Goiás

Fim de semana registra cinco mortes em Goiânia em um prazo de oito horas

Das mortes registradas pela PC, quatro foram homicídios em bairros diferentes da capital.
31/03/2019, 13h49

O fim de semana ainda não terminou, mas pode ser considerado o mais violento do ano pela Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) que desde sábado (30/1) para este domingo (31/3) registrou em um período de oito horas cinco mortes, em Goiânia.

Conforme a publicação de um Jornal local, as cinco mortes foram registradas em diferentes bairros da capital. O primeiro caso foi registrado no setor Vila Boa, quando um homem estava na porta de uma oficina e dois indivíduos chegaram em uma moto e efetuaram vários disparos contra o rapaz que morreu na hora.

O segundo registro foi efetuado na Avenida 1ª Radial, no setor Pedro Ludovico. Conforme a corporação o homem estava na porta de sua residência, quando um suspeito o abordou e efetuou os disparos.

O corpo de um terceiro homem foi encontrado depois no setor Leste Universitário, com ferimentos causados por disparos de arma de fogo.

Homem é morto a facadas em Goiânia

A polícia registrou o quarto caso na Avenida A, no Jardim Goiás, próximo ao Estádio Serra Dourada. Diferente dos outros casos citados, em que as vítimas foram mortas a tiros, este o homem foi encontrado com ferimentos pelo corpo causados por faca.

O último corpo foi encontrado dentro de uma casa no Jardim Balneário Meia Ponte. Segundo as informações divulgadas pela polícia, após sentirem um odor vindo da residência, os vizinhos chamaram a polícia, que ao chegar ao local encontraram a vítima sem os sinais vitais. A suspeita inicial é de que o homem tenha morrido de morte natural.

A PC afirmou também que em nenhum dos casos os suspeitos foram presos e que ainda é desconhecida a motivação de cada um dos crimes. Conforme as informações da polícia, todos os casos foram registrados pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH) que vai investigar a motivação de cada um dos assassinatos e os prováveis suspeitos dos crimes.

Via: O Popular 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Casal de idosos fica ferido após queda de elevador, em Goiânia

Queda fez o homem ser arremessado para fora do elevador.
31/03/2019, 14h56

Um casal de idosos acabou ferido na manhã deste domingo (31/3) após o cabo do elevador de um sobrado na Av.Padre Wendell, no Bairro Aeroviário, em Goiânia se romper e cair na garagem do prédio.

Conforme as informações do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO), a equipe precisou solicitar o apoio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu) para fazer o transporte de uma das vítimas do acidente.

Dia Online conversou com o capitão Eberson Holanda que trabalhou no resgate das vítimas e contou como encontrou os dois idosos.

“O edifício tinha o pé direito alto com apenas um andar e tem a escada do lado. O casal de idosos entrou no elevador e o mesmo despencou de lá até o térreo onde ficam os carros”, conta o capitão.

Conforme o militar, após o rompimento do cabo, o senhor identificado como Valter Suzin, de 64 anos, chegou a ser arremessado para fora do elevador. Conforme as informações dos bombeiros, o senhor apresentava fraturas no braço e suspeita de fraturas nas pernas.

Porta do elevador precisou ser retirada para socorrer a vítima que ficou dentro dele

Com o senhor atendido pelos Bombeiros e encaminhado para o Hospital de Urgência da Região Noroeste Governador Otávio Lages de Siqueira (Hugol), o resgate da segunda vítima que ficou dentro do elevador foi mais complicado, pois foi preciso retirar uma das portas do elevador para resgatar Maria Elizabete Suzin, de 65 anos.

“Nós precisamos abrir uma parte do elevador e fazer o desencarceramento de Maria. Pois, devido as diversas lesões como fratura na bacia, corte profundo no pé e perna quebrada, precisamos abrir o espaço para retirar ela na maca de dentro do elevador”, conta o capitão.

O casal de idosos foi socorrido e imobilizado pelas equipes dos Bombeiros e do Samu e levado para o Hugol para receber o atendimento médico adequado.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Após luta contra câncer, morre Marquinhos, das pegadinhas de João Kleber

Ele passava por complicações após uma cirurgia, e a causa da morte foi a falência múltipla de órgãos.
31/03/2019, 15h13

O ator de pegadinhas Marco Antônio Eugênio Martini, mais conhecido como Marquinhos, frequentemente visto em quadros dos programas do apresentador João Kleber, na RedeTV!, morreu na tarde do último sábado, 2.

Segundo a emissora, Marquinhos, que tinha 70 anos, lutava contra um câncer no cérebro desde o fim de 2018 e estava internado no Hospital das Clínicas, em São Paulo. Ele passava por complicações após uma cirurgia, e a causa da morte foi a falência múltipla de órgãos.

A produção do João Kleber Show, último trabalho de Marquinhos em vida, publicou uma nota em sua homenagem.

