Goiás

MP-GO propõe ação de improbidade administrativa contra Maguito Vilela

Na ação, a promotoria pede o bloqueio de mais de R$ 2 milhões e 200 mil reais em bens do ex-prefeito, assim como do ex-secretário de Infraestrutura, Mário José Vilela.

Por Ton Paulo
08/02/2019, 16h25

O Ministério Público de Goiás (MP-GO), através da promotora de Justiça Ana Paula Nery, propôs uma ação por ato de improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Luiz Alberto Maguito Vilela, mais conhecido como Maguito Vilela, por supostas irregularidades na contratação de uma empresa para fornecimento de insumo asfáltico para o município. Na ação, a promotoria pede o bloqueio de mais de R$ 2 milhões e 200 mil reais em bens do ex-prefeito, assim como do ex-secretário de Infraestrutura, Mário José Vilela.

De acordo com informações do MP-GO, a ação movida pela Dra. Ana Paula Nery que pesa contra Maguito Vilela e Mário José Vilela pede a responsabilização dos gestores, com aplicação das penalidades da Lei de Improbidade Administrativa e reparação dos danos aos cofres públicos. O valor da causa é de R$ 2.252.689,29 reais, mesmo valor que a promotora pediu para que seja bloqueado dos bens de Maguito e Mário Vilela.

Ainda conforme o MP-GO, a promotora relata que os fatos aconteceram em 2009, quando ambos os gestores, com o propósito de “ofender princípios da administração pública, causaram grande prejuízo aos cofres públicos”. Isso porque contrataram diretamente duas empresas, aproveitando de fundamentos incabíveis para dispensar a licitação, no valor total de R$ 1.193.300,00 reais.

Maguito Vilela teria autorizado, através de solicitação de Mário Vilela, a contratação das empresas  sem qualquer análise

Segundo a ação proposta pela promotora, um processo administrativo foi instaurado a partir de ofício do secretário, onde ele solicitou ao então prefeito a autorização para contratação, em caráter emergencial, de empresa especializada para o fornecimento de insumo asfáltico destinado à conclusão de pavimentação e galerias de água pluvial, em diversas ruas do município de Aparecida de Goiânia.

Entretanto, segundo a promotora, as empresas que se apresentaram foram declaradas aptas sem qualquer análise e diagnóstico, ou mesmo de comparação de valores apresentados por elas com outras empresas.

“Sem qualquer providência cautelar, visando apurar os valores de mercado, com base unicamente nos valores mostrados pelas empresas, foi concluída a negociação”, concluiu a promotora. Maguito Vilela, por meio de um decreto de dispensa de licitação, ratificou o procedimento ilegal, permitindo, por fim, a contratação direta, em violação à legislação.

Ana Paula Antunes acrescentou que o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) aplicou a Maguito e a Mário sete multas relativas a essa negociação irregular. Conforme apontou o TCM, o superfaturamento teve como causa a falta de controle e o descumprimento da lei pelos ex-gestores, em especial de Mário Vilela, pois não foi respeitado sequer o projeto básico, não foi feito o relatório de execução do contrato e não houve cautela com o dinheiro público.

Por meio de nota, a Secretaria de Comunicação de Aparecida de Goiânia (Secom) se manifestou sobre a ação envolvendo o ex-prefeito e o ex-secretário, e disse que ambos já haviam respondido administrativamente em relação ao objeto da ação proposta pelo Ministério Público e que ficou comprovada a regularidade da contratação.

Veja abaixo a nota na íntegra:

“O secretário de Infraestrutura de Aparecida de Goiânia, Mário Vilela, informa que tanto ele quanto o ex-prefeito Maguito Vilela, já responderam administrativamente em relação ao objeto da ação proposta pelo Ministério Público e que ficou comprovada a regularidade da contratação. Conscientes de que realizaram tudo conforme a legislação, também vão apresentar a defesa nos autos do processo, caso o Judiciário aceite a denúncia do MP, as alegações e razões que comprovam que o ato administrativo realizado, em 2009, para atender o anseio da população por pavimentação asfáltica, foi dentro da lei.”

Via: MP-GO 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia

O Setor Jardim Goiás é um dos melhores destinos para quem busca diversão em Goiânia! Por ali é possível encontrar bares, restaurantes, shopping e um imenso parque.
08/02/2019, 16h38

O Jardim Goiás é considerado como um dos mais nobres setores de Goiânia, sempre atraindo pessoas que buscam por diversão, seja durante o dia ou durante a noite. A região começou a crescer a partir da década de 1980, com a construção do Flamboyant Shopping Center e sua inauguração em 1981. Este, inclusive, é um dos maiores atrativos do setor.

