Brasil

Sobe para sete número de pessoas mortas em desabamento de dois edifícios no Rio

Conforme o Corpo de Bombeiros, há 12 pessoas ainda desaparecidas.
13/04/2019, 10h35

O número de pessoas mortas no desabamento de dois edifícios construídos ilegalmente na comunidade da Muzema, na zona oeste do Rio de Janeiro, chegou a sete. Na madrugada deste sábado, 13, o adolescente Hilton Guilherme Sodré, que havia sido resgatado com vida dos escombros horas antes, morreu durante cirurgia no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea (zona sul do Rio).

Conforme o Corpo de Bombeiros, há 12 pessoas ainda desaparecidas. Desde a manhã de ontem (12), 100 militares da corporação atuam nas buscas. Eles trabalham com o auxílio de cães farejadores, drones e helicópteros.

Os bombeiros já resgataram 15 pessoas dos escombros, das quais cinco já sem vida. Outras duas morreram em hospitais – além do adolescente, um homem que havia sido levado a um hospital particular na zona oeste.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Homem se confunde no Whatsapp ao denunciar falso sequestro da mãe e é preso, em Trindade

O homem inventou tudo e, nas conversas de Whatsapp mostradas aos policiais como provas, ele se passava também pelo sequestrador.

Por Ton Paulo
13/04/2019, 11h42

Um homem que denunciou o sequestro da mãe foi preso na última sexta-feira (12/4) em Trindade, região metropolitana de Goiânia. O caso é que o sequestro jamais existiu. O homem inventou o falso sequestro e, nas conversas de Whatsapp mostradas aos policiais como provas, ele se passava também pelo sequestrador, e num ponto da conversa, acabou se confundindo e expondo a mentira.

Hemerson Alves da Costa, preso ontem, havia registrado o tal caso do “sequestro”de sua mãe na polícia. Segundo ele, a progenitora teria sido levada por três pessoas em frente ao Restaurante 1008, em Goiânia. Ainda conforme o estelionatário, os “sequestradores” teriam exigido dele a quantia de R$ 50 mil reais para liberar a vítima.

Ele contou que pagou o valor, mas mesmo assim os tais bandidos não soltaram a mãe que estaria em cativeiro. A Polícia Civil, em posse do registro, começou as investigações e as buscas pela mãe do rapaz que estaria nas garras dos bandidos. Entretanto, uma rápida análise das “evidências” apresentadas por Hemerson colocou a historinha do rapaz abaixo.

O homem, que disse que estaria se comunicando com os sequestradores pelo Whatsapp, entregou os prints para a Polícia Civil, mas deixou passar um detalhe. Na conversa, é possível ver a pessoa (supostamente o bandido) pedindo dinheiro e ameaçando a vítima, e Hemerson pedindo para que eles não a machucassem. Entretanto, em um dado ponto da negociação, os papéis se invertem e, curiosamente, o bandido começa a pedir clemência pela mãe e Hemerson começa a ameaçar e pedir dinheiro. Isso porque o homem, que se passava também pelo bandido, se confundiu e começou a responder de seu próprio telefone.

Homem se confunde no Whatsapp ao denunciar falso sequestro da mãe e é preso, em Trindade
Foto: Reprodução/PC

Os policiais, então, perceberam que tudo não passava de um truque. Ele foi preso pelo crime de estelionato e denunciação caluniosa.

Homem que registrou falso sequestro da mãe em Trindade

Hermerson é o autor de outros golpes, estes em Goiânia. O homem é suspeito de registrar ocorrências falsas de furtos e roubos no site da Polícia Civil para, assim, receber do seguro o reembolso dos valores dos itens falsamente subtraídos.

Via: O Popular 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Com frota reduzida, Avianca cancela voos marcados em Goiânia; veja lista

Medida é consequência de decisão judicial que determinou a devolução de aeronaves alugadas por inadimplência da companhia aérea.
13/04/2019, 14h25

Por determinação da Justiça, a Avianca Brasil precisa devolver dez aeronaves alugadas por inadimplência. O cancelamento da matrícula dos aviões foi anunciado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que também determinou a suspensão da venda de bilhetes aéreos para as rotas prejudicadas.

Ainda conforme determinação da Anac, a Avianca deverá “divulgar amplamente os voos alterados e cancelados, comunicar previamente os passageiros para evitar que se desloquem ao aeroporto inadvertidamente e oferecer as alternativas de reembolso, reacomodação em outro voo ou execução do serviço por outra modalidade de transporte”.

Com a frota reduzida, a empresa comunicou o cancelamento de mais de 150 em todo o país, incluindo Goiânia, a partir deste mês de abril. No site oficial, a companhia aérea justificou que os cancelamentos ocorrem “devido a uma possível redução da sua frota.”

Lista de voos cancelados pela Avianca

Na lista, os voos cancelados em Goiânia até o momento são:

  • Voo: 6291 – Data: 15/04/2019 – Origem: Goiânia – Destino: Guarulhos (São Paulo)
  • Voo: 6291 – Data – 16/04/2019 – Origem: Goiânia – Destino – Guarulhos (São Paulo)
  • Voo: 6291 – Data: 17/04/2019 – Origem: Goiânia – Destino: Guarulhos (São Paulo)

Voos cancelados com Goiânia como destino:

  • Voo: 6290 – Data: 15/04/2019 – Origem: Guarulhos (São Paulo) – Destino: Goiânia
  • Voo: 6290 – Data: 16/04/2019 – Origem: Guarulhos (São Paulo) – Destino: Goiânia
  • Voo: 6290 – Data: 17/04/2019 – Origem: Guarulhos (São Paulo) – Destino: Goiânia

Confira neste link https://www.avianca.com.br/-/cancelamento-de-voos-a-partir-de-abril- a lista completa dos voos que foram cancelados pela Avianca em todo o país. A empresa pontua que a lista será atualizada diariamente de acordo com eventuais ajustes.

