento que a mulher pegou a faca do churrasco e cravou a faca nas costas dele”, conta o delegado.

Conforme Marlon Luz, após ser esfaqueado pela esposa, Luciano correu pela casa e se escondeu dentro do banheiro, mas Flaviane arrombou a porta e tentou esfaquear o marido, que se defendeu das agressões.

Marido esfaqueado foi vítima de outras agressões da mulher

Vizinhos do casal, ao ouvirem os barulhos, chamaram a Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) que compareceu à residência do casal para verificar o que estava acontecendo. Diante da cena de tentativa de homicídio, a Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) também esteve na casa em que o crime aconteceu e começou a levantar informações sobre o que motivou Flaviane a esfaquear o marido.

Marlon Luz afirmou que essa não foi a primeira vez que Luciano foi agredido pela esposa, e  que existem outros registros de agressão de Flaviane contra o marido na cidade de Piracanjuba. Conforme as informações do delegado, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu) prestou os primeiros atendimento ao rapaz e o levou para o hospital da cidade.

“Ela alegou que uma terceira pessoa esfaqueou o marido, que ele tinha saído um pouquinho e voltou para casa esfaqueado, mas as declarações dela não batiam muito com a cena”, explica o delegado.

Marlon Luz afirmou que após se recuperar um pouco, Luciano afirmou que foi Flaviane que o esfaqueou e que ao passar isto para a mulher, a mesma ficou calada e não tentou se defender. A mulher foi presa em flagrante por tentativa de homicídio e está na delegacia de Caiapônia.

A polícia busca entender o que motivou a mulher a tentar matar o marido esta madrugada. Como já foi vítima de outras agressões de Flaviane, o delegado chegou a questionar Luciano por que ele ainda continuava com ela, ao que o rapaz respondeu que “gosta dela e por isso não larga da esposa”.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Economia

Crise em Goiás fez Tesouro Nacional pagar R$ 33 milhões em dívidas atrasadas do Estado

Neste caso, as garantias honradas pelo Tesouro são descontadas dos repasses da União ao Estado de Goiás.

Por Ton Paulo
16/01/2019, 16h19

Conforme dados divulgados na última terça-feira (15/1), a crise em Goiás fez com que o Tesouro Nacional tivesse que quitar um total de R$ 33,6 milhões em dívidas atrasadas do Estado, no ano de 2018. Segundo os dados, em todo o ano passado, o Tesouro pagou R$ 4,82 bilhões em dívidas de estados e municípios. Do total, R$ 4,03 bilhões referem-se a débitos não quitados pelo estado do Rio de Janeiro, R$ 777,7 milhões dizem respeito a mais quatro estados (Goiás, Minas Gerais, Roraima e Piauí), e R$ 17,49 milhões deixaram de ser honrados pela prefeitura de Natal.

Apenas em dezembro, a União quitou R$ 613,95 milhões de pagamentos em atraso pelos entes subnacionais. As garantias honradas pelo Tesouro são descontadas dos repasses da União aos estados e aos municípios. Ao longo do ano passado, no entanto, decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) impediram a execução de algumas contragarantias do estado do Rio de Janeiro, que tem atrasado salários dos servidores e pagamentos a fornecedores.

Em relação aos demais estados inadimplentes, o Tesouro quitou garantias de R$ 33,6 milhões de Goiás, R$ 553,1 milhões de Minas Gerais, R$ 126,95 milhões do Piauí e R$ 64 milhões de Roraima, em 2018.

Como funcionam as garantias do Tesouro Nacional aos Estados e como a crise em Goiás impede o auxílio

A União é usada como uma espécie de avalista para empréstimos realizados pelos Estados. Como garantidora de operações de crédito, a União, representada pelo Tesouro Nacional, é comunicada pelos credores de que o Estado ou Município não realizou a quitação de determinada parcela do contrato.

Diante dessa notificação, o Tesouro Nacional informa o mutuário da dívida para que se manifeste quanto aos atrasos nos pagamentos. Caso o ente não cumpra suas obrigações no prazo estipulado, a União paga os valores inadimplidos.

Após essa quitação, exceto nos casos em que houver bloqueio na execução das contragarantias, a União inicia o processo de recuperação de crédito na forma prevista contratualmente, ou seja, pela execução das contragarantias indicadas pelos Estados e Municípios quando da assinatura dos contratos. Sobre as obrigações em atraso incidem juros, mora e outros custos operacionais referentes ao período entre o vencimento da dívida e a efetiva honra dos valores pela União.

Goiás e Piauí estão impedidos de contrair empréstimos com garantia do Tesouro até setembro; Minas Gerais, até agosto; e Roraima, até dezembro. Para a prefeitura de Natal, o impedimento vai até 28 de dezembro de 2019.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.