Portanto, se você está buscando algo para fazer na região, podemos te ajudar! Abaixo preparamos uma listinha com os melhores bares e restaurantes encontrados por ali, sem contar que para aqueles que não pretendem gastar muito, ainda é possível encontrar um parque enorme que rende boas tardes de descanso. Dá uma olhada!

Lugares para conhecer no Jardim Goiás, em Goiânia

1 – Flamboyant Shopping Center

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

É claro que não poderíamos deixar de falar do Flamboyant Shopping ao mencionar pontos de diversão no Setor Jardim Goiás. Considerado como um dos maiores de Goiânia, sua viabilização na cidade começou ainda no ano de 1976, quando nem o Brasil entendia muito bem o conceito de um shopping, quem diria a capital goiana.

Porém, nada disso impediu que o empreendimento fosse concretizado e alcançasse tremendo sucesso. Seu nome foi escolhido porque o Flamboyant era uma das flores mais encontradas pelas ruas de Goiânia naquela época.

Atualmente, o centro comercial conta com centenas de lojas, agradando a todos os gostos e estilos. Sem falar na completa área de lazer e entretenimento que o ambiente oferece, a exemplo das salas de cinema, que se encaixam entre as melhores do Brasil. Para conferir as lojas presentes, clique aqui.

Horário de funcionamento: segunda a sábado, das 10h às 22h (área de alimentação, das 10h às 22h30) / domingo, das 14h às 20h (área de alimentação, das 12h às 22h30)

Telefone: (62) 3546-2000

Endereço: Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-907

2 – Empório Piquiras

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

Que tal explorar um pouquinho mais que o Flamboyant Shopping tem a oferecer? Por ser um dos maiores pontos de diversão e entretenimento do Jardim Goiás, por ali também é possível encontrar opções que vão muito além das lojas. O Empório Piquiras é um excelente exemplo disso!

Muito mais do que restaurantes e empórios, o Piquiras representa o que há de maior qualidade em Goiânia! No cardápio da casa é possível encontrar pratos equilibrados de comida internacional, garantindo ainda aquele toque especial dos temperos regionais, com receitas de carnes, massas e peixes. Para conferir os cardápios, clique aqui.

Horário de funcionamento: todos os dias, das 10h às 23h

Telefone: (62) 3920-2515

Endereço: Flamboyant Shopping Center – Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-100

3 – Pobre Juan

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

Mais um bom endereço do Jardim Goiás, também se localiza no shopping. O Pobre Juan é um restaurante inspirado nas típicas casas argentinas, bastante conceituado por suas carnes. Ficou famoso em todo o país por sua parrila (grelha argentina) premium, trabalhando com cortes de carnes especialmente selecionados. Vale lembrar que a casa ainda conta com uma excelente carta de vinhos e um completo ofurô de cervejas. Para conferir o cardápio, clique aqui.

Horário de funcionamento: segunda a quinta, das 12h às 16h e das 19h às 00h / sexta, das 12h às 16h  e das 19h às 00h / sábado, das 12h às 00h / domingo, das 12h às 22h

Telefone: (62) 3087-5556

Endereço: Flamboyant Shopping Center – Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – Loja 6 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-907

4 – Kabanas

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

O Kabanas é um dos restaurantes mais famosos de Goiânia, contando também com uma unidade no Jardim Goiás, que por sinal, está presente no Flamboyant Shopping. O local é um espetáculo por completo, considerando desde sua estrutura elegante e contemporânea até os elementos de seu cardápio, que conta com massas, carnes, saladas e muito mais. Certamente o ambiente é capaz de oferecer momentos de diversão para você e sua família!

Horário de funcionamento: segunda a quinta, das 12h às 16h e das 19h às 00h / sexta, das 12h às 16h  e das 19h às 00h / sábado, das 12h às 00h / domingo, das 12h às 22h

Telefone: (62) 3922-3393

Endereço: Flamboyant Shopping Center – Setor Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-100

5 – Empório Saccaria

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

E bem pertinho do Flamboyant se encontra o Empório Saccaria. Com amplo espaço, o ambiente funciona como uma lojinha de produtos gourmet, mas também conta com um restaurante que serve deliciosos pratos. Chopes, petiscos, cafés, lanches e muito mais pode ser encontrado por ali, representando o lugar ideal para quem busca por diversão no Jardim Goiás.

O melhor é que ainda conta com uma brinquedoteca supervisionada, ideal para levar as crianças!

Horário de funcionamento: todos os dias, das 6h às 00h

Telefone: (62) 3921-9000

Endereço: Av. Dep. Jamel Cecílio, 3221 – Jardim, Goiânia – GO, 74810-100

6 – Cateretê

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

O Cateretê é um restaurante no Jardim Goiás, em Goiânia, que nasceu com a proposta de sempre servir os melhores e mais seletos cortes de carne bovina, artesanalmente grelhados na chapa para seus clientes. Embora esse seja o foco, à medida que o tempo foi passando também incorporaram outras modalidades no cardápio, como peixes, frango, cordeiro, suíno, linguiças e muito mais.

Além de pratos variados em seu cardápio, o Cateretê também funciona como bar, oferecendo diversas cervejas e drinques para os visitantes, agradando a todos os gostos. É um destino imperdível para quem procura diversão no setor!

Horário de funcionamento: segunda a quinta, das 11h30 às 14h e das 18h às 00h / sexta, das 11h30 às 2h30 / sábado, das 11h30 às 0h / domingo, das 11h30 às 22h

Telefone: (62) 3877-7787

Endereço: R. 52, 357 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-200

7 – Quintal Food Park

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

Diversão no Jardim Goiás também pode ser encontrada no Quintal Food Park! Pioneiro do estilo na cidade, é um grande parque que reúne food trucks para todos os gostos. É um ponto de encontro bastante descontraído e com aquele climinha familiar, ideal para ir com os amigos, levar a família e até mesmo ir sozinho.

Além de muita comida boa, ainda é possível contar com música ambiente ou ao vivo, dependendo do dia. O melhor de tudo é que acontece ao ar livre, protegido apenas por tendas, fazendo com que seja um espacinho ainda mais intimista e amigável. Vale a pena conhecer!

Horário de funcionamento: terça a domingo, das 17h30 às 23h30

Endereço: Rua 52 Qd B 16 Lote 12 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-200

8 – Hangar

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

O Hangar é um bom restaurante no Jardim Goiás, oferecendo aos clientes uma boa variedade de pratos, petiscos e chopes. Com ambiente aconchegante e clima familiar, é ideal para reunir os amigos ou a família para um passeio. Também vale mencionar a carne na chapa, que é simplesmente deliciosa!

Horário de funcionamento: segunda a sexta, das 18h à 1h / sábado e domingo, das 11h às 2h

Telefone: (62) 3088-3965

Endereço: R. 61, 234 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-280

9 – The Pub

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

Diversão no Jardim Goiás tem nome e é The Pub! Se você é do tipo que adora sair com os amigos para beber e dançar, essa é uma baladinha no setor que não deixa ninguém ficar parado! Com uma programação bem variada, o cardápio da casa ainda conta com deliciosos petiscos e drinques para todos os gostos!

Horário de funcionamento: quinta a sábado, das 23h30 às 6h

Telefone: (62) 3281-4308

Endereço: R. 52, 219 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-200

10 – Parque Flamboyant

Saiba onde se divertir no Jardim Goiás, em Goiânia
Foto: Reprodução

Se a sua intenção é se divertir no Jardim Goiás sem gastar muito, o Parque Flamboyant é uma excelente alternativa! Embora represente um passeio mais simples, ainda é garantia de muita diversão e bons momentos. Que tal convidar a família ou os amigos para um passeio no parque?

Nada melhor que organizar um piquenique por ali, aproveitando as sombras das árvores, a brisa leve e o excelente contato com a natureza! Também é perfeito para levar as crianças!

Endereço: R. 15, 103-157 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-080

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Esportes

Estádio em Goiânia: conheça os 5 da capital para curtir um bom futebol

Se você adora frequentar um estádio em Goiânia mas ainda não conhece todos da capital, confira!
08/02/2019, 18h08

Há quem considere uma ida ao estádio em Goiânia o melhor passeio do mundo, e claro, a paixão pelo futebol é capaz de explicar isso. O esporte é considerado como uma das maiores paixões nacionais, mas isso não é coisa apenas de brasileiro, já que representa um dos mais praticados e apreciados do mundo todo. Não dá nem para explicar a sensação boa de quando a bola começa a rolar em campo, principalmente quando é o time do coração que está jogando.

Mas e aí torcedor, você conhece todos os estádios em Goiânia? Apenas a título de curiosidade, boa parte dos maiores estádios do estado se concentram na cidade, a exemplo do Serra Dourada e do Estádio Olímpico. Mas é claro que ainda contamos com outros gigantes, com capacidade para milhares de espectadores. Dá uma olhada!

