Entretenimento

Praças em Goiânia: as 6 melhores para conhecer

As praças em Goiânia representam uma boa opção para quem pretende organizar um passeio agradável e sossegado na cidade, ideal para levar as crianças!
21/01/2019, 17h51

Um passeio pelas praças em Goiânia pode ser perfeito para quem está buscando momentos de tranquilidade. Nada melhor que sentar em um banco de praça, aproveitando a sombra de uma boa árvore para colocar o papo em dia com um amigo ou seja lá quem for. Também é um programa bacana para levar as crianças, já que boa parte das praças da cidade contam com parquinhos infantis.

Pensando nisso, nós aqui do Portal Dia Online preparamos uma listinha com as melhores e maiores praças para você conhecer. Muitas são referência e possuem importante valor histórico para nossa população. Dá uma olhadinha!

Praças em Goiânia para conhecer:

1 – Praça Cívica

praças em Goiânia
Foto: Reprodução

A Praça Doutor Pedro Ludovico Teixeira, mais conhecida como Praça Cívica, é sempre uma das mais lembradas pela população. Considerada como o marco inicial da construção da cidade, foi a primeira entre as diversas praças em Goiânia, construída ainda no ano de 1933.

Por ali é possível encontrar diversas atrações e pontos históricos da cidade, a exemplo do Palácio das Esmeraldas, que é a residência oficial dos governadores de Goiás, sendo Pedro Ludovico Teixeira seu primeiro morador.

A praça também abriga o Museu Zoroastro Artiaga e ao centro, se encontra o tão famoso Monumento às Três Raças, que homenageia os responsáveis pela criação do estado.

Por todos os lados da praça ainda se encontra o estilo de art déco, responsável por dar vida aos projetos arquitetônicos das primeiras construções da cidade. Sem dúvida, a Praça Cívica é um destino certo para quem está conhecendo a cidade ou apenas pretende curtir um bom passeio. O ideal é ir durante o fim da tarde, quando as temperaturas estão mais amenas.

Endereço: Praça Cívica, s/n – St. Central, Goiânia – GO, 74030-010

2 – Praça do Sol

praças em Goiânia
Foto: Reprodução

A Praça do Sol é um ótimo espacinho para curtir com as crianças, no entanto, é mais conhecida por abrigar a Feira do Sol aos domingos, que oferece excelente variedade de produtos.

O lugar é bastante agradável e conta com fácil acesso,onde é possível encontrar uma área verde reestruturada, perfeita para relaxar. É por ali que se encontra o popular monumento “EU AMO GOIÂNIA”.

Endereço: Rua 9, s/n – St. Oeste, Goiânia – GO, 74110-100

3 – Praça Universitária

praças em Goiânia
Foto: Reprodução/ Mapio

Esta é uma das mais lembradas praças em Goiânia, planejada também em 1933, mas foi de fato construída apenas em 1969. O objetivo sempre foi reunir diferentes faculdades em um mesmo local.

O lugar possui enorme valor histórico para a cidade, uma vez que representa nossa forte identidade, já que chegou a ser tombada como Patrimônio Histórico e Cultural de Goiás. Por ali é possível encontrar diversas esculturas de grande representatividade, maiores símbolos da praça.

Apenas para que você tenha ideia, a Praça Universitária já foi palco de grandes manifestações políticas, eventos estudantis e shows artístico-culturais. Ainda hoje continua sendo um ponto de grande importância e referência para nossa cidade.

4 – Praça do Avião

praças em Goiânia
Foto: José Nery Galvão

A Praça do Avião, localizada no Setor Aeroporto, é bastante conhecida por abrigar uma réplica do 14 BIS, a primeira aeronave construída pelo aviador brasileiro Alberto Santos Dumont, mais conhecido apenas como Santos Dumont.

O monumento ali presente foi construído pelo artista Fernando Nolêtho, como uma bela homenagem ao aviador. No entanto, segundo o Seplan, o primeiro modelo a ser colocado na praça era referente ao F8 Gloster, que era bastante utilizado naquela época.

