Brasil

Corpo de Kauani que desapareceu enquanto dormia é achado em vala

Menina ficou desaparecida por cinco dias.
23/04/2019, 00h10

Encontrado o corpo de Kauani Cristhiny Soares Rodrigues, de 6 anos, na noite desta segunda-feira (22/4).

A menina desapareceu cinco dias atrás na cidade de Mongaguá, em São Paulo.

O corpinho de Kauani foi encontrado dentro de uma vala, em uma mata. A Polícia já tem um suspeito.

A menina desapareceu enquanto dormia, conforme contou a mãe, Diana Soares de Lira, de 34 anos, ao entrar no quarto em que Kauani dormia com o irmão na madrugada de quarta-feira (17).

A mãe percebeu que a porta da casa estava aberta. A menina só foi encontrada na noite desta segunda-feira, sem vida.

A fotografia da menina se espalhou pelas redes sociais de todo o Brasil.

Em Goiás, a foto foi atribuída a uma criança que teria desaparecido em setores de Goiânia. A reportagem do Dia Online chegou a procurar a Polícia Civil no dia em que a primeira imagem foi compartilhada.

Corpo de Kauani foi encontrado em uma vala perto de casa

A Guarda Civil Municipal Itu e Itupeva utilizaram cães farejadores para buscar a garotinha. O corpo da menina foi encontrado parcialmente vestido, conforme a polícia.

A vala em que a menina foi encontrada fica a dez quadras de onde morava e foi, segundo a linha de investigação, raptada.

O corpinho da menina foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) e deve ser velado na terça-feira.

A Polícia ainda não divulgou a identidade do suspeito, que está detido.

Para o G1, a mãe de Kauani disse como percebeu que a filha tinha desaparecido: “Quando foi 1h, o meu outro filho começou a chorar, eu fui botar ele pra dormir comigo. Quando fui colocá-lo de volta na cama dele, às 2h, a cama da Kauani estava vazia, ela tinha sumido e a porta da frente da casa estava aberta”, relatou a mãe, que acreditava que a menina ainda estivesse viva.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Chuvas intensas devem permanecer pelos próximos dois dias em Goiás

Para esta terça-feira (23/4), são previstos 19 milímetros de chuva em Goiânia.
23/04/2019, 07h39

As chuvas intensas devem permanecer por ao menos mais dois dias em diversas cidades de Goiás. O alerta amarelo, publicado pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), para a região Centro-Oeste, aponta risco de chuvas de 20 e 30 milímetros de água por hora (mm/h), com ventos intensos de 40 a 60 quiômetros por hora (km/h).

Na tarde desta segunda-feira (22/4), em uma hora, choveu cerca de 35 mm/h, em Goiânia e Região Metropolitana. Até às 20h foram registrados 259 milímetros de chuva, maior número registrado no mês de abril desde 2010. Na capital, ruas ficaram alagadas, pedestres e carros ilhados e os fortes ventos, que chegaram até 70 km/h, destelharam comércios, terminal de ônibus e derrubaram árvores em vias públicas.

De acordo com o site ClimaTempo, em menos de 30 minutos, a temperatura baixou de 30 para 22 graus. Segundo dados do Sistema de Meteorologia e Hidrologia do Estado de Goiás (Simehgo), a combinação de umidade com o calor propiciou a formação de um sistema convectivo, o que ocasionou muita chuva em pouco tempo.

Chove forte nos próximos dias em Goiás

Para esta terça-feira (23/4), em Goiás, devem ocorrer pancadas isoladas a partir do meio da tarde. A previsão para Goiânia, segundo o site ClimaTempo, é de sol e aumento de nuvens de manhã e pancadas de chuva à tarde e à noite. A temperatura máxima pode ser de 32º e mínima de 20º. O volume de chuva previsto para Goiânia é de 19 milímetros.

Na quarta-feira (24/4), também é esperado dia de sol com aumento de nuvens e pancadas de chuva no período da tarde. Já na quinta e sexta-feira, dias 25 e 26 de abril, não deve chover. Nesses dias, as temperaturas ficam entre mínima de 18º e máxima de 32º. Deve chover ao menos 9 mm/h.

Cuidados em dias de chuvas intensas

Em caso de rajadas de vento: não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas; não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda; se possível, desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia. Para emergências, entre em contato com a Defesa Civil, pelo telefone 199 e com o Corpo de Bombeiros, por meio do 193.

Imagens: O Tempo 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Bêbado, homem mata sogro e deixa namorada desfigurada, em fazenda de Senador Canedo

De acordo com a polícia, o homem foi detido por homicídio e dupla tentativa de homicídio.

Por Ton Paulo
23/04/2019, 08h55

Um crime chocante envolvendo tentativa e homicídio concretizado em família foi registrado na noite da última segunda-feira (22/4), numa zona rural de Senador Canedo, a 27 quilômetros de Goiânia. Depois de ingerir bebida alcoólica, um homem atacou com golpes de faca seus sogros e sua namorada, deixando o rosto dela desfigurado. O pai dela não resistiu aos ferimentos e acabou indo a óbito.

Conforme informações da Polícia Militar (PM), uma equipe do equipe do 27º BPM foi acionada por volta das 21h30 de ontem para atender a ocorrência que se passou na Fazenda Bom Sucesso, na zona rural de Senador Canedo.

De acordo com a corporação, Maycom Sullyvam Alves, de 27 anos, havia ingerido grande quantidade de bebida alcoólica quando iniciou um desentendimento com seus sogros e sua namorada, de 25 anos. Maycom desferiu vários golpes de facas na sogra, depois no sogro e por fim atacou a namorada. Com o ataque, o rosto da moça ficou desfigurado.