Frequente um estádio em Goiânia!

1 – Estádio Serra Dourada

estádio em Goiânia / futebol
Foto: Reprodução

Com capacidade autorizada para 41.574 espectadores, o estádio em Goiânia representa também o maior do estado. O Serra Dourada sempre se transforma em palco para clássicas partidas de futebol, recebendo não apenas os times do estado mas também de todo o Brasil.

Projetado pelo arquiteto Paulo Mendes, o local foi inaugurado em 9 de março de 1975 e já foi considerado como o sétimo maior estádio do país, ocupando atualmente a vigésima primeira posição.

Embora o limite de público seja o citado anteriormente, seu recorde bate o número de 79.610 pessoas presentes ao mesmo tempo, assistindo a partida entre a Seleção Goiana e a Portuguesa (com resultado de 2×1), justamente no dia de estreia do estádio.

No entanto, vale lembrar que o ambiente não sedia apenas partidas de futebol, já que eventualmente também cede espaço para outros eventos de grande porte. Apenas para que você tenha ideia, no ano de 2013  o ex-Beatle Paul McCartney se apresentou no estádio, para um público com mais de 40 mil pessoas. Para ter acesso a outras informações sobre o espaço, clique aqui.

Telefone para contato: (62) 3201-6084

Endereço: Av. Fued José Sebba, 1170 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74805-100

2 – Estádio Olímpico Pedro Ludovico Teixeira

estádio em Goiânia / futebol
Foto: Reprodução

Popularizado apenas como “Estádio Olímpico”, sua inauguração aconteceu no ano de 1941 e foi o primeiro estádio em Goiânia, embora tenha ficado mais conhecido somente após sua reforma há alguns anos. De início possuía capacidade para apenas 10 mil pessoas, no entanto, depois de passar por ampliação recebeu espaço para mais 3.500 pessoas.

Muitos não sabem ou não se recordam, mas o espaço do estádio foi cedido para abrigar as vítimas do acidente radiológico de Goiânia com o Césio-137. Algumas pessoas tiveram suas casas demolidas devido aos riscos da radioatividade, portanto, precisaram ficar no local durante algum tempo.

Muitas ainda passaram por exames ali mesmo. No entanto, é sempre válido lembrar que o ambiente não oferece nenhum tipo de risco para a população no que tange a radioatividade.

Telefone para contato: (62) 3521-3545

Endereço: R. 74, 41 – St. Central, Goiânia – GO, 74045-020

3 – Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga

estádio em Goiânia / futebol
Foto: Reprodução

Este é um estádio em Goiânia que também possui gestão privada, pertencendo ao Vila Nova Futebol Clube. Localizado no Setor Leste Universitário, também se enquadra entre os maiores de Goiás, com capacidade para 11.788 espectadores.

Inaugurado em 1980, não possui estrutura muito grande mas apesar disso, as dimensões de seu gramado ficam entre as maiores do país, medindo o equivalente ao do Estádio Serra Dourada. É considerado como o maior estádio particular de toda a região Centro-Oeste.

Seu público recorde foi logo na estreia e, assim como em outros casos, superou o número limite do local, batendo os 15 mil espectadores.

Telefone para contato: (62) 3091-3595

Endereço: R. 256, 354 – Setor Leste Universitário, Goiânia – GO, 74610-200

4 – Estádio Antonio Accioly

estádio em Goiânia / futebol
Foto: Reprodução

Estádio em Goiânia, se encontra no Setor Campinas e também é particular, pertencendo ao Atlético Clube Goianiense. onde são realizadas suas partidas em campeonatos e regionais e contra outras equipes de pequeno porte em campeonatos nacionais.

O estádio acabou passando por maus bocados, visto que o time chegou bem próximo do fim devido a más gestões e o local chegou a ser demolido e abandonado, onde já se cogitava até mesmo a construção de um shopping no local.

No entanto, em um ato de reestruturação, o Atlético conseguiu sobreviver e no ano de 2005, o Antonio Accioly foi reconstruído, ressurgindo das cinzas. Atualmente, o local possui capacidade para 10.501 espectadores.

Telefone para contato: (62) 3292-3132

Endereço: Av. Perimetral, 921 – St. Campinas, Goiânia – GO, 74520-110

5 – Estádio Hailé Pinheiro

estádio em Goiânia / futebol
Foto: Reprodução

Bastante conhecido por seu apelido “Estádio da Serrinha”, este é um estádio em Goiânia localizado no Setor Bela Vista. Também representando um dos maiores do estado, foi inaugurado no ano de 1995 e possui, atualmente, capacidade para receber até 9.900 espectadores.