Oficialmente nomeada como Praça Santos Dumont, é composta por uma pequena área verde e espaço para recreação, contando com parquinho infantil, pista esportiva e de skate e espaço para ginástica. É uma das mais visitadas praças em Goiânia.

5 – Praça Tamandaré

praças em Goiânia
Foto: Reprodução

Entre as praças em Goiânia a Tamandaré é uma das de maior destaque, isso porque abriga outra feira que é bastante conhecida, a Feira da Lua. Considerada como a segunda maior feira livre da cidade, é possível encontrar de tudo no local, desde peças para vestuário até alimentação e artesanato.

A praça em si já foi considerada um local destinado para a alta sociedade, onde se encontravam músicos, artistas plásticos, poetas e escritores, que sempre buscavam dar vida a novas manifestações artísticas que incentivassem a população a ir em busca de conhecimento.

Atualmente o espaço se popularizou bastante e, apesar de se encontrar em um setor nobre, é frequentada por pessoas de diversos lugares e classes sociais.

Endereço: Av. Assis Chateaubriand, 640 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74130-011

6 – Praça do Jacaré

praças em Goiânia
Foto: Reprodução

O lugar é bom para passeios durante a manhã e início da noite. Por ali ainda se encontra uma pequena quadra de esportes para a diversão dos moradores da região. No entanto, vale considerar que sua estrutura não está bem conservada e passear por ali tarde da noite pode ser perigoso.

Endereço: R. Dr. João Alves de Castro – St. Crimeia Oeste, Goiânia – GO, 74563-270

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Mundo

Theresa May propõe rediscutir fronteira entre Irlanda do norte e Irlanda

Outros partidos insistem em realizar um segundo referendo para decidir se o Reino Unido abandona a UE.
21/01/2019, 18h16

A primeira-ministra Theresa May propôs nesta segunda-feira, 21, um novo plano para modificar o ponto mais controverso das negociações com Bruxelas sobre o Brexit: o “backstop”, mecanismo utilizado para evitar a instauração de uma fronteira entre a Irlanda (membro da União Europeia) e a Irlanda do Norte.

“Nesta semana, continuarei falando com meus colegas para considerar como poderíamos cumprir com as nossas obrigações para com os cidadãos da Irlanda do Norte e da Irlanda, de uma forma que possa obter o maior apoio possível na Câmara. E logo voltarei a levar a conclusão desses debates à União Europeia”, anunciou a premiê diante do Parlamento.

Se May conseguir criar consenso, ela pode obter o apoio dos conservadores rebeldes de seu próprio partido, o Conservador, e do Partido Unionista Democrático da Irlanda do Norte, que apoia seu governo. O líder do Partido Trabalhista, Jeremy Corbyn, de oposição, se negou a conversar até que o governo descartasse a possibilidade de um Brexit sem acordo. Outros partidos insistem em realizar um segundo referendo para decidir se o Reino Unido abandona a UE.

A União Europeia já havia rejeitado a ideia de modificar o “backstop”, mas a primeira-ministra espera usar o apoio do Parlamento para convencer Bruxelas da necessidade de renegociar esse ponto do acordo.

Mudanças

O governo britânico recuou da taxa que os cidadãos da União Europeia residentes no Reino Unido teriam de pagar para continuar vivendo na ilha, estimada em torno de 65 libras por adulto. Ela havia anunciado a proposta nesta manhã, junto com a possibilidade de alterar o “backstop”.

A renegociação de May ocorre após o Parlamento rejeitar com larga vantagem o seu acordo negociado com Bruxelas durante dois anos. No dia 29, os parlamentares votam a segunda versão do plano de separação, com contrapropostas em formas de emendas.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Organização criminosa especializada na explosão de caixas eletrônicos é desarticulada, em Goiás

Grupo planejava pelo menos mais três explosões à caixas eletrônicos no Estado.
21/01/2019, 19h44

Pelo menos 10 pessoas suspeitas de integrarem uma organização criminosa especializada na explosão de caixas eletrônicos foram presas durante uma operação do Grupo Antirroubo a Banco da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (GAB/DEIC), nesta segunda-feira (21/1), em Goiás.

A Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), afirmou que a organização estava agindo há algum tempo no interior do Estado e que algumas ações do grupo foram registradas nas cidades de Morrinhos e Goianésia. Conforme as informações repassadas pela polícia, grande parte da quadrilha havia sido identificada pelo GAB e que a última ação do grupo foi registrada em Nova Crixás, no início do ano.

Organização se preparava para mais três explosões à caixas eletrônicos

Com boa parte dos suspeitos de integrarem a organização criminosas identificados, o GAB trocou informações com a inteligência da Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO), por meio das unidades das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (ROTAM), e descobriu que o grupo planejava pelo menos mais três explosões à caixas eletrônicos no Estado.

Durante a operação policial 10 pessoas foram presas, sete homens e três mulheres, entre os detidos estão os responsáveis por agir diretamente nas explosões dos caixas, como os suspeitos que faziam os levantamentos nas cidades alvos do grupo.

Segundo a polícia, a organização criminosa utilizava carros com as mulheres passando pela região que o grupo iria agir, para verificar o policiamento no momento e dar cobertura para que os caixas fossem explodidos.

A PC afirmou que durante a operação um carro usado pela quadrilha foi apreendido e que além do veículo três artefatos explosivos caseiros e outras ferramentas usadas nas explosões, alavancas e uma pistola .40 também foram apreendidos. Outros detalhes sobre a prisão do grupo e a apreensão dos materiais, assim como o nome da operação vão ser divulgados na manhã da próxima terça-feira (22/1) durante uma coletiva de imprensa.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

'Não vai me abalar', diz Datena sobre acusação de assédio sexual

"Me abater, é claro, abate qualquer ser humano, mas não vai me abalar a ponto de quebrar minhas pernas", afirmou o apresentador.
21/01/2019, 20h05

José Luiz Datena falou a respeito das denúncias de assédio sexual das quais vem sendo alvo por parte da ex-repórter da Band Bruna Drews. O apresentador comentou o caso no Brasil Urgente desta segunda-feira, 21.

Em seu pronunciamento, Datena afirmou que se sentiu abatido, mas que as denúncias não vão “quebrar suas pernas”. Ele ainda ressaltou que “defende todas as mulheres”, “vai continuar trabalhando” e confia que a “Justiça mostre o que é verdadeiro”.

Por fim, fez um apelo: “Acredita em mim”.

“Faz 17, 18 anos que, só nesse tipo de programa, eu venho defendendo as mulheres brasileiras contra todo tipo de crime. Calúnia, assédio sexual, abuso sexual, feminicídio… E vou continuar fazendo isso. Eu defendo todas as mulheres.”

Em seguida, Datena criticou Bruna Drews: “Agora, se uma pessoa, independente de ser mulher ou não, me acusa de uma maneira vil, é claro que eu vou ter que responder a isso e pedir que a Justiça faça justiça, mostre a pura verdade.”

O apresentador também revelou que as denúncias mexeram com ele: “Eu vou continuar trabalhando. Fazendo meu papel, que sempre fiz. Me abater, é claro, abate qualquer ser humano, mas não vai me abalar a ponto de quebrar minhas pernas.”

“Já enfrentei muita gente perigosa, enfrento até hoje. Já enfrentei muita calúnia, muita mentira, gente que achava que iria me destruir porque eu falo a verdade. Não é dessa vez que vou dobrar os meus joelhos, de forma alguma.”

“Espero só que a Justiça mostre o que é verdadeiro. Tô dizendo isso não é pra imprensa, nem pra ninguém. É pra você, que me assiste há tanto tempo. Pra você, que me para na rua pra me tirar foto, pra sua família, que eu tenho o maior respeito.”

“É por você, telespectador da Band. Acredita em mim. Porque eu tô dizendo a verdade. Eu jamais mentiria pra você. Acredita em mim, o pai de família, pai de cinco filhos e avô de seis netos, casado há 41 anos. Acredita em mim, porque a Justiça vai provar que o que eu digo é verdade”, encerrou.

