Goiás

PRF registra quatro mortes de motociclistas nas BRs que cortam Goiás

Em balanço da PRF nos últimos cinco anos foram 200 mortos e mais de 4.300 motociclistas envolvidos em acidentes nas BRs que cortam o estado.
13/05/2019, 16h33

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou durante o fim de semana cerca três acidentes envolvendo motociclistas com vítimas fatais, nas rodovias federais, ou seja BRs que cortam o estado de Goiás. O primeiro acidente registrado pela PRF, ocorreu na noite da última sexta-feira (10/5), onde um idoso, de 60 anos, morreu após colidir com um carro no km 268 da BR-153, em Nova Glória.

A polícia afirmou que o condutor da motocicleta seguia no sentido Rialma para São Luiz do Norte, quando por motivos desconhecidos invadiu a pista no sentido contrário e bateu de frente com o veículo do modelo GM Classic.

Conforme as informações levantadas pela polícia, o motociclista era natural de Nova Glória, e devido ao impacto da batida foi arremessado para fora da pista e morreu no local.

Casal morreu na noite de domingo (12/5) após ser atropelado na BR-414, em Niquelândia

O segundo caso foi registrado na noite do último domingo (12/5), onde um casal morreu atropelado após se envolver em um acidente na BR-414, em Niquelândia. Testemunhas contaram aos policiais que o piloto e a passageira tem aproximadamente, 45 anos, estavam ingerido bebidas alcoólicas.

Após beber, os dois pegaram a moto em que estavam do modelo Honda CG 150 para voltar para casa, no caminho os dois caíram do veículo e foram atropelados por um carro do modelo Fiat Siena. Segundo a PRF, a mulher não resistiu aos ferimentos e morreu na hora, o motociclista que conduzia a moto, não tinha habilitação, era deficiente auditivo chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) e levado para o Hospital Municipal de Niquelândia, porém não resistiu aos ferimentos e morreu.

Após atropelar o casal, o motorista do carro não fugiu do local, ficou na cena do acidente e prestou assistência e informações aos policias, que afirmaram que o condutor do veículo não estava embriagado.

Último caso foi registrado na tarde desta segunda-feira na BR-060, em Rio Verde

O último acidente registrado pela polícia ocorreu na tarde desta segunda-feira (13/5), após um motociclista bater na traseira de um caminhão na BR-060, entre Rio Verde e Jataí. A PRF afirmou que o veículo de grande porte estava carregado de adubo e seguia pela rodovia, quando o condutor da moto colidiu com a caminhão. Devido a força do impacto, o motociclista, de 42 anos, morreu na hora.

De acordo com a polícia, a vítima tinha uma extensa ficha criminal com diversas passagens pela polícia por roubo, uso de entorpecentes e de documento falso. A PRF afirmou que o motociclista estava com uma garrafa de cachaça pela metade e acredita que o mesmo ingeriu bebida alcoólica antes de conduzir a moto.

Veja o vídeo: 

Com campanha do Maio Amarelo, PRF alerta sobre a vulnerabilidade dos motociclistas

A PRF afirmou que na última sexta-feira (10/5) as fiscalizações aos motociclistas na grande Goiânia foram intensificadas e 338 infrações de trânsito foram identificadas. Conforme a polícia, a operação faz parte do movimento Maio Amarelo, que tem como objetivo chamar a atenção da sociedade sobre o grande número de mortos e feridos em acidentes de trânsito.

Em um balanço divulgado pela PRF, nos últimos cinco anos 200 pessoas morreram e mais de 4.300 ficaram feridas em acidentes de trânsito envolvendo motos nas BRs que cortam Goiás.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Adolescente morre eletrocutado ao tocar em grade de canil, em Goianira

Pai do jovem foi preso em flagrante por homicídio culposo (quando não há intenção de matar).
13/05/2019, 17h04

Um adolescente, de 13 anos, morreu eletrocutado na tarde desta segunda-feira (13/5) no Residencial Triunfo, em Goianira, região metropolitana da capital, após tocar na grade de um canil energizada pelo pai há quatro dias.