Hoje o lugar é de propriedade do time de futebol Goiás Esporte Clube, já tendo passado por diversas reformas e gestões que sempre visavam sua melhoria. A última reforma veio acompanhada de um projeto de ampliação das arquibancadas, e aconteceu em julho de 2018.

Telefone para contato: (62) 3946-7435

Endereço: Av. Edmundo P. de Abreu, 721 – St. Bela Vista, Goiânia – GO, 74823-030

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Seis pessoas ficaram feridas e uma morreu durante um acidente na BR-414, em Pirinópolis

Colisão foi registrada 40 quilômetros depois de Cocalzinho de Goiás.
08/02/2019, 19h41

Um acidente envolvendo dois carros de passeio no início da tarde desta sexta-feira (8/2) terminou com morte de uma pessoa e outras seis feridas, na BR-414, em Pirinópolis, a 40 quilômetros da cidade de Cocalzinho de Goiás, e próximo ao município de Dois Irmãos.

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) de Pirionópolis, foi chamado para atender a ocorrência. Durante os trabalhos, a equipe constatou uma morte de um homem. Conforme as informações dos bombeiros, para retirar duas vítimas do acidente, a equipe precisou fazer a remoção das ferragens.

A corporação afirmou que após o atendimento pré-hospitalar, duas vítimas foram levadas para o Hospital Estadual Ernestina Lopes Jaime de Pirinópolis. Os outros quatro feridos durante o acidente foram encaminhados para o hospital de Cocalzinho.

Portal Dia Online entrou em contato com as duas unidades de saúde em busca de mais informações sobre o estado de saúde dos feridos no acidente da BR-414, mas nenhuma das ligações foram atendidas.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) por sua vez afirmou que não há dados que mostrem as causas do acidente que terminou com uma pessoa morta e outras seis feridas, no início da tarde desta sexta-feira, no interior do Estado.

Três pessoas morram em uma acidente na BR-050, em Catalão

Na manhã do dia 15 de janeiro de 2019 uma colisão frontal envolvendo dois carros de passeio na BR-050, em Catalão no KM 295 da rodovia, que liga o município a cidade de Araguari, em Minas Gerais, terminou com a morte de três pessoas e outras três feridas.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) atendeu a ocorrência e constatou que duas crianças e uma senhora ficaram feridas no acidente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado e encaminhou os feridos para Sana Casa de Misericórdia de Catalão.

De acordo com a PRF, no acidente três homens morreram e dois deles estavam no mesmo carro. O trecho ficou com o trânsito lento e a PRF teve que controlar o fluxo, enquanto aguardava a Polícia Técnico Cientifica para fazer a perícia e determinar as causas do acidente.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus

A defesa do médium alegou que João de Deus não tem condições de permanecer no presídio por ter 77 anos, sofrer de doença coronariana e vascular, além de ter sido operado recentemente de um câncer no estômago.
08/02/2019, 20h55

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Nefi Cordeiro negou hoje (8) pedido de prisão domiciliar feito pela defesa do médium João de Deus, preso por acusações de violação sexual mediante fraude e de estupro de vulnerável.

No pedido de habeas corpus, a defesa do médium alegou que João de Deus não tem condições de permanecer no presídio por ter 77 anos, sofrer de doença coronariana e vascular, além de ter sido operado recentemente de um câncer no estômago.

A defesa também sustentou que o médium não chegou a sacar aplicações financeiras, mas somente fez um pedido, que não chegou a ser preenchido ou assinado. Este foi um dos motivos usados pelo Ministério Público para justificar a prisão por risco de fuga.

Ao negar o pedido de liberdade, o ministro entendeu que a prisão se justifica porque os valores foram movimentados por uma terceira pessoa ligada ao médium.

Cordeiro também afirmou que há relatos de ameaças a testemunhas para que não denunciassem os abusos. O ministro disse ainda que a Justiça de Goiás, que determinou a prisão de João de Deus, informou que tem como garantir o atendimento médico ao médium.

João de Deus foi preso no 16 de dezembro do ano passado sob a acusação de violação sexual mediante fraude e de estupro de vulnerável, crimes que teriam sido praticados contra centenas de mulheres na instituição em que atendia pessoas em busca de atendimento espiritual, em Abadiânia (GO).

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.