Em informações levantadas pelo Dia Online, o homem teria chegado à sede da fazenda também sob efeito de drogas quando começou a atacar os familiares da namorada que estavam no local.

Homem atacado pelo genro em fazenda de Senador Canedo foi a óbito

Após o ataque de fúria impulsionado pelo álcool por parte do homem, a sogra e a namorada foram conduzidas ao Cais Amendoeiras, no Parque das Amendoeiras, para atendimento médico. Já o sogro não resistiu aos ferimentos provocados por faca e morreu ainda no local do crime.

De posse das informações acerca da autoria, a PM fez diligências e encontrou o local onde Maycom estava escondido, no Bairro Recanto das Minas Gerais, em Goiânia. Ele foi detido e conduzido para o DP de Senador Canedo para providências legais.

Conforme os policiais, Maycom foi detido por homicídio e dupla tentativa de homicídio, logo após o cometimento do crime.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Menores são apreendidos suspeitos de matar homem por R$ 100, em Aragarças

O trio confessou o crime, ocorrido em 9 de dezembro de 2018. Se condenados, eles podem cumprir medida socioeducativa de no máximo três anos.
23/04/2019, 09h11

Três adolescentes foram apreendidos suspeitos de espancar e matar colega por suposto furto de drogas e de R$ 100. O crime ocorreu na madrugada do dia 9 de dezembro de 2018, em Aragarças, região Noroeste de Goiás, em frente a um motel. Eles foram detidos nesta segunda-feira (22/4), em cumprimento a um mandado de internação provisória. Câmeras de segurança registraram parte da ação criminosa.

Uelson da Silva Costa, de 37 anos, teria furtado de um dos menores drogas e uma quantia de R$ 100, enquanto bebiam juntos. Ao sentir falta do dinheiro, o adolescente comunicou outros dois colegas sobre o suposto furto e juntos saíram em procura da vítima.

Adolescentes confessam matar homem por suposto furto em Aragarças

Pelas imagens é possível ver que dois adolescentes, que chegam em bicicletas, começam a agredir Uelson, que tenta correr. Em seguida, um dos adolescentes arremessa um pedaço de concreto na vítima, que continua a correr. Fora do alcance das câmeras de segurança, os dois adolescentes que aparecem nas imagens e um outro, que seria o dono do suposto dinheiro furtado, concluem o crime.

Uelson morreu depois de ser espancado e esfaqueado. Veja parte da ação criminosa registrada pelo circuito de segurança de comércios locais:

Os adolescentes, todos de 17 anos, foram apreendidos nesta segunda-feira (22/4), quatro meses após o crime, em cumprimento a um mandado de internação provisória. De acordo com informações da Polícia Civil, eles confessaram participação no crime.

Os menores responderão por ato infracional análogo ao crime de homicídio. Se condenados eles podem cumprir medida socioeducativa de no máximo três anos.

Menores apreendidos

Até outubro do ano passado, a Delegacia Estadual de Apuração de Atos Infracionais (Depai) apreendeu 100 adolescentes envolvidos em casos graves, tais como homicídios, latrocínios, roubos, estupros, tráfico de drogas e associação criminosa, entre outros. Neste ano, mais de 30 já foram detidos pelos mesmos crimes, somente em Goiânia.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Casal é preso com games, armas e anabolizantes do Paraguai, em Anápolis

A mulher conduzia o veículo e os dois vinham do país fronteiriço trazendo enorme quantidade de contrabando.

Por Ton Paulo
23/04/2019, 10h38

Um casal que transportava video games, munições, armas e anabolizantes do Paraguai foi preso na madrugada desta terça-feira (23/4) numa rodovia que corta Anápolis, a 55 quilômetros de Goiânia. A mulher conduzia o veículo e os dois vinham do país fronteiriço trazendo enorme quantidade de contrabando.

A prisão foi feita pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-060 e, segundo a corporação, a mulher, de 24 anos, conduzia um Toyota Corolla e tinha como passageiro um homem, de 29 anos.

Ainda conforme a PRF, durante o patrulhamento da rodovia, agentes policiais pararam o carro para fiscalizações de rotina ao perceberem que o veículo estava com defeitos no sistema de iluminação. Entretanto, não sabiam que descobririam ainda mais transgressões além da iluminação defeituosa.

Quando checaram as bagagens do casal, os policiais encontraram grande quantidade de produtos contrabandeados do Paraguai (país muito procurado para compra de itens para revenda ilegal). Havia com eles duas pistolas, dezenas de munições, diversos eletroeletrônicos e cerca de 800 anabolizantes escondidos em meio às roupas dentro de malas e mochilas.

Um dos eletroeletrônicos apreendidos era um video game Xbox One S, cujo preço numa loja brasileira e com nota fiscal varia entre R$ 1.200 a 1.500 reais.

Homem disse que armas e anabolizantes do Paraguai seriam revendidos em Brasília

Após a prisão do casal, o homem informou aos policiais que o contrabando adquirido no Paraguai seria revendido a particulares em Brasília.

Além das pistolas, das munições e dos anabolizantes (cerca de 800 frascos), o casal também levava diversos celulares, fones de ouvido, pen drives e outros acessórios e aparelhos da área de informática.

O homem também informou aos policiais que adquiriu os produtos em Ciudad Del Este, que fica no Paraguai. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Federal em Anápolis.

Veja o vídeo do momento da prisão e da contagem dos itens apreendidos, frutos de contrabando do Paraguai:

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.