“Hoje dizemos adeus a uma pessoa maravilhosa que encheu nossas vidas de magia e alegria. Sua marca jamais será apagada, passe o tempo que passar, e a saudade para sempre fará parte da nossa vida. Esta é uma despedida triste, mas é também um momento para recordarmos com amor uma pessoa muito especial que já não está entre nós. Vá com Deus, Marquinhos, descanse em paz!”

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Pelo menos 11 presos fugiram do presídio de Uruaçu

Detentos serraram a grade da cela e depois pularam o muro da unidade.
31/03/2019, 16h02

Durante a manhã deste domingo (31/3) ao menos 11 presos do presídio de Uruaçu, fugiram da unidade após serrar a grade da cela onde estavam e pular o muro da unidade prisional.

Conforme a Diretoria de Administração Penitenciária (DGAP), após a fuga do presos, as equipes da DGAP estão trabalhando para prender os 11 fugitivos.

Em nota a DGAP afirmou que trabalhar em conjunto com as forças policiais da região em busca dos foragidos. A diretoria informou também que foi instaurado um processo administrativo na unidade para apurar a fuga dos presos.

Com o intuito de localizar os prisioneiros que fugiram do presídio, a DGAP tem divulgada os nomes e fotos dos presos e pede para quem tiver qualquer informação sobre o paradeiro dos fugitivos entrar em contato pelo 197 da Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), pelo 190 da Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) ou informe a Ouvidoria da Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás pelo número (62) 3201-1212.

Saiba quem são os presos fugitivos

Estão foragidos após a fuga de hoje da unidade prisional de Uruaçu Antônio Ferreira dos Santos, Cleibiomar Alves da Silva, Hans Henrique Antunes de Sauvios, Idalécio de Jesus Santos, Jair de Holanda, João Batista Leite Soares, Luiz Gonzaga Abreu Neto, Osleane Gomes de Souza, Rodrigo Melo Benigno, Victor Hugo Silva e Wesley Júnior Alves da Silva.

Presos de Mineiros tentaram fuga, mas agentes penitenciários frustaram a fuga

Após o Natal, presos do presídio de Mineiros tiveram o plano de fuga frustrado pelos agentes penitenciários da unidade prisional, após eles descobrirem um túnel feito em uma das celas da unidade.

Na ocasião a DGAP afirmou que descobriu o plano dos detentos, após a troca de informações entre o serviço de inteligência e os agente penitenciários do presídio. Com as informações em mãos, os servidores da unidade foram até a ala B do presídio e encontraram o túnel que seria utilizado para uma fuga em massa da penitenciária.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Desembargadora concede habeas corpus a casal preso durante a Operação Decantação 2, em Goiânia

Os outros três presos durante a ação tiveram o pedido de liberdade concedido no último sábado (30/3).
31/03/2019, 17h03

Presos durante a Operação Decantação 2 da Polícia Federal (PF), deflagrada na última quinta-feira (28/3), o casal de proprietários da Sanefer, Carlos Eduardo Pereira da Costa e Nilvane Tomás de Sousa Costa, tiveram o pedido de habeas corpus concedido na tarde deste domingo (31/3) pela desembargadora federal Maria do Carmo Cardoso.

Com o habeas corpus para liberação do casal, todos os cincos presos durante a operação foram liberados. O ação da PF, investiga o desvio de verbas da Companhia de Saneamento de Goiás (Saneago).

Durante ação foram cumpridos cinco mandados de prisão e oito de busca e apreensão, um dos mandados de busca e apreensão foi em um condomínio em que mora o ex-governador de Goiás, José Elton (PSDB).

A desembargadora alegou que não havia nenhum fato ou atuação para que os casal fosse mantido preso. No dia anterior a magistrada havia concedido o habeas corpus de Luiz Alberto de Oliveira (Bambu), que chegou a chefiar o gabinete do ex-governador Marconi Perillo (PSDB), a filha dele, Gisella Albuquerque.

Advogado do casal preso durante a Operação Decantação 2 afirmou que dinheiro encontrado foi declarado no imposto de renda

No dia da ação da PF, os policiais encontraram com o ex-chefe de gabinete e com a filha dele o equivalente a R$2,3 milhões de reais.

Segundo a publicação de um Jornal local, o advogado do casal, Pedro Márcio Siqueira, afirmou que o dinheiro é de origem lícita e declarado no Imposto de Renda, pela compra de um apartamento. Em relação as armas encontradas cm o casal, o advogado afirmou que todas são registradas conforme determina a lei.

Além deles também foi preso o ex-diretor de gestão corporativa da Saneago, Robson Salazar e ele foi o primeiro a ter o pedido de liberdade concedido pela desembargadora. Os advogados de defesa do ex-diretor afirmaram que a prisão dele foi desnecessária e que a defesa prévia do seu cliente foi feita há mais de um ano, mas não foi apreciada.

O ex-governador José Eliton poderia ter sido preso durante a operação, porém o pedido contra o ex-gestor foi negado por um juiz federal. Na última sexta-feira (29/3), o ex-governador compareceu à sede da PF em Goiânia para prestar depoimento sobre as denúncias e negou todas as acusações.

Via: G1 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.