Confira um trecho do discurso de Datena abaixo:

Clique aqui

Entenda as denúncias de assédio sexual contra José Luiz Datena

Em entrevista ao Fofocalizando, do SBT, na última sexta-feira, 18, Bruna confirmou denúncias envolvendo Datena que foram publicadas pelo site Notícias da TV, afirmando que o fato teria ocorrido por volta do meio do ano passado.

Segundo as acusações, em uma confraternização com a equipe em um restaurante, Datena teria dito frases como “já bati muita p*** pra você, você nem imagina o quanto” e “é um desperdício você namorar uma mulher, não deve ter conhecido o homem certo”.

Posteriormente, o apresentador negou as acusações, afirmando que trata-se de “calúnia” e alegando que a profissional sofreria de problemas psicológicos.

“Ele falou muito que estou delirando, que estou doente, mas eu confirmo todas as informações de assédio que foram publicadas”, afirmou Bruna.

Bruna também ressaltou alguns momentos que ocorriam durante suas participações no Brasil Urgente, em que o apresentador falava sobre sua beleza durante as reportagens.

“Já me sentia muito constrangida com o assédio que sofria no ar. Era nítido meu constrangimento, sabe? Meus pais ficavam envergonhados. Mas eu precisava do salário, pagava coisas pros meus pais, tinha que sustentar uma casa, então eu aguentava.”

“Quando aconteceu o assédio real, frente a frente, num restaurante, aí eu decidi mesmo que devia procurar a Justiça e denunciar. Procurei um advogado logo depois que esse assédio foi feito.”

Em seguida, a repórter explicou o motivo de ter esperado meses para realizar a denúncia: “Eles pediram pra segurar um pouco pra gente fundamentar toda a nossa história. O prazo pra gente divulgar o assédio é de seis meses. A gente esperou até o último momento pra que a gente fundamentasse a história, tivesse testemunhas.”

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Economia

Governo de Goiás vai analisar proposta para pagar salários atrasados dos servidores em fevereiro

Ernesto Roller se comprometeu em levar a proposta para ser analisada pela Sefaz e marcou outra reunião para quarta-feira (23).
21/01/2019, 20h47

O Governo de Goiás tenta encontrar a melhor maneira para quitar a folha salarial dos servidores do mês de dezembro de 2018, que não foi empenhada pelo governo anterior. Na tarde desta segunda-feira (21/1) representantes dos sindicatos da categoria participavam de uma assembleia, em frente a Praça Cívica no Centro de Goiânia, para definir os próximos passos a serem adotados, pela falta do pagamento do mês de dezembro.

Durante a assembleia, uma comissão composta por 12 representantes do Fórum em Defesa dos Servidores Públicos do Estado de Goiás, foi convidada para uma reunião com o secretário de Governo (Segov), Ernesto Roller e apresentaram uma nova proposta para que o governo possa quitar os salários atrasados.

Pagamento do salário de dezembro em fevereiro

A assessoria de comunicação da Segov confirmou o encontro e afirmou que os representantes dos servidores fizeram uma nova proposta para o governo pagar os salários atrasados. Os representantes do Fórum, pediram que o governo estadual pague integralmente os salários de dezembro de 2018, no mês de fevereiro e discuta em outras oportunidades o salário de fevereiro.

O secretário ao ouvir a proposta dos representantes dos servidores, afirmou que vai levar a proposta ao conhecimento da Secretaria da Fazenda (Sefaz) e marcou uma outra reunião para próxima quarta-feira (23/1) a partir das 16h.

Reunião entre representantes dos servidores e governo terminou sem acordo

A atual gestão lembrou que ao final do ano o déficit de Goiás vai ser de R$ 6,9 bilhões de reais, e que pegou o Estado com apenas R$ 11 milhões em caixa. Na reunião desta tarde, o secretário lembrou que o governador antecipou o pagamento de janeiro, para quitar a folha dentro do mês trabalhado.

Na semana passada, uma reunião entre a secretária da fazenda e de governo, Cristiane Schmidt e Ernesto Roller, com os representantes do servidores terminou sem acordo. A proposta da atual gestão para quitar o mês de dezembro de 2018, é pagar os salários de forma crescente, a partir do mês de março de forma escalonada e quitando a folha do último mês do ano passado, em agosto de 2019.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.