O que fazer?

De acordo com publicação, “a Avianca Brasil reforça que está tomando todas as medidas necessárias para manter a normalidade de suas operações. Os passageiros da companhia aérea podem seguir as seguintes orientações:

– Caso seu voo não esteja na lista, fique tranquilo. Nenhuma ação é necessária e seu voo será mantido conforme o programado;

– Caso seu voo esteja na lista e você tenha comprado sua passagem pelo site, aplicativo, call center ou lojas da Avianca Brasil, você pode solicitar seu reembolso em: www.avianca.com.br/reembolso. No formulário, selecione o motivo “Cancelamento de voo gerado pela Avianca”

– Caso seu voo esteja na lista e você tenha comprado sua passagem por meio de uma agência ou site de viagem, você deverá entrar em contato diretamente com essas empresas.

Via: Avianca 
Imagens: GYN Online 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Fim de semana continua com chuvas intensas em Goiás, alerta INMET

Não saia sem o guarda-chuva!
13/04/2019, 15h55

Neste sábado e domingo, 13 e 14 de abril, podem ocorrer chuvas intensas em diversas regiões do estado, conforme alerta publicado pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Mesmo com sol no início das manhãs, há previsão de chuva forte a qualquer hora dos dois dias. Além de Goiás, no Distrito Federal o alerta também é para temporal.

O instituto publicou o Alerta Amarelo, que significa perigo potencial e situação meteorológica potencialmente perigosa, às 12:11 deste sábado (13/4), com duração de 16 horas. De acordo com a publicação, as regiões afetadas serão: Centro Goiano, Leste Goiano, Sul Goiano, Norte Goiano, Noroeste Goiano, Jalapão, Sudeste Tocantinense, Sul Tocantinense, Oeste Tocantinense, Centro Tocantinense, Sudeste Rondonense, Distrito Federal, Centrossul Mato-Grossense, Nordeste Mato-Grossense, Norte Mato-Grossense e Sudeste Mato-Grossense,

Também segundo previsão do site ClimaTempo, em Goiânia, neste dois dias, o calor e a alta umidade podem facilitar o crescimento de nuvens e as pancadas isoladas a partir da tarde que podem ser fortes e acompanhadas de raios e trovoadas.

Orientações para chuvas intensas em Goiás

Nas duas primeiras semanas de abril, já choveu 122 milímetros, o que corresponde a 94% dos 130 milímetros que eram esperados para todo o mês, de acordo com dados do Sistema de Meteorologia e Hidrologia do Estado de Goiás (Simehgo).

Ainda de acordo com alerta do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), neste fim de semana, deve chover entre 20 e 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros por metro quadrado por dia. Os ventos serão intensos, de 40 a 60 km/h.

Em caso de rajadas de vento, o órgão recomenda: não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda; se possível, desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia; obtenha mais informações junto à Defesa Civil, pelo telefone 199 e ao Corpo de Bombeiros, por meio do 193.

Via: Climatempo INMET 
Imagens: Brasil Caminhoneiro 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Brasil

Avião cai e deixa pelo menos um morto em Belo Horizonte

Segundo testemunha, piloto desviou a aeronave de um prédio e atingiu um muro.
13/04/2019, 16h56

Avião cai e deixa pelo menos uma pessoa morta em Belo Horizonte, em Minas Gerais, na tarde deste sábado (13/4).

Quando escutaram  barulho e viram as chamas, os vizinhos logo ligaram para o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG).

Moradores e pessoas que passavam pela região da tragédia filmaram e fotogravam o que restou do avião em chamas e postaram nas redes sociais.

O avião atingiu o muro de uma residência, conforme apurou o jornal mineiro Estado de Minas.

Ainda conforme o jornal, uma morte foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros. O tráfego aéreo de Belo Horizonte esta funcionando normalmente.

O avião é de modelo francês Socata ST-10 Diplomate e tem capacidade para quatro passageiros.

Avião cai, mas não existe informação de mais vítimas em Belo Horizonte

Ainda não houve confirmação de que houvesse outros passageiros. Um repórter do jornal Estado de Minas acompanha o caso e ouviu de testemunhas que, antes de cair, o avião desviou de um prédio na Rua Minerva.

“Eu só ouvi o barulho. Vi o povo gritando e desci. O bom foi que a polícia e os outros órgãos chegaram rápido”, contou ao jornal o médico Ricardo Coutinho que, segundo ele, passava pela Rua Minerva quando o avião caiu.

Ainda segundo outra testemunha ouvida pela reportagem do Estado de Minas, a tragédia era anunciada. Conforme Maria Elisa, contatos teriam sido feitos para alertar órgãos sobre aeronaves que sobrevoam muito baixos. “Eu já fiz contato com o aeroclube, que é aqui no Carlos Prates, e com a Infraero. Os aviões passam muito baixo. São vôos rasantes, que causam preocupação para quem mora perto”, disse.

Diante da tragédia, um homem foi detido por policiais militares mineiros porque teria ultrapassado a área restrita. O Estado de Minas conta que o rapaz foi levado pelos policiais sob vaias. Filho de um morador da rua em que ocorreu a tragédia, a polícia teria sido truculenta com o rapaz. 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.