O caso foi registrado pelo delegado de Inhumas, Miguel Mota, que deu mais detalhes sobre a ocorrência ao Portal Dia Online. “O pai do jovem fez uma espécie de cerca elétrica há quatro dias e instalou no canil, mas desligou a cerca, pois conforme ele não estaria funcionado”, explica o delegado.

Miguel Mota afirmou também na tarde de hoje, o adolescente encostou na grade do canil e recebeu a descarga elétrica. “A família chamou o SAMU para socorrer o jovem, mas infelizmente os médicos constataram o óbito do adolescente”, explica o delegado.

Além de perder o filho de forma trágica, o pai do adolescente, foi preso em flagrante por homicídio culposo (quando não há intenção de matar). Segundo o delegado vai ser determinado um valor de fiança para o genitor do jovem, caso ele não consiga pagar o valor estipulado, vai permanecer preso.

Outro caso: Um jovem morreu eletrocutado ao fazer uma emenda em uma extensão ligada a uma betoneira

No dia 20 de março deste ano, Ademir Aparecido Ferreira Júnior, de 23 anos, morreu eletrocutado, após sofrer uma descarga elétrica de uma extensão ligada a uma betoneira, no setor Aeroporto, em Catalão.

O caso foi registrado pela Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) como acidente de trabalho. Na ocasião, testemunhas contaram aos policiais que orientaram Ademir a desligar o equipamento da tomada, no entanto a orientação não foi seguida pelo jovem.

Enquanto fazia a emenda, o jovem foi atingido por uma descarga elétrica e após levar o choque Ademir caiu com os fios da extensão nas mãos e junto ao peito, que pode ter possibilitado a descarga elétrica ter sido maior.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Dia Gourmet

Salada em Goiânia: 8 restaurantes para manter o projeto fit

Alguns restaurantes em Goiânia oferecem diversas opções de salada, sendo possível montá-las com os ingredientes que preferir, de acordo com seu gosto! Confira!
13/05/2019, 17h28

Nos dias de hoje parece impossível manter uma alimentação saborosa e saudável, já que o trânsito caótico e a rotina apertada acabam nos deixando sem tempo até mesmo para preparar uma refeição. Assim, muita gente acaba recorrendo aos fast-foods ou a pratos nada naturais. Por outro lado, é válido mencionar que Goiânia conta com boas opções de restaurantes que visam atender essa demanda, produzindo deliciosas opções de saladas e refeições mais saudáveis.

Portanto, se você pretende manter a boa alimentação mas joga no time que mal tem tempo de preparar a própria comida, confira a listinha que preparamos! Aqui é possível encontrar restaurantes que incentivam hábitos saudáveis, a começar pela alimentação. Curioso? Então dá uma olhada!

Lugares para encontrar a melhor salada em Goiânia:

1 – Slim Gastronomia Saudável

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

Para quem precisa comer fora e não pretende fugir da dieta, o Slim Gastronomia Saudável é uma boa alternativa! Por ali é possível encontrar as melhores opções de salada em Goiânia. Para se ter ideia, a proposta do restaurante é garantir uma alimentação 100% saudável e, principalmente, muito saborosa, ajudando seus clientes a atingirem seus objetivos alimentares mesmo quando precisam comer fora de casa.

Os ingredientes utilizados nos pratos da casa são sempre de alta qualidade e selecionados a dedo, garantindo sabores incríveis. Vale lembrar que ainda é possível encontrar lanches mais leves, açaí slim, um cardápio vegano e a possibilidade de montar sua salada! Vale a pena conhecer! Clique aqui e confira mais detalhes!

Horário de atendimento: todos os dias, das 11h30 às 21h45

Telefone: (62) 3095-2220

Endereço: Rua 18, 282 Galeria Marfim – St. Oeste, Goiânia – GO, 74115-030

2 – Ateliê da Salada

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

Presente em Goiânia desde 2014, o Ateliê da Salada também entra para a lista dos melhores restaurantes para quem pretende manter a dieta. O lugar nasceu com a proposta de atender uma demanda que era bastante carente na cidade, já que poucos restaurantes trabalhavam com produtos mais saudáveis e naturais.

Inicialmente, funcionava apenas como delivery mas o negócio cresceu tanto, que em 2015 surgiu a oportunidade de terem um ambiente físico. Por ali é possível encontrar um cardápio completo  e com boa variedade de pratos saudáveis, tudo muito gostoso.

Os ingredientes utilizados são sempre fresquinhos e garantem excelentes experiências. Além de saborosas combinações de salada, os clientes ainda encontram pratos executivos, omeletes, tapiocas, sanduíches naturais, wraps, sobremesas com frutas e muito mais!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 11h às 21h

Telefone: (62) 3996-1233

Endereço: Av. D, 650 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74140-160

3 – Rosas Cozinha e Sentimento

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

Convenhamos, a começar pelo nome do restaurante já é possível saber o que esperar, não é mesmo? Por ali os clientes encontram um ambiente bastante agradável e acolhedor, com um climinha bem descontraído e contemporâneo, com quadros belíssimos nas paredes.

Na cozinha, receitas impecáveis e que dão lugar para produtos orgânicos e saudáveis. A proposta é fazer com que seus clientes encontrem alternativas que ajudem a manter a boa alimentação, sempre inovando no que há de mais moderno no segmento.

O cardápio oferece boas opções de salada, pratos quentes, legumes e muito mais! Tudo isso, com serviço self-service.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 11h30 às 14h30 / sábado, das 11h30 às 15h

Telefone: (62) 3223-5676

Endereço: Rua 2, 488 – Quadra F1, Lote 43 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74110-130

4 – República da Saúde

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

Além de uma opção para quem busca por uma boa salada em Goiânia, a República da Saúde funciona ainda para quem pretende desfrutar de uma refeição completa e saudável. A ideia do lugar nasceu em 2008 e desde então foi sendo adaptada para atender seu público.

Atualmente, o principal objetivo do lugar é difundir um estilo de vida saudável, baseado em uma alimentação o mais natural possível. Por ali ainda é possível encontrar um mercadinho com produtos orgânicos, com opções que não se encontram em supermercados normais.

De forma geral, o restaurante oferece buffets fartos, pães, café da manhã, saladas, vinhos e muito mais.

Horário de atendimento: segunda, das 8h às 20h / terça a domingo, das 8h às 21h

Telefones:

  • (62) 3942-5576
  • (62) 3924-8606

Endereços:

  • Rua 89, 655 – St. Sul, Goiânia – GO, 74093-140
  • Av. T-1, 398 – qd 26 lt 10 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74210-045

5 – Vila Verde

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

Mais uma excelente opção de salada em Goiânia, o Vila Verde é um restaurante bastante charmoso na cidade. Por ali é possível contar com um cardápio bem variado, com pratos saudáveis e muito gostosos, sempre utilizando ingredientes frescos.

O ambiente também não deixa a desejar, já que é confortável e acolhedor. Sem falar que ainda é possível contar um espacinho com redes para descansar. Nada melhor!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 11h às 18h

Telefone: (62) 98238-0074

Endereço: Av. T-5, 1601 – qd 01 lt 22 – Serrinha, Goiânia – GO, 74835-120

6 – Boali

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

Boali foi um dos primeiros restaurantes saudáveis em Goiânia, garantindo não apenas deliciosas opções de salada, mas também refeições completas e naturais. A rede nasceu em São Paulo e o sucesso foi tanto que logo se expandiu por todo o país, contando atualmente com mais de 30 unidades.

Além de saladas que você pode montar, ainda oferecem grelhados, crepes, wraps, bebidas e sobremesas leves em seu cardápio. Vale a pena conhecer e experimentar essas delícias! Clique aqui e confira os produtos disponíveis.

Horário de atendimento: segunda a sábado, das 10h às 22h30 / domingo, das 12h às 22h30

Telefone: (62) 3281-0562

Endereço: Flamboyant Shopping – Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – Loja 227 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-907

7 – Go Box Food

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

Considerado como um Fresh Fast Food, a casa traz um conceito inovador para Goiânia, representando um de nossos poucos fast foods saudáveis. O objetivo do local é incentivar seus clientes a introduzirem hábitos mais naturais na rotina, com alimentos orgânicos e práticas alimentares mais saudáveis.

O cardápio é rico em saladas, pratos com proteínas, sanduíches naturais e opções vegetarianas.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 10h30 às 20h / sábado, das 10h30 às 15h

Telefone: (62) 3241-9345

Endereço: Rua 1129 Qd 237 Lt 22 N 46 – St. Marista, Goiânia – GO, 74175-140

8 – Mais Grelhados e Saladas

Salada em Goiânia: x restaurantes para manter o projeto fit
Foto: Reprodução

E para fechar com chave de ouro, o Mais Grelhados e Saladas também é uma boa opção para quem está em busca de boa salada em Goiânia. O ambiente é agradável e acolhedor, servindo pratos à la carte, tapiocas, omeletes, sanduíches naturais,  sucos e muito mais! Para quem pretende manter uma alimentação saudável, também representa uma boa escolha!

Horário de atendimento: domingo a sexta, das 8h às 22h

Telefone: (62) 3579-1559

Endereço: Rua Machado de Assis Quadra 7 Lote 40 – Anhanguera, Goiânia – GO, 74335-100

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Governo de Goiás retira projeto que reformula Passe Livre Estudantil

Proposta inicial do governo retirava o benefício de mais de 60 mil estudantes.
13/05/2019, 18h42

Um ofício assinado pelo secretário da Casa Civil, Anderson Máximo, e enviado ao presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego), Lissauer Vieira (PSB), retira o projeto de autoria do governo estadual que muda as regras do Passe Livre Estudantil (PLE) da Assembleia. Ao retirar o projeto da Casa, governo vai reavaliar a proposta apresentada para as mudanças no programa.

Após a proposta ser apresentada na Casa, o projeto foi alvo de discussões na Alego, por parte da base aliada do governador Ronaldo Caiado (DEM) e de uma audiência pública promovida pela Casa para debater o assunto.

Além da audiência pública os movimentos estudantis se organizaram para manifestações em desfavor da proposta do governo estadual. Incialmente o projeto de lei nº 2388/2019 assinado por Ronaldo Caiado, reestrutura o PLE e cria o Programa Passe do Jovem Estudante (PJE).

Proposta retirava o direito ao Passe Livre Estudantil de estudantes do Ensino Fundamental, Técnico e Superior

A proposta inicial do governo era fazer um corte de R$ 40 milhões e propunha que o benefício fosse destinado apenas aos alunos do Ensino Médio da rede pública de ensino ou da rede privada na condição de bolsistas. Da maneira que o projeto foi apresentado na Comissão Mista da Casa e esperava por um relator, os estudantes do Ensino Fundamental, Técnico e Superior teriam os passes cancelados.

Caso o projeto fosse aprovado pela Alego, o estudante para ser contemplado como programa, iria precisar comprovar uma renda familiar de até três salários mínimos ou ser beneficiário de algum programa de erradicação da pobreza do Governo.

O PJE como passaria a ser chamado o programa, seria destinado aos estudantes da rede pública estadual, escolas comunitárias e filantrópicas, assim como alunos matriculados em colégios particulares, por meio de bolsa integral.

A proposta do governo retirava o benefício de 62.418 estudantes dos 85.075 que são beneficiados pelo programa. Com a redução, o número de beneficiários cairia para cerca de 22.657 alunos. Vale ressaltar que em janeiro deste ano, a Secretaria de Governo (Segov) afirmou que faria um pente fino nos cadastros do programa.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Bon Jovi anuncia que fará três novos shows no Brasil; veja datas

As vendas abrem para o público geral na próxima sexta-feira, 17.
13/05/2019, 18h59

A banda Bon Jovi anunciou pelo Instagram nesta segunda-feira, 13, que fará três shows extras no Brasil com a turnê This House Is Not For Sale.

O grupo musical vai se apresentar no Rock in Rio em 29 de setembro, mas antes subirá ao palco do Estádio do Arruda, em Recife , no dia 22 de setembro, do Allianz Parque, em São Paulo, em 25 de setembro, e da Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba , em 27 de setembro.

Haverá uma pré-venda exclusiva a partir das 10h (horário de Brasília) da próxima quarta-feira, 15, para clientes dos cartões Elo. As vendas abrem para o público geral na próxima sexta-feira, 17.

Confira o anúncio dos shows do Bom Jovi abaixo:

Clique